Em quais circunstâncias valeria a pena solicitar o AMEX BLACK?

Pessoal,

Depois que publicamos sobre o AMEX CENTURION, algumas pessoas me enviaram mensagens no Instagram pedindo detalhes de como conseguir o cartão e em quais circunstâncias valeria a pena.

O cartão BLACK tem um taxa de acumulo de 1 ponto por USD gasto, que é incompreensível.

 

Por outro lado oferece uma série de bons benefícios, mas que são possíveis conseguir com outras opções, como o The Platinum Card ou Citi Prestige, com anuidades muito mais baratas.

A única GRANDE vantagem do cartão BLACK é o upgrade para PRIMEIRA CLASSE, que funciona assim: Ao adquirir passagens em classe executiva, os portadores recebem upgrade gratuito para primeira classe (sujeito à disponibilidade no momento da reserva e com restrição de tarifas). As tarifas que se qualificam no programa são aquelas  “cheias” ou FLEX – que são as mais altas.

O post teve muita repercussão e acho que poucos conseguiram enxergar que o cartão poder ser útil em algumas circunstancias. Imaginem o seguinte:


PERFIL DO LEITOR FICTÍCIO  – “JOHN RICH SMIGGLES”

“JOHN SMIGGLES” é americano, empresário, morando no Brasil, com viagens frequentes para Alemanha (mais de 10x ao ano), na maioria das vezes compradas em classe executiva de ÚLTIMA HORA e com estadia de 1 ou 2 noites. Mais importante, ele é F-A-N-Á-T-I-C-O por aviação. Curte uma viagenzinha em primeira! 😉

Como bem sabemos, as passagens de última hora e com estadia curta são caras e muitas vezes vendidas somente na tarifa “cheia” ou flex. O leitor “John” já chegou a pagar USD 8 mil por uma passagem de executiva na Lufthansa comprada para viajar no dia seguinte!


SIMULAÇÃO DE COMPRA DE UMA PASSAGEM DE ÚLTIMA HORA

Usei como base uma passagem entre os dias 25 e 27 de maio para Frankfurt. Em vermelho é o valor para Executiva Flex e em Verde para Primeira Classe:

 

 

Vejam que na simulação, a única tarifa disponível é justamente a FLEX! Se o “JOHN” fosse de qualquer maneira comprar a passagem e tivesse o cartão BLACK, ele pagaria a executiva e receberia o upgrade para PRIMEIRA gratuitamente. Estamos falando de um beneficio de aproximadamente USD 2.500.

NADA MAL voar nesta cabine!

DCIM103GOPROGOPR0433.


A OFERTA DO “JOHN RICH SMIGGLES”

Agora imaginem que o “JOHN” recebeu uma proposta de adesão para o cartão CENTURION com 100% de isenção na taxa e 150.000 pontos Membership (após USD 25.000 gastos nos 3 primeiros meses):


MINHA OPINIÃO

A oferta que o John recebeu não tem custo de adesão, mas ainda tem USD 3.000 de anuidade. Considerando o “pacote” inteiro EU NÃO SOLICITARIA!

MAS para o perfil do JOHN…

Considerando que a situação exemplificada acima poderia repetir em 5 das 10 viagens que o JOHN faz para Alemanha e que ele gosta de viajar de PRIMEIRA CLASSE, acho que o cartão passa a VALER A PENA!!!

Vocês concordam comigo?

OBSERVAÇÕES

  • A oferta acima é REAL, enviada para o Passageiro de Primeira por um leitor que preferiu não se identificar;
  • Será que o “JOHN RICH SMIGGLES” existe? 😉