Há 30 anos, nascia o aeroporto de Guarulhos. Você está satisfeito com as melhorias?

Li esta reportagem no Estadão e achei interessante saber que exatamente há 30 anos atrás nascia o aeroporto de Guarulhos.

Foto: http://aviationarch.blogspot.co.uk

“Em um chuvoso 20 de janeiro de 1985, um Boeing 747 – jumbo de dois andares – fez o pouso inaugural na pista do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. O avião estava lotado de autoridades, abastecidas com champanhe Dom Pérignon, safra 1975, enquanto no interior do aeroporto 20 mil curiosos enchiam as escadas de barro vermelho molhado, pulavam cercas e subiam nos jardins para enxergar melhor a pista. O voo 861 da Varig, vindo de Nova York, estreou a operação de Cumbica.

Há 30 anos, nascia o maior aeroporto do País e hoje o mais movimentado do Hemisfério Sul. De lá para cá, o número de passageiros cresceu 16 vezes, chegando a 108 mil por dia em 2014. Segundo funcionários que acompanharam a evolução do aeroporto, “tudo mudou”. “Até então, quem voava era uma classe privilegiada, elite. A comissária também era diferente: tinha feijoada a bordo, caviar, porcelana”, lembra Joel Carlos Cruz de Oliveira, de 65 anos, funcionário de Cumbica desde 1985. “O painel que mostrava os voos era manual, com papéis confeccionados. Hoje tudo é informatizado”, afirma ele, que coordena o Centro de Gerenciamento de Operações.”

Bom, com você sabem ano passado foi um grande marco para o aeroporto com a inauguração do moderno e amplo Terminal 3.

Foto: GRU Airport

Sem dúvida alguma foi uma melhoria indiscutível na vida dos passageiros, porém há alguns pontos do novo Terminal que acho que deixam a desejar:

  • Elevadores que só cabem 1 carrinho por vez.
  • Wifi inoperante na maioria das vezes.
  • Ar condicionado que parece estar com defeito pois está sempre um calor, principalmente no desembarque.
  • Pequeno corredor do Duty free para passar com carrinho de malas.
  • Fila de táxi kilométrica em horário de pico. (Não sei se isto tem relação com  administração do aeroporto)

E vocês, o que estão achando do novo Terminal 3?