Pergunta da semana: Você faz check-in nos totens de auto-atendimento?

Ontem um amigo meu me perguntou se eu costumo fazer check-in nos totens de auto-atendimento do aeroporto para poder salvar tempo.

us__en_us__ibm100__innovate_kiosk__airport__620x350

Bom, eu não uso o serviço para vôos internacionais por alguns motivos:

  • Qualidade do papel impresso é geralmente inferior e não é personalizado com a logo da cia.
  • As vezes não é possível alterar o número fidelidade na reserva pelo quiosque.

Como eu considero meus boarding passes documentos e gosto de guardá-los, prefiro fazer no guichê com um funcionário da cia aérea, assim geralmente recebo aquela versão de papel “durinha” e na maioria das vezes com a logo da cia aérea. Pode até ser um “toque”, mas mania cada um tem a sua né?

Já para vôos domésticos como todos os cartões de embarque são naquele papel de quinta categoria (sei que é para o bem do meio ambiente), eu uso os totens sem problema.

Aliás, vamos combinar né pessoal, este papelzinho “fuleiro” que as cias no Brasil imprimem os tickets são horríveis de armazenar, amassam e se desfazem com o tempo.

E vocês, costumam usar ou tem esta mania como eu?