O Oriente Médio e a Ásia-Pacífico recebem o tour de demonstração do A350-1000

Pessoal, confesso que já estou ansioso para voar nesta maravilha!

A aeronave de fuselagem larga mais avançada do mundo inicia um tour de três semanas nas regiões do Oriente Médio e da Ásia-Pacífico. Os testes duraram menos que um ano e já alcançou as certificações EASA e da FAA, que são as agências reguladoras do setor de aviação, a EASA na Europa e a FAA nos Estados Unidos.

A Qatar Airways receberá a primeira entrega nas próximas semanas do A350-1000, que tem nada menos que um design e desempenho excelente. Uma das três aeronaves a MSN065 está equipada com 40 assentos na classe executiva, 36 na econômica plus e 219 na econômica comfort.

O tour do A350-1000 irá passar por 12 lugares, e irá desfrutar de 55.500 km passando por: Doha, Muscat, Hong Kong, Seul, Taipei, Hanói, Singapura, Bangkok, Sydney, Auckland, Tóquio e Manila. E terá uma parada mais longa em Singapura, onde o Singapore Airshow o exibirá do dia 6 a 8 de fevereiro.

Em nota oficial a Airbus fornece diversos dados “O A350-1000 é o mais recente membro da família A350 XWB. Ela possui um alto nível de convergência com o A350-900, com 95% de números comuns de peças de componentes de sistemas e a mesma Classificação de Tipo. Além de ter uma fuselagem mais longa para acomodar 40 passageiros a mais do que o A350-900 (em uma configuração típica de 3 classes), o A350-1000 também possui uma borda de arrasto da asa modificada, novo trem de pouso principal de seis rodas, e motores Rolls-Royce Trent XWB-97 mais poderosos. Juntamente com o A350-900, o A350-1000 molda o futuro das viagens aéreas, oferecendo níveis de eficiência sem precedentes e um conforto incomparável em sua cabine de passageiros “Airspace”. Com a sua capacidade adicional, o A350-1000 está perfeitamente adaptado para algumas das mais movimentadas rotas de longo percurso. Até o momento, 11 clientes de cinco continentes já encomendaram um total de 169 aeronaves A350-1000”.

Bem que o tour poderia passar pelo Brasil, não é mesmo? Rs