Passageiro da primeira classe é expulso por levar bebidas aos amigos na econômica

Pessoal, aconteceu num voo da American Airlines, o passageiro teve más condutas desde o embarque!

O portal InfoMoney fez uma matéria sobre o ocorrido, assim como o portal The Points Guy (a redatora do site Katie Genter estava no voo e contou o que viu).

Um grupo de amigos estava no voo de Filadélfia com destino a Atlanta, e somente um deles estava na primeira classe, onde recebeu uma bebida de boas vindas pela comissária.

Tudo começou no embarque. O passageiro da primeira classe conseguiu convencer o agente do portão para que seus amigos – que estavam com bilhetes para a classe econômica – embarcassem com a mesma prioridade que ele; os amigos da classe econômica estavam cheios de bagagem de mão e não foram cobrados. A comemoração da conquista foram com palavras impróprias.

Já dentro da aeronave, após receber sua bebida de boas vindas, o passageiro da primeira classe solicitou mais duas bebidas. A comissária de bordo informou que seria servido apenas um drink por vez. O passageiro insistiu falando que a bebida era para uma passageira ao lado dele – que segundo a relatora do TPG informou –  era uma desconhecida e aparentava não querer a bebida.

Ele conseguiu as duas bebidas e tentou levar na classe econômica, onde estavam os amigos e foi interrompido pela comissária de bordo. Ele alegou estar indo ao banheiro, e a comissária recomendou que usasse o da primeira classe.

Em seguida enviou uma mensagem aos amigos para que eles usassem o banheiro da primeira classe. Os amigos foram interrompidos pela comissária que informou que usassem o banheiro da econômica. O passageiro da primeira classe tentou argumentar com a comissária e não teve sucesso.

Tudo isso aconteceu enquanto o procedimento de embarque ainda estava em andamento, ou seja, o voo não havia decolado.

Minutos depois um representante da American Airlines entrou na aeronave com um documento em mãos e solicitou que o indivíduo (da primeira classe) saísse da aeronave.

A companhia aérea declarou “O passageiro causou um tumulto durante o procedimento de embarque. Nós oferecemos a possibilidade de transferi-lo para um voo posterior, mas ele negou e nós lhe pagamos o reembolso completo“.

Aproveitando o assunto de permissões e proibições, o Fábio já escreveu sobre o que pode e o que não pode ser levado com souvenir dos voos.

Qual a opinião de vocês sobre essa situação toda? Já presenciaram algo inusitado assim? Vocês acham que a reação da cia aérea foi correta?

OBS: A primeira classe domestica da AA em voos domestico é na verdade uma poltrona maior! O Fábio já avaliou!