Classe Executiva – Qsuite – da Qatar Airways no B77W – Seoul para Doha

Cias Aéreas Classe Executiva

Por Fábio Vilela

Enfim, hora  de conhecer a tão famosa Qsuite! O embarque aconteceu pontualmente, respeitando as prioridades e grupos. Como o voo estava bem vazio, logo o avião já estava com as portas fechadas.

Vôo Qatar Airways QR859 – 30/01/2018
Seoul (ICN) ✈ Doha (DOH)
Assento: 5A – Classe Executiva
Partida: 00:50 / Chegada: 05:25  / Duração: 10h15
Aeronave: B777-300ER

Para quem não sabe a Qatar introduziu a Qsuite ano passado com um novo conceito entitulado de “First in Business”. A cia quer que o passageiro de executiva tenha o mesmo conforto/requinte de primeira classe por isto introduziu “suites” nos aviões.

Para explicar de uma forma simples, o layout é 1-2-1, porem as poltronas do meio seguem um “arranjo” especial, principalmente os assentos conjugados que podem se transformar em um ambiente “único” para 4 pessoas conforme vou explicando para vocês pelas imagens.

As comissárias notaram que eu não parava de tirar fotos e fizeram questão de vir e explicar/detalhar a nova cabine pra mim – me explicaram o funcionamento do assento entre outras facilidades da Qsuite.

Os assentos do meio tem 2 opções – o primeiro são estes grudados um no outro. E como vocês podem imaginar, são os únicos que viram “cama de casal”.

Existe uma pequena repartição/divisória retrátil caso você esteja viajando com algum desconhecido – assim garante sua privacidade.

Nesta foto vocês conseguem ver a diferença dos assentos do meio. Aliás, vale lembrar que os assentos juntos, são todos virados para a traseira do avião, portanto você decola/pousa de costas.

Os assentos da laterais também são alternados – metade p/ frente (assentos pro lado do corredor) e metade para a parte do fundo (assentos pro lado da janela).

O 5A que é foi o. meu assento original era virado pra trás, em contrapartida a cadeira é próxima a janela – o que te dá uma visão melhor e mais privacidade em relação ao corredor.

Nesta foto da GoPro com uma amplitude maior da lente, fica mais fácil de entender.

O console que mencionei é este pequeno apoio do lado da porta.

Portanto, o assento fica bem grudado na janela.

Mesmo aparentando ser estreita pela foto, a cabine não é pequena – olha euzinho confortável lá dentro.

Eu confesso que olhando as fotos agora dá uma impressão esquisita do formato da cadeira – parece que ela é torta e bem apertada – mas posso garantir que não.

O mesmo console que eu mencionei também serve de apoio de braço já que só há um do lado direito.

Agora até eu estou encucado – esta cadeira é torta ou não?!

Aproveitando para explicar melhor os assentos laterais, vejam estas fotos:

Notem a alternação do layout – metade perto da janela e pra trás, e metade perto do corredor e pra frente.

Eu não acredito que os assentos que ficam próximos ao corredor tenha a privacidade comprometida – apesar de não ter experimentado.

Mas vejam que a porta já te protege bastante e como a Qatar não trabalha com carrinhos/trolleys passando, penso que não faça muita diferença.

Na verdade até parece que o console é um pouco maior aqui.

O último assento da primeira seção só tem uma janela, portanto CUIDADO!

Conforme eu falei as comissárias estavam MEGA simpáticas. Ainda em solo ofereceram bebidas e toalha umedecida (eles perguntam se você quer quente ou fria).

Logo em seguida entregam o cardápio – o que sou fã no serviço da Qatar é o “Dine on Demand”, ou seja, na executiva e primeira classe você come o que quiser e quanto quiser – uma maravilha para voos que saem em horários ingratos.

O assento foi muito bem elaborado no quesito facilidades – diversas portas USB’s, tomada universal, acesso rápido a posições pré-estabelecidas da poltrona, joystick touchscreen e ainda aquele sensor Payless para fazer pagamentos – não sei com isto funcionará no futuro.

Todas as Qsuites já vem como cobertores e travesseiros apoiados nesta mesinha.

Detalhe para os escritos.

O amenity kit padrão da Qatar é da Bric’s e o pijama da The White Company.

O console lateral também funciona como porta-objetos.

Lá você pode guardar o fone de ouvido, celular, carregador, entre outros.

O acabamento da poltrona é de primeira e os detalhes chamam à atenção.

A poltrona reclinada é total flatbed, mas afunila nos pés – ponto negativo. Penso que talvez se você for um pouco mais “gordinho”, o casulo da cadeira possa te incomodar/limitar seu espaço.

Sinceramente queria um dia conversar com os engenheiros que projetam estes assentos, rs. Será que o corpo deles é em formato de cone de sorvete? Rs.

Esta que eu tirei eu estava deitado, veja que a mesinha que fica escondida debaixo da tela limita mais ainda a altura do compartimento dos pés, ou seja, se você movimentar muito bruscamente enquanto dorme, seus joelhos irão bater lá.

Falando em mesa, ela é bem ampla – ideal tanto para comer e trabalhar.

O fone de ouvido era de boa qualidade e noise-cancelling.

O entretenimento de bordo era um show à parte – diversos canais de áudio, filmes, séries, jogos, etc.

Apesar do avião já ter a antena do wifi instalado, ele não estava operante. A Qatar está em negociação pra mudar o provedor de internet de suas aeronaves então acredito que era este o motivo.

Logo que decolamos eu já pedi para comer, pois queria aproveitar o resto do voo tirando mais fotos e curtindo a Qsuite.

O Snack Platter – são canapés oferecidos durante o voo – isto é exclusivo para os trajetos operados pela QSuite.

O champagne oferecido foi este da marca Lanson – alguém sabe se é bom/requintado?

Logo em seguida veio a sopa com pães – estava meio fria.

A salada estava MAGNÍFICA – poucas vezes comi uma salada tão bem elaborada com ingredientes exóticos e diferentes – nota 10!

O ravioli estava ótimo também – bem apresentado e bem servido.

Eu ainda pedi o prato de queijo – que tem esta apresentação padrão em todos os voos da Qatar – não muda nem para a Primeira Classe.

E por fim torta de limão – ótima e com uma bela apresentação.

Logo que embarquei, eu mencionei com as comissárias que queria a cama de casal quando fosse dormir. Como a executiva estava SUPER vazia, elas falaram que iriam arrumar logo ao meu lado. Enquanto eu comia elas fizeram a cama – como notaram que eu estava tirando foto sem parar, fizeram questão de deixar tudo impecável!

A cama é literalmente de casal, mas não se empolgue pelas imagens e vou explicar o porquê.

Note que se você deslizar as TV’s para o lado (elas funcionam como divisor), os 4 assentos se conectam, ideal para pequenas famílias já que todos ficam de frente um para o outro.

Voltando ao assunto do conforto da cama de casal – na verdade é mais MARKETING do que funcional. Primeiro porque tem uma divisão dura entre os dois assentos portanto para você dormir mesmo tem que ser na diagonal se estiver sozinho – caso esteja com seu crush, cada um vai ter que dormir para um lado, pois esta mesma divisória atrapalha as cabeças.

O mesmo acontece com os pés – tem uma divisória entre os dois assentos – portanto mesmo sendo uma cama de casal, você precisa dormir de pernas abertas (caso estiver sozinho) ou se tiver acompanhado, cada um enfia as pernas em um buraco individual.  Entenderam porque o conceito da cama de casal não é muito prático? Eu particularmente não achei nada funcional!

Aqui eu mostro a estrutura melhor que divide os dois assentos e atrapalha na hora de dormir de conchinha, rs.

Bom, detalhes a parte, aproveitei para fazer várias fotos, já que eu estava com a cabine praticamente só para mim.

Vejam que nesta imagem os monitores estão para o lado.

Já nesta aqui eles estão no centro, ou seja, fechados.

 

Como eu não consegui dormir pois estava muito excitado/animado, acabei pedindo o Snack Platter para experimentar – veio bem delicado a apresentação.

Continuando meu book – aproveitei para fazer algumas gracinhas né mores? Afinal não é todo dia que você tem quatro assentos à seu dispor.

Fiz várias simulações de posições, rs.

Veja que nesta foto onde eu finjo estar dormindo, rs, precisei ficar na diagonal para aproveitar toda a cama, caso contrário não é possível.

Fábio assistindo TV – olha eu ali no cantinho.

Fábio pulando na cama, rs. Sim gente, até isto eu fiz!

E esta foto vocês conseguem ver mais uma vez o que falei sobre os pés – não dá para aproveitar a “cama de casal” por inteira já que a divisória atrapalha e muito.

Quase chegando em Doha pedi o café da manhã – como eu já tinha virado best das comissárias elas se ofereceram para montar uma mesa completa – com todas as opções – eu óbvio aceitei – afinal fartura é comigo mesmo.

Veio de tudo – panquecas, torradas, frios, geléias, pães, cereais, capuccino, frutas, etc. – Um mar de comida!

E claro que não poderia deixar de registrar este momento né? O melhor foi a comissária escalando os assentos para fazer minha foto – eu e ela só ríamos – ainda bem que ela entrou na brincadeira.

Bom pessoal, conforme vocês puderam ver – realmente a QSuite é um produto inovador e digamos que inédito no mercado. Porém depois de testar a cabine, posso afirmar que houve muito “marketing” em cima do produto supervalorizando o mesmo.

Claro que o assento é bacana, a privacidade é boa e a qualidade da cabine é indiscutível – mas se pararmos para analisar como um todo – engenharia da poltrona, espaço do assento e funcionalidade da cama de casal, etc – a poltrona não é  das mais confortáveis disponíveis no mercado.

E vocês, já tiveram a chance de voar na Qsuite? O que acharam?

Avaliação

  • Check-in:
  • Embarque:
  • Poltrona:
  • Atendimento:
  • Refeição:
  • Entretenimento de bordo:
  • Amenity Kit:
  • Internet:
  • Pontualidade:
  • Limpeza:
Média
9.4

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis