Passagens de Primeira Classe para Europa por 134.000 milhas (ida e volta)

Programas de fidelidade Promoções 28

Por Fábio Vilela

Pessoal, programa Amigo da Avianca Brasil está oferecendo 50% de bônus para quem realizar transferência de pontos entre dos cartões Bradesco ou American Express entre os dias 11/02/2016 e 15/03/2016.

Header - Bradesco-Amex

Para saber se vale a pena, confira a tabela de resgate nos parceiros da Star Alliance.

TABELA REDEMPTION

Vejam que alguns exemplos de resgate: Notem que eu estou colocando o custo final, ou seja, já contemplando que você recebeu o bônus de 50%.

  • Brasil x Am. do Norte em Business (ida e volta) = custo 94k
  • Brasil x Am. do Norte em Primeira Classe (ida e volta) = custo 100k
  • Brasil x  Europa (Leste) em Primeira Classe (ida e volta) = custo 134k (ótimo negócio)
  • Brasil x Oriente Médio/África em Primeira Classe (ida e volta) = custo 120k
  • Brasil x África do Sul em Excutiva (ida e volta) = custo 80k

Para saber mais sobre as regiões consulte a tabela abaixo:

TABELA LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA

Lembrando que os resgates em parceiros é feito somente via Call Center.

Aliás, preciso saber, quem aí já fez resgate de cias parceiras usando o Amigo? Foi fácil? Tive alguns relatos aqui no blog positivos e outros negativos. Tem sido muito complicado? E First da LH, é possível emitir?

E cabines mistas? Executiva c / Primeira por exemplo? É possível ir da região A para região B passando pela C ou ele cobra separado?

Alguém aí vai aproveitar? Até eu estou pensando em mandar uns pontinhos pra lá!

Publicidade
Publicidade

28 respostas para “Passagens de Primeira Classe para Europa por 134.000 milhas (ida e volta)”

  1. Francisco disse:

    Fabio, aproveitei aquela promoção de ponto em dobro do Amex para o Programa Amigo no final do ano passado. Usei os pontos para emitir uma passagem executiva de Pequim para Cingapura com a Singapore Airlines. O preço da tabela Amigo são 40 mil milhas, mas, como ganhei o dobro de pontos, saiu por 20 mil milhas para mim. Usei só o trecho de ida, mas no callcenter fui informado que seria este mesmo valor para ida e volta, não sei se procede. Foi um ótimo negócio, pois a passagem custaria aproximadamente 8 mil reais na data em que viajei. As taxas foram absurdamente baratas, aproximadamente 56 reais. Até estranhei que pelo Programa Amigo é mais barato do que com a própria Singapore. A emissão pelo callcenter do Programa Amigo foi ok. O único porém foi com a Singapore. O avião era um 777-300 bem velho, com disposição de assentos 2-2-2. O serviço da Singapore, que é sempre elogiado, foi bem ruim! A comida não estava boa (o que não é surpreendente para um voo saindo da China…) e as aeromoças não foram lá muito gentis. Era um voo noturno e falaram secamente que deveríamos escolher apenas jantar OU café da manhã. Não deram a opção de escolher as duas refeições. Não teve amenity kit, só uma pantufa e um tapa-olhos. O fone estava tão velho quanto o avião, nem tinha marca e não cancelava muito bem o barulho. Em suma, para mim, que emiti por 20 mil milhas, valeu a pena. Para quem paga 8 mil reais, é para ficar com ódio mortal da Singapore…

  2. Pedro disse:

    Alguém conseguiu emitir já?

    coçando a mão pra mandar uns 90.000 pra la

  3. Samira disse:

    Oi Fabio, bom dia!
    Vc saberia me informar se é necessário um tempo mínimo de carência no programa amigo ou se posso me inscrever agora e transferir?
    Abraço
    Samira

  4. Daniel disse:

    Caro Fábio,

    Diante da promoção ser da AMEX, bem como que, salvo engano, mesmo o voo sendo em 1ª classe, tal o será apenas até o local de entrada na Europa, depois alterando-se para a pseudo-executiva, fica a dúvida: não valeria mais à pena, ao invés de se gastar 130k, deixar para usar por volta de 115k para viajar na Primeira da Singapore até BCN?

    Concordo que é até BCN apenas, mas, queira ou não, é uma das 1ª classes tops… ou não?

  5. Frederico disse:

    Será que ainda irão lançar aquela promoção de 100% de bônus, que costuma sair no meio do ano? Acho que eu vou esperar um pouco mais.

  6. Guilherme disse:

    Fábio, sou novo aqui no blog e gostaria de sua ajuda. Essa tabela de resgate da Avianca vale por quanto tempo? Estou querendo viajar em 2017 para a Europa, seria interessante enviar os pontos para o programa Amigos da Avianca e resgatar quando eu tiver a data precisa da viagem? Obrigado

  7. Bruno disse:

    A avianca ou os demais parceiros cobram taxa de combustível? Todos eles?

  8. Emerson disse:

    Interessante que os pontos, segundo o site, valem por dois anos… diferente do smiles que os pontos bônus normalmente valem por apenas seis meses…

  9. João Alberto disse:

    Curioso que a Rússia e a Islândia, que são os países mais à leste e a oeste da Europa, respectivamente, estão na mesma região “geográfica” da tabela de resgates.

    Também acho interessante que a Rússia não seja dividida em regiões. Em tese, se a Aeroflot fosse um membro da *A, seria possível emitir um bilhete para Vladivostok por 100K na primeira classe e de lá pegar outro transporte para o Japão ou Coréia do Sul, o que é bem menos que emitir um bilhete para diretamente para esses países. Bom, talvez o dia que uma companhia russa entrar na aliança rapidinho dividem o país “geograficamente”.

    Por último, fora a presença da Iugoslávia (!), alguém achou a Turquia nessa tabela?

  10. Henry disse:

    A tabela mostra claramente que, nem sempre, a lógica simples prevalece no setor aéreo..
    O custo do combustível é um fator relevante no custo total da passagem.. já vi algumas vezes estimarem esse custo na faixa de 30/40% (claro que depende de “n” fatores, é um valor médio)..
    Europa Leste é mais longe que Europa Oeste..
    Em tese, o custo para viagens para Europa Leste deveria ser maior que para Europa Oeste…
    No entanto, a quantidade de milhas para viagens para Leste é MENOR que o Oeste..
    Isto deve ter correlação com a taxa de ocupação dos voos… que deve ser bem maior para voos para Europa Oeste…

  11. […] mais em: Passagens de Primeira Classe para Europa por 134.000 milhas (ida e volta). Fonte: R7.com – Viagens e […]

  12. Henry disse:

    Fábio..
    Apenas explicando aos colegas como é que se vai para a Europa (LESTE), ida e volta, em first, com 134.000 PONTOS no cartão..
    O trecho para a Europa (LESTE) custa 100.000 milhas..x 2 (ida e volta), você precisaria de 200.000 milhas…
    Como a Avianca está dando bônus de 50%, você envia 134.000 pontos do cartão e na Avianca vão chegar 201.000 milhas…
    O texto fala no final “..Notem que eu estou colocando o custo final, ou seja, já contemplando que você recebeu o bônus de 50%…..”, mas as pessoas, NORMALMENTE, fixam em suas mentes as chamadas do tópico…..
    Muito boa a promoção, mas vou aproveitá-la para voar Brasil mesmo… quando tiver promoção dos 4k, que com esses bônus de 50%, em verdade seriam, 4.000 milhas /1,5 (bônus de 50%) = 2.667 pontos no cartão por trecho… e o serviço da Avianca é simplesmente o melhor do Brasil (na minha opinião)…

    • Fábio Vilela disse:

      É que realmente as pessoas tem é preguiça de ler mesmo, rs.

      • André disse:

        Discordo da sua afirmação Fabio. Acho que os títulos é que deveriam ser menos “vendedores”. Porque não colocar “…tantos mil pontos para Europa do Leste”? Que nem esse post de hoje, sobre uma coisa que claramente é um erro de sistema e você diz que não vale à pena. Para que um post destes? Sinceramente, acho que não precisa, seu blog é de longe o melhor da categoria mesmo sem sensacionalismo e falso alarme.

  13. gus disse:

    É possível ir para a Iugoslávia com milhas! avianca inovando e permindo viagens no tempo kkkkkk

Deixe uma resposta

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis