Conclusão da Viagem – Quantas milhas gastei e como emiti minhas passagens

Diversos

Por Fábio Vilela

Enfim, mais um Trip Report chegou ao fim e agora vou discriminar para vocês como foram feitas as emisões das minhas passagens. O meu roteiro todo foi assim: (Para saber como fazer este mapa leia este post)

map-8

Vamos então desmembrar os trechos:

São Paulo – Paris – Copenhagen – 65.000 milhas no Smiles / Classe executiva da Air France no B777 com os novos assentos e no A320.

Eu havia transferido 100 mil em Outubro do programa do Bradesco que iriam vencer e ganhei 30% de bônus então o custo saiu por 50.000.

map

Copenhagen – Istambul – Dhaka – 30.000 milhas Miles&Smiles (programa de fidelidade da Turkish Airlines) / Classe Executiva da Turkish no A321 e depois no A330.

Eu tinha apenas 25.000 milhas então comprei as outras 5.000 direto do site da TK por 100 EUR.

map-2

Dhaka – Abu Dhabi – London – 40.000 milhas AAdvantage / Primeira Classe da Etihad no B777 e depois no First Class Apartment A380.

Como o programa da American cobra 40.000 milhas entre Oriente Médio ou Sub-continentente Indiano para Europa, eu quis otimizar o máximo este gasto. Foi por isto que fui pra Dhaka em Bangladesh. Assim pude  voar em 2 aviões da Etihad na Primeira Classe no mesmo resgate sem pagar nada extra por isto.

map-3

London – Abu Dhabi – Johannesburgo – 70.000 milhas topbonus (Programa de Fidelidade da airberlin) / Classe Executiva da Etihad no A380 e depois no A330.

Ano passado a airberlin fez uma promoção imperdível onde estava vendendo 70.000 milhas por U$490 e acabei achando um ótimo resgate para elas.

map-4

Johannesburgo – Dar es Salam – Johannesburgo –  42.000 milhas Miles + Bonus (Programa de Fidelidade da Aegean Airlines) / Ida e Volta na Classe Executiva da South African Airways no B737 e depois no A319.

Uma grande vantagem do programa da Aegean é que você pode combinar saldo de diversas contas em uma conta só chamada de Together Account, o que facilita na hora do resgate. Isto é ótimo para famílias.

map-5

Johannesburgo – Atlanta – 52.500 milhas no Smiles / Classe executiva da Delta no B777-200LR (Emitida na tabela antiga).

Este foi o último resgate que fiz na tabela antiga que ainda não havia utilizado. Emiti com quase 1 ano de antecedência.

map-6

Atlanta – Toronto – São Paulo – 12.000 milhas + U$283,25 no LifeMiles / Classe executiva da Air Canada no CRJ705 e B777-200LR.

Ano passado durante apenas um dia o LifeMiles emitiu passagens por 50% do valor real. Eu aproveitei e emiti na opção Cash + Milhas o que foi um ótimo custo x benefício.

map-7

Bom espero mais uma vez ter mostrado para vocês como usar de forma inteligente e otimizar suas milhas. Como vocês podem ver há inúmeros programas de fidelidade no mundo cada um com sua respectiva vantagem. Veja o quanto diversifiquei nas emissões já que cada cia aérea cobra valores diferentes para os mesmos resgates.

Então quando me perguntam qual programa de fidelidade escolher, eu sinceramente não tenho resposta. O ideal é você concentrar suas milhas/pontos em poucos programas pra ter as milhas combinadas na hora da emissão. No meu caso pessoal eu prefiro diversificar um pouco mais pois no ritmo de viagens que tenho sempre vou achar o uso mesmo para elas mesmo que tenha saldo pequenos nas contas. Mas isto tudo vai do perfil do viajante, pois se você está acostumado a fazer somente Brasil x EUA não justifica pontuar/acumular em diversos programas.

Somos reféns no Brasil de programas de fidelidade limitados e com opções de resgates nada vantajosas para nós passageiros. Por isto sempre falo pessoal: pesquisem, leiam se interessem pelo assunto. Milhas/Pontos são “dinheiro” e com certeza você quer ver elas investidas/gastas da melhor forma, né?

E por fim, quero agradecer o apoio de todos vocês e palavras de incentivo que sempre leio por aqui parabenizando meu trabalho. Vocês são demais!

E fiquem ligados que logo mais já tem Trip Report novo por aí! Aliás para quem me acompanha no Facebook e Instagram vocês devem ter notado que não estou voando recentemente né? Primeiro foi porque ganhei mais um sobrinho lindo que nasceu fora de hora enquanto eu estava voando, então estou curtindo este momento tio babão e aproveitando meu tempo em casa. E segundo que desde que cheguei no final de Janeiro precisei passar por uma pequena cirurgia e estou de “repouso” por recomendação médica, mas logo recebo alta e estarei voando novamente para trazer as novidades para vocês. 😉

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis