Delta deixa de usar itens de plástico descartáveis em suas aeronaves e salas vip’s

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Delta Air Lines continua eliminando o uso de uma série de itens de plástico descartáveis, incluindo mexedores de café e bebidas, embalagens, utensílios e canudos de suas aeronaves e dos Delta Sky Clubs. Esse esforço contínuo foi adotado logo após a iniciativa da companhia aérea global de eliminar a embalagem plástica da Main Cabin internacional em abril. A Delta espera eliminar mais de 136 mil quilos em resíduos plásticos por ano – mais do que o peso de duas aeronaves Boeing 757.

Outras iniciativas que contribuem para os esforços de longo prazo da companhia incluem a eliminação de embalagens plásticas desnecessárias dos kits de produtos Delta One e a redução de itens de isopor nas cafeterias da sede da companhia aérea em Atlanta, que são substituídos por embalagens compostáveis e/ou reutilizáveis. O escritório da Delta em Minneapolis deixou de usar isopor por completo em 2015.

Além disso, a Delta formou o Youth Advisory Council, Conselho Consultivo de Jovens, que ajuda a orientar o trabalho da companhia aérea para minimizar o uso de itens de plástico descartáveis e apoiar outras iniciativas de sustentabilidade. Os membros iniciais incluem os jovens da Geórgia, Carter e Olivia Ries, que fundaram o One More Generation, e Shelby O’Neil, que mora na Califórnia e fundou o Jr Ocean Guardians. Carter, Olivia e Shelby foram fundamentais neste último ano nos esforços de sustentabilidade nas unidades da Delta, incluindo a iniciativa No-Straw November (Novembro sem canudo), durante a qual eles falaram aos funcionários sobre a importância de reduzir os itens de plástico descartáveis.

Emma Kavanaugh, fundadora e presidente do Surfrider Youth Club na St. Thomas Aquinas High School na Flórida, se juntará ao trio como membro inicial, enquanto uma parceria com a Captain Planet Foundation buscará outros membros por meio de um processo de recrutamento que será lançado em novembro com foco na diversidade de localizações geográficas e eco paixões. O Youth Advisory Council complementará o grupo GreenUp, liderado por funcionários da Delta, que, com a equipe em geral, busca formas de impacto positivo no meio ambiente.

No Delta Sky Clubs, os canudos e mexedores de plástico vermelhos serão substituídos por mexedores de bebidas feitos de bambu ecológico e mexedores de café feitos de madeira de bétula, e nas aeronaves, os canudos e mexedores de plástico vermelhos serão substituídos pelas mesmas alternativas a partir de meados de 2019. Juntas, as mudanças eliminarão mais de 183 milhões de canudos e mexedores de plástico das aeronaves e dos Delta Clubs. Canudos de palhas compostáveis estarão disponíveis nos Delta Clubs, mediante solicitação do cliente.

Os Delta Sky Clubs também começaram a migrar para alternativas compostáveis em seus itens de serviço. A Delta opera em parceria com os aeroportos de Seattle e Minneapolis desde 2016 e 2017, respectivamente, para ajudar a gerenciar os resíduos compostáveis de seus clubes, e a companhia aérea trabalha agora para identificar as melhores formas de expandir a compostagem em todos os 51 aeroportos onde seus clubes estão localizados.

Os clientes já podem ver essas mudanças sustentáveis nos Delta Sky Clubs:
  • Pratos, talheres, tigelas e louças não compostáveis estão sendo substituídos por alternativas compostáveis (em Seattle, esse processo começou em 2016);
  • Os mexedores de plástico estão sendo substituídos por mexedores de bambu para bebidas frias e mexedores de madeira de bétula para bebidas quentes;
  • Os canudos de plástico estão sendo substituídos por mexedores de bambu para bebidas frias e mexedores de madeira de bétula para bebidas quentes (canudos compostáveis estão disponíveis mediante solicitação do cliente).
Os clientes poderão ver essas melhorias sustentáveis na sua experiência a bordo das aeronaves Delta a partir de meados de 2019:
  • Os kits de produtos Delta One Tumi não terão embalagem plástica externa;
  • Os mexedores de plástico estão sendo substituídos por mexedores de bambu para bebidas frias e mexedores de madeira de bétula para bebidas quentes;
  • Os canudos de plástico estão sendo substituídos por mexedores de bambu para bebidas frias e mexedores de madeira de bétula para bebidas quentes.

Desde abril de 2018, os utensílios embrulhados em plástico da Main Cabin em voos internacionais não têm mais a embalagem plástica externa e são enrolados em um guardanapo.

A iniciativa da Delta de reduzir itens de plástico descartáveis desnecessários faz parte da sua estratégia de sustentabilidade líder do setor que analisou as rotas para ajustar a quantidade de alimentos, bebidas e outros itens à demanda do cliente, resultando em reduções significativas de resíduos e emissões. Essa estratégia também tornou a Delta a primeira companhia aérea dos Estados Unidos a oferecer compensações de carbono aos clientes e a única companhia aérea a limitar voluntariamente as emissões de carbono nos níveis de 2012, comprando compensações de carbono – mais de 2,5 milhões só em 2017 e quase 9 milhões de créditos de carbono desde que começou essa iniciativa. A Delta foi a primeira companhia aérea dos Estados Unidos a reciclar latas de alumínio, garrafas e copos plásticos, jornais e revistas das aeronaves. Além disso, a Delta, em 10 anos, reciclou mais de 1.360 milhões de quilos de alumínio utilizado a bordo – o equivalente a 22 aeronaves Boeing 747. Os recursos desse programa e da reciclagem de óleo e sucata do departamento Tech Ops foram usados para construir 12 das 264 casas que a Delta construiu com a Habitat for Humanity globalmente.


É sempre bom ver uma iniciativa dessas né? O meio ambiente agradece!

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis