Aluguel de carro no exterior – usar o seguro do cartão de crédito ou da locadora?

Pessoal, uma das dúvidas que sempre surge aqui no site é se devemos pagar/aceitar os seguros das locadoras de veículos no exterior ou se devemos evitá-los e confiar apenas no seguro do cartão de crédito.

screen-shot-2017-03-06-at-08-50-35

Bom, por experiência própria minha eu sempre pego o seguro da locadora, por alguns motivos:

  • Caso aconteça algo eu não preciso pagar para depois ser reembolsado.
  • Basta devolver o carro na locadora após o incidente.
  • Geralmente a cobertura não tem franquia e cobrem até U$1 milhão e também danos à terceiros. (Muito importante ficar atento à este ponto)
  • Menos burocrático.

Já o seguro oferecido pelo cartão de crédito (pelos termos e condições) só é válido caso você opte por não aceitar nenhuma das proteções oferecidas pela locadora, caso contrário ele não se aplica (na verdade nunca passei por alguma situação pra saber se é verdade ou não).

No Brasil os cartões de alta renda oferecem um teto máximo de cobertura em caso de acidente/incidente:

  • Visa Infinite – U$90.000
  • Mastercard Black – U$75.000
  • The Platinum Card – U$50.000

Daí eu fico imaginando – imagina se eu bato o carro em um Bentley ou Ferrari e dá perda total e usei o seguro do cartão? Estou literalmente “com problemas”, não acham? Já para outras ocasiões comum, acredito que o cartão dá conta do recado.

Bom, graças à Deus eu nunca tive problema com nenhum evento relacionado à acidentes enquanto usando um carro no exterior por isto não posso dar minha opinião. Mas queria que algum leitor que já teve pudesse compartilhar dizendo o que aconteceu, quanto ficou a conta, qual cartão usou (ou se foi seguro da locadora), local e qual foi o veredito final da situação.

Com as informações dos comentários poderemos ter uma idéia melhor de qual optar – então vamos nos ajudar!