Classe Executiva da LATAM no B787-8 – Bogota para Santiago

Cias Aéreas Classe Executiva

Por Fábio Vilela

Depois de 1 noite em Santiago, hora de voltar – eita perrengue de mileage run. Em Bogotá a LATAM usa sua sala VIP própria (que você confere o relato aqui). Fiz o check-in na fila preferencial, super bem recebido e atendido por sinal e depois e fui pro lounge esperar o vôo que  até então estava no horário.

O embarque atrasou  e curiosamente o avião estava parado no terminal de cargas do aeroporto – o trajeto de carro/ônibus até lá levou pelo menos uns 5-10 minutos – era a única aeronave naquele pátio – achei muito estranho.

O avião que fez o trajeto BOG-SCL foi exatamente o mesmo do dia anterior, e acreditem se quiser – a mesma tripulação também – então eu estava praticamente já familiarizado com tudo e todos.

Não vou focar na aeronave em si e nem em detalhes do assento pois vocês conferiram tudo no post de ontem. Vou só colocar algumas fotos da cabine em geral para o post não ficar muito sem contexto.

Aliás, deixa eu contar uma coincidência para vocês – acreditam que encontrei um grande amigo meu de SP fazendo os mesmos voos de volta que eu? Este mundo é muito pequeno mesmo – e tudo sem combinar!

Vôo LATAM LA 577 – 07/10/2017
Bogota (BOG) ✈ Santiago (SCL)
Assento: 5J – Classe Executiva
Partida: 23:10 / Chegada: 07:05+1 / Duração: 5h50
Aeronave: B787-8

Eu confesso que esta luz rosa do embarque me incomoda – acho que poderiam colocar algo mais neutro, não acham? A decolagem atrasou em quase 1 hora – o que quase me fez perder a conexão.

O layout da Premium Business (como vocês já conhecem) é 2-2-2 divido em 2 seções.

Como eu descobri que meu amigo estava no mesmo vôo, optamos por sentar juntos na lateral – assim não tinha problema de um incomodar o outro na hora de sair.

Aqui nesta foto vocês realmente conseguem notar que é impossível sair sem ter que pular o passageiro ao lado.

A poltrona é flatbed e possui ottoman mas o tecido está gasto e mal conservado.

LATAM B787-8 Premium Business.

Há uma pequena divisória para garantir um pouco mais de privacidade – mas nada muito significativo.

O que mais me chamou a atenção foi novamente o estado de conservação das aeronaves – realmente lamentável.

Comando da posição dos assentos.

Até o suporte da minha lateral estava despencando.

Mais partes da aeronave que estavam descascando.

O serviço começou com welcome drink e castanhas – como a tripulação já me conhecia o tratamento foi super cortês – sendo propositalmente ou não.

A primeira refeição foi uma salada com sanduíche quente e uma torta de limão – OK para um lanche rápido – mas nada muito elaborado. Novamente não teve MENU e as opções de vinho eram faladas pelos comissários – que por sinal sabiam muito bem sobre os rótulos.

Novamente vou falar sobre o design interno deste avião – demais né?

Os passageiros também receberam amenity kit’s da Salvatore Ferragamo e cobertores e mantas – igual ao vôo anterior.

Curiosamente neste trajeto foi servido uma segunda refeição  (diferente do anterior) – aliás foi mais um snack – café e um pão com mussarela – que estava tão dura que eu poderia usar como “serra”, rs. Horrível!

Enfim, para um vôo de 5h50 o serviço e atendimento foi bem satisfatório assim como o conforto da poltrona – como eu estava fazendo tudo isto somente pelo status e milhas/pontos, achei que atendeu as minhas expectativas.

Avaliação

Média
8.2

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis