Azul anuncia voos internacionais a partir de 2015

E hoje para a surpresa de muitos, a AZUL  anunciou um plano de expansão, que contempla uma nova frota de 11 aeronaves de grande porte. Com elas, a empresa pretende iniciar voos diretos de Campinas para os Estados Unidos a partir do primeiro trimestre de 2015. Esta operação confirma a Azul como uma nova empresa aérea de bandeira brasileira.

Para permitir essa expansão, serão incorporados cinco Airbus A350-900 – a mais avançada aeronave comercial do mundo – com entrega prevista para início de 2017, e mais seis Airbus A330-200, cujas entregas devem começar ainda no primeiro semestre deste ano. Dessa maneira, pelos próximos três anos, serão acrescidas 11 aeronaves wide-body (fuselagem larga) aos atuais 80 Embraer e 56 ATR.

azul airbus a350

Eu fui atrás das minhas fontes dentro da Azul, e um passarinho azul me afirmou que os 6 A330 virão da Emirates (modelo antigo de cabine), e que as primeiras rotas serão de Campinas para Fort Lauderdale (hub da JetBlue) e depois Campinas para Orlando. A rota entre Campinas e Nova York virá depois.

Aliás, oito das onze aeronaves serão arrendadas junto à ILFC (International Lease Finance Corporation) – referência mundial em leasing e locação de aeronaves. Quanto às demais, ainda não está definido pela companhia como será feito o negócio. Todas serão tracionadas por motores Rolls-Royce Trent, considerados os mais modernos, econômicos e confiáveis em todo o mundo.

O padrão de configuração das novas aeronaves prevê três classes de serviço. No caso dos A330-200, a companhia deverá manter as configurações atuais (que supostamente será da Emirates modelo antigo – nada de Suites). Gradativamente, os interiores receberão um novo pacote de melhorias, que incluirá uma total remodelagem, de maneira a oferecer uma experiência com o padrão de qualidade da Azul, com novos sistemas de entretenimento de bordo.

Já os A350-900 deixarão a fábrica em Toulouse, na França, equipados com a configuração a ser escolhida pela Azul. “Ao somarmos a enorme capacidade e a vasta gama de opções que essas aeronaves oferecem com o jeito Azul de ser e de fazer, estamos confiantes de que mudaremos o conceito de viagem internacional para os brasileiros”, afirma Neeleman.

Fiquei feliz com a notícia, assim teremos mais uma cia brasileira com opções para nós Brasileiros que somos refém apenas da TAM em aviões de fuselagem grande.

E aí, o que acharam da idéia?