Como foi a experiência de voar no novo Airbus A330neo da TAP!

Diversos

Por Equipe | Passageiro de Primeira

INTRODUÇÃO

Pessoal, fomos convidados a fazer o voo teste do primeiro A330-900neo da TAP! Enviamos um novo colaborador do Passageiro de Primeira para fazer a avaliação (apresentaremos em breve). Foi ele quem escreveu o relato abaixo! Estamos crescendo e aos poucos teremos relatos de outros convidados em nossa página. No site novo, nome do autor ficará em evidencia e incluiremos filtros para melhor visualização e busca! 🙂

Espero que gostem! Conto com feedback de vocês nos comentários!

Fábio!


 

Pessoal, fomos convidados pela TAP para estar presente no voo teste do primeiro A330-900neo que entrará em operação (inclusive o post está sendo escrito de dentro do avião).

A aeronave saiu da fábrica da Airbus em Toulouse, na França, partindo para Lisboa. De lá foi para o Rio de Janeiro, retornou a Lisboa, partindo para o Brasil novamente, porém dessa vez para São Paulo.

E foi justamente nessa última rota para São Paulo que embarcamos, que partiu de Lisboa no dia (21/06)! Vamos contar aqui como foi a experiência nesse voo teste.


Um pouco mais sobre o A330neo

O A330neo foi concebido para reduzir em mais de 14 por cento o consumo de combustível por assento. As duas versões, A330-800 e A330-900, contam com a última geração de motores Rolls-Royce Trent 7000 e a nova cabine AirSpace by Airbus.

A nova aeronave também oferece um alcance extra de 400 milhas náuticas em relação a primeira geração.


Airspace by Airbus

A TAP será a primeira companhia a oferecer a cabine Airspace, um conceito apresentado pela Airbus na Aircraft Interiors Expo em 2016, que busca oferecer uma experiência na cabine mais agradável para os passageiros, através de um sistema de iluminação de LED de última geração que produz tons mais agradáveis aos olhos, mais espaço nos banheiros e compartimentos de bagagens e sistemas de entretenimento de última geração.

Vejam fotos que tiramos durante o evento em 2016:


O que é essa etapa de voos teste?

É a etapa final da fase de certificação das aeronaves, estes testes também são conhecidos como “testes de rota” e incluem missões ETOPS (Extended Twin Engine Operations), aterrisagens de desvio em aeroportos e testes de handling. O A330neo irá passar por 15 dos principais aeroportos nos cinco continentes, para que atinja as 150 horas de teste de voo.

Após esse processo a aeronave recebe as certificações e passa a ser disponibilizada para TAP (previsão para outubro de 2018).


Nossa experiência a bordo do A330neo

Logo no embarque (na remota) fomos autorizados a tirar fotos do avião de diversos ângulos antes de entrar na aeronave.

Como disse, era um voo teste e foi operado em conjunto entre a TAP e a Airbus, tanto que os pilotos eram da Airbus além de contar com diversos funcionários da empresa francesa realizando o monitoramento dos equipamentos.

Além disso recebemos este folheto com mais informações da aeronave (vou colocar a versão digital da parte interior para vocês visualizarem melhor):

Praticamente todos os assentos das classes (Economy, Premium Economy e Business) já estavam instalados, apenas uma parte da Premium Economy que estava com equipamentos da Airbus para monitoramento dos dados do voo:


A aeronave

Quero começar falando do conceito da AirSpace by Airbus, que pude perceber de fato depois que escureceu e o sistema de luz começou a fazer efeito.

A iluminação de LED de última geração realmente consegue entregar uma sensação de tranquilidade e relaxamento:

Outro ponto desse conceito de cabine é o compartimento de bagagem de mão, muito mais espaçoso e detalhe para o “espelhinho” na parte de cima (quem nunca deixou cair alguma coisa e ficou se pendurando para ver se achava?):

E por fim os banheiros que ficaram mais espaçosos e iluminados, além de tomadas e água morna:


Economy

Os assentos na econômica são dispostos no layout 2-4-2:

O espaço para pernas no assento é bom:

O encosto de cabeça surpreendeu, muito agradável se tratando de econômica e versátil, podendo atender pessoas de diversas alturas:

A reclinação do assento é padrão, sem grandes novidades aqui:


Premium Economy

Não sabemos como a TAP vai denominar esses assentos, eles possuem mais espaço e reclinação. Será que vai chamar “premium economy” ou apenas um econômica com mais espaço?

Os assentos na Premium Economy são dispostos também no layout 2-4-2:

Possui um espaço para as pernas muito bom (quem senta na primeira fileira dessa sessão tem um espaço enorme):

Assim como na econômica possui um encosto de cabeça versátil e agradável. A reclinação do assento é maior, para quem viaja de econômica e considera investir um pouco mais, sem dúvidas vale pegar um assento na “Premium Economy”, o conforto é bem maior!


Business

Essa foi a cabine onde viajamos, são um total de 34 assentos no layout é 1-2-1 todos com acesso ao corredor. Reparem que nos assentos centrais a fileira com consoles no corredor dá mais privacidade ao passageiro:

Os assentos individuais (janela) mudam apenas a posição do console de acordo com a fileira, sendo que aqueles com o console no corredor fornecem uma privacidade maior, vejam as diferenças:

Há diversos porta objetos, no console está o joystick e acredito que futuramente o fone de ouvido (Não foram fornecidos fones de ouvido pois não estava previsto ter entretenimento a bordo nesse voo, porém eles conseguiram carregar o conteúdo).

Outro porta objetos ao lado do banco:

Na parte inferior do assento estão as entradas de fone de ouvido, tomada universal e 2 USB (sendo uma de energia):

A mesa fica “escondida” embaixo do monitor, que fica na diagonal para facilitar o acesso ao assento:

Depois que você está sentado tanto a mesa quanto o monitor podem ser regulados de acordo com a preferência do passageiro:

Na lateral do console estão os comandos do assento:

Vejam o assento na posição cama:

Vejam que há um afunilamento nos pés, mas não chega a incomodar muito:

O sistema se entretenimento é bem rápido, com tela touch screen e fornece filmes, música, jogos e um mapa bastante interativo do voo:


Experiência do voo

Os comissários da TAP foram muito atenciosos e cordiais, mesmo sendo apenas um voo teste prestaram um serviço excelente.

A TAP forneceu um Amenity Kit da Castelbel:

Dentro tinha um par de meias nas cores da TAP, hidratante, marcador de páginas, tapa olho, protetor de ouvido, pasta e escova de dente, pente, caneta e uma sacola aromatizada (para colocar na mala e deixar as roupas cheirosas).


*Pessoal essa não é uma avaliação “oficial” pois se tratou de um voo teste, vamos contar a experiência, mas quando o voo estiver realmente em operação podemos avaliar por completo!


Por solicitação da Airbus, não foi autorizado a distribuição de bebidas alcoólicas no voo.

Não existia um cardápio para fazer as escolhas, o serviço começou com um aperitivo:

Em seguida trouxeram a entrada, com a sopa (estava muito boa!) sendo opcional:

Haviam 3 opções de prato principal (massa, carne ou peixe), escolhi a massa, muito saborosa também!:

E por fim a sobremesa, minha escolha foi o Pastel de Belém:


Opinião final sobre o voo

A decolagem foi incrível, o avião produz bem menos barulho e mesmo quando é aumentada a potência do motor não te incomoda.

Durante o voo é impressionante como o nível de ruído é menor, a viagem se torna mais tranquila e agradável.

O conceito do Airspace traz um visual mais futurista, mas sem exageros! O aumento do espaço do compartimento de bagagem e dos banheiros é um ponto muito positivo!

Quem tiver a oportunidade de voar nesse avião quando ele estiver disponível não pense duas vezes!

A tecnologia e as inovações mudam constantemente, e no mundo da aviação não é diferente! As companhias aéreas têm que atualizar suas frotas, uma experiência de voo agradável é uma forma muito efetiva de fidelizar seu cliente.

Parabéns a TAP pela bela aeronave!

OBS: Depois postarei o relato da ida, na econômica do A340.

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis