American Airlines pede concordata

Bom já não era surpresa pra todos que a American Airlines não estava indo bem nos negócios. Houve até quem duvidava, devido ao pedido neste ano de 460 aeronaves (o maior da historia).

Enfim, hoje A AMR, holding controladora da American Airlines, pediu concordata ao governo americano.

Esta ação, segundo o presidente da empresa, Thomas W. Horton, vai ser dificil, mas visa por reestabelecer a competitividade no mercado internacional da aviação. Além disso ele acredita que o pedido de concordata agora, é uma forma de tentar salvar a cia aérea antes que não tenha mais solução. Os altos custos operacionais serão revistos para garantir o futuro das subsidiárias.

Pra quem tem reserva e passagens compradas não precisa se preocupar, pois eles afirmam que tem 4 bilhoes de doláres em caixa para manter as operações nos próximos dias.

Para ler a integra do comunicado, basta acessar o site aa.com (em inglês).