Porque vou passar a usar o cartão Santander AAdvantage Black a partir de hoje

Programas de fidelidade Publicidade 79

Por Fábio Vilela

Pessoal, hoje é/foi o último dia (teoricamente) de vida do Membership Rewards e com isto, nós brasileiros ficaremos órfãos de um dos melhores programas de fidelidade do mercado em se tratando de parceiros aéreos internacionais. E além disto – para quem optou por manter o saldo no Livelo, acabou tendo todos os pontos depreciados em 50% para as cias internacionais (com exceção da TAP).

Como o fim está próximo e claro, inevitável – eu analisei e pensei muito onde eu irei concentrar meus gastos a partir de então já que o American Express deixou de ser uma opção interessante para mim e gastos nos cartões ainda é uma ótima fonte para gerar milhas/pontos.

Os programas de fidelidade no Brasil estão cada vez mais inflacionados com tabelas flutuantes, milhas/pontos desvalorizados e difíceis opções de resgates.

Então depois de estudar as opções de mercado e os cartões disponíveis, cheguei a conclsão que o meu cartão para uso diário será o Santander AAdvantage Mastercard Black  – vinculado à American Airlines.

Os motivos que me fizeram tomar esta decisão foram vários, e vou explicar para vocês porque ele é uma ótima alternativa para quem tem um determinado perfil de viagem parecido como o meu.

O cartão Black acumula 2 pontos por U$, e o melhor é que em todas as modalidades (Gold, Platinum, Black) os pontos nunca expiram, já que são creditados automaticamente na conta da AA, e cada movimentação “reseta” o relógio de expiração por 18 meses, portanto, se você tiver gastos todo mês – com certeza nunca mais irá perder estas milhas.

Além disto, um fato me chamou MUITA atenção – o cartão dá 1 ponto a mais para todas as despesas em dólares. Para o meu perfil de viajante, que vivo fora do país – e sempre uso o cartão no exterior – pois mesmo pagando IOF ainda acho que vale a pena – é uma super vantagem ter este bônus a mais em transações realizadas no exterior. Já saio no “lucro”!

E o mais importante – o Santander pelos últimos 4 meses deu até 6 pontos por U$ gasto na última promoção – isto é SEM DISCUSSÃO – a melhor conversão já existente no Brasil em cartão de crédito – e em se tratando de pontos AA – uma mina de ouro!

E claro, vale mencionar também que todas as compras realizadas na American Airlines também te dará o dobro de pontos – o que é ideal para quem tem a AA como cia favorita para viajar aos EUA. E comprando na American Airlines (e pagando em dólar), você vai acumular 5 milhas por U$. Preciso dizer algo mais?

Vamos exemplificar,para ficar melhor de enxergar a situação.

Gasto mensal de R$20.000/mês com uma cotação à R$3,30 (dólar) x 2 milhas = 12.000 milhas / mês ou 144.000 milhas por ano – o suficiente para ir de executiva (57.500) e voltar de primeira classe (85.000) para os EUA ou vice-versa.

OBS: Milhas acumuladas no cartão não consideradas milhas qualificáveis para upgrade de categoria no programa.

Uma das grandes vantagens dos seus pontos irem direto para o AAdvantage é que você tem a possibilidade de fazer resgates ONLINE em diversas cias parceiras – o que facilita muito pois assim como eu, eu sei que vocês detestam ficar ligando no call center e ficar procurando disponibilidade ou até mesmo depender da boa vontade dos agentes.

Para facilitar, vou mostrar quais cias a AA tem parceria para você usar suas milhas.

Aliança Oneworld

  • American Airlines (pode ser reservado online)
  • British Airways  (pode ser reservado online) [cobra taxa de combustível]
  • Cathay Pacific
  • Finnair  (pode ser reservado online)
  • Iberia  (pode ser reservado online)
  • Japan Airlines
  • LATAM Airlines Brasil (antiga TAM)
  • LATAM Airlines Chile (antiga LAN)
  • Malaysia Airlines
  • Qantas Airways  (pode ser reservado online)
  • Qatar Airways
  • Royal Jordanian Airlines  (pode ser reservado online)
  • S7 Airlines
  • SriLankan Airlines

Outras parceiras aéreas

  • Air Tahiti Nui
  • Alaska Airlines/Horizon Air  (pode ser reservado online)
  • Cape Air
  • Etihad Airways
  • Fiji Airways
  • Gulf Air
  • Hawaiian Airlines  (pode ser reservado online)
  • Interjet
  • Jet Airways
  • Seaborne Airlines
  • WestJet

A tabela de resgate é bem competitiva, vejamos os valores por trecho saindo do BR:

Veja que o programa cobra 57,5k por trecho (na tarifa Saver) para qualquer lugar dos EUA em classe executiva saindo do Brasil – é o mais barato entre todas e o melhor, você faz tudo ONLINE.

Se você tem como destino frequente os EUA, não tem o que pensar – este é o melhor cartão para você!

OBS: Os resgates com a LATAM não são disponibilizados online, portanto se você quiser adicionar seu trecho doméstico da sua cidade até SP/RIO/BH, etc junto com o internacional, terá que fazer via telefone.

Aí, você pode me questionar, “Mas Fábio, pelo mesmo trecho eu consigo emitir com 75.000 pontos Multiplus”. Sim, consegue mesmo – mas vai precisar ligar no call center e ter todo aquele trabalho que detestamos fazer além de nem sempre a disponibilidade ser a mesma – o que dificulta ainda mais a emissão.

Um outro ponto MUITÍSSIMO importante que vale frisar – o programa AAdvantage além de fazer resgates em cabines mistas (tarifando apenas o trecho de maior valor), também mistura cias da oneworld com cias fora da aliança  – por exemplo: você pode emitir por um único valor o seguinte:

Mumbai – Abu Dhabi – Londres (Etihad) [Primeira Classe] – Madrid (British) – Lisboa (Iberia) [Executiva] – por 62.500 na First

Notem que eu combinei a Etihad com 2 cias da oneworld (e cabines diferentes) e mesmo assim o resgate é precificado de uma forma só – ORIGEM/DESTINO. Para quem gosta de testar o máximo de aviões/cabines em uma passagem só e sem gastar a mais com isto, é imbatível! E você ainda viaja no premiado First Class Apartment (leia meu relato aqui) – que é uma BAITA experiência!

Para ir para a Austrália o programa também cobra o menor valor para voar de executiva – 82.500 – desde que a rota seja feita pelo Pacífico, ou seja, LATAM ou Qantas.

O programa da AA também te permite fazer upgrade de cabine usando milhas, e o melhor – a maioria das tarifas são elegíveis – até as mais baratas (leia mais aqui), e dependendo da mesma – para ir de executiva você pagará o valor fixo de U$550 + 25.000 por trecho, conforme tabela.


O cartão na modalidade Black também dá, através do Mastercard Airport Experience 4 acessos gratuitos à todos os lounges conveniados ao LK – esta cota á renovada todo ano. Os acessos extras serão tarifados em U$27,00.

A anuidade do Santander AAdvantage Black está saindo por 4 x R$247,50 reais. Ahh, e se você quiser ter adicional, até 5 cartões extras não pagam anuidade no primeiro ano, e nos próximos você tem desconto de 50%. E o melhor – cada adicional também tem 4 acessos gratuitos, portanto você terá 20 acessos – 4 para cada cartão – Se precificarmos cada visita U$27 x 20 = U$540 = teoricamente já paga a anuidade. [OBS: Na hora da solicitação do cartão pelo site você só consegue pedir 2, mas depois do cartão aprovado e desbloqueado você consegue pedir mais 3 pelo aplicativo Way do Santander]

Aí eu te pergunto – vamos analisar benefício vs. real uso do mesmo. Se você sempre viaja de primeira classe/executiva com certeza terá acesso ao lounge gratuitamente, portanto seria uma vantagem redundante. E um outro quesito que me fez deixar o meu Unlimited de lado é que em relação aos parceiros internacionais – somente a Iberia é vantajosa – portanto fico extremamente limitado à resgates mirabolantes que gosto de sempre fazer com uma quantidade justa de pontos/milhas/avios.

O que faço questão de deixar bem claro, é que não estou focando neste cartão Santander AAdvantage Black para acesso às salas vip’s e sim, único e exclusivamente para as milhas, que pra mim, atualmente é o melhor do mercado em questão de valor agregado. Para se ter idéia, se compararmos o valor que conseguimos comprar pontos Multiplus, milhas Smiles, pontos TudoAzul não chega nem aos pés do valor que você precisaria para comprar milhas AA, ou seja, milhas AA é valorizada, é cara e o jeito mais em conta de acumular é através do cartão de crédito.

Aí eu te pergunto – Você quer o quê? Fazer o pheeno no lounge ou viajar com conforto? Eu prefiro a segunda opção pois quero continuar viajando de primeira classe/executiva usando um programa justo e que me atenda de acordo com minhas necessidades.

Uma outra vantagem que não posso deixar de mencionar – é que os cartões de crédito da American Airlines vinculados ao Santander podem ser solicitados por qualquer pessoa.

Na modalidade Black, o indivíduo precisa ter renda de R$20.000,00 – e não precisa ser correntista do Santander – portanto já facilita a vida de milhares de pessoas que às vezes já tem sua movimentação em outra instituição financeira e não querem migrar para o banco.

Em um cenário atual onde nossas opções estão cada vez mais escassas e estamos totalmente órfãos de programas com valores justos e com milhas/pontos valiosos – O Santander AAdvantage Black passa a ser o bambam dos cartões – sem sobra de dúvidas!

Para solicitar qualquer dos cartões Santander Advantage é muito simples, basta escolher qual a modalidade que mais se adequa ao seu perfil de viagem e prencher os dados.

Santander AAdvantage Black – clique aqui para solicitar.

  • Renda mínima: R$ 20.000,00 | Anuidade: 4 x R$ 247,50

Santander AAdvantage Platinum – clique aqui para solicitar.

  • Renda mínima: R$ 7.000,00 | Anuidade: 4 x R$ 130,00

Santander AAdvantage Gold – clique aqui para solicitar.

  • Renda mínima: R$ 1.500,00 | Anuidade: 4 x R$ 85,50


Para o meu perfil de viajante, que estou sempre visando viajar de Primeira Classe/Executiva pagando pouco este cartão a partir de hoje é o meu ideal.  Além de tudo, ter milhas que não se desvalorizam frequentemente e não expiram, é uma vantagem que pesa e muito – afinal, não deixa de ser um dinheiro investido a longo prazo, né non?

Quem aí também está nesta mesma linha de raciocínio e vai adotar o cartão AA como principal?

Publicidade
Publicidade

79 respostas para “Porque vou passar a usar o cartão Santander AAdvantage Black a partir de hoje”

  1. FERNANDO disse:

    Boa tarde. Em Junho, começaram a cobrar a anuidade. Havia ligado lá, e me disseram que não era possível qualquer tipo de negociação. Como estamos no meio da promoção, resolvi aguardar acabar, para me creditar das milhas e em seguida cancelar.

    Hoje, liguei novamente. A princípio, deram 25%, mas não aceitei e insisti. No fim, me deram 100% de isenção (inclusive, já devolveram as 2 parcelas pagas).

    Acho que vale a pena tentar, e dar sorte de pegar um atendente interessado !!

  2. Japa disse:

    Galera, alguém sabe se mudou a regra de quantidade de acessos? Ano passado eram 4 acessos para o portador do cartão + 4 acessos para convidados. Inclusive no próprio APP do Airport Experience tem esses “8” acessos. Entretanto, utilizei 3 acessos de portador + 2 acessos de convidado e me cobraram 27 dolares. Liguei lá e nao querem devolver o dinheiro….. e nem os acessos “restantes”.

    Por essa matéria parece q sao só os 4 do portador, é isso mesmo Fábio?

    Obrigado!!

  3. Onilson disse:

    Acho que o problema desse tipo de cartão é que como as milhas são creditadas diretamente do cartão para o programa de AA você não tem a possibilidade de ganhar bônus de transferência. Hoje você consegue acumular 2 ou 2,2 em outros cartões e recebe bônus de 50, 70 e até 100% quando transferir para os programas parceiros.

    • Carlos disse:

      Tenho o Santander Aadvantage Black e acho ele um excelente cartão. Mas enquanto eu lia o post comecei a achar estranho algumas informações… melhor custo para executiva pros EUA por 57,5k? (115k ida e volta) Pelo que eu sei, há vários programas com custos menores…. Lifemiles por exemplo. O Victoria da TAP, mesmo com o atual acréscimo da tabela, cobra 100k ida e volta. E se contarmos com as promoção de bônus de 100%, o custo pela TAP cai para 50k ida e volta contra 115k da American. Só no final percebi que este post é publicitário….. fiquei desapontado, principalmente vindo de um blog formador de opiniões…

  4. Mari disse:

    Fiquei confusa… é opinião pessoal ou publicidade??

  5. Frederico disse:

    Fábio, a pessoa consegue emitir na first da Etihad Airways de GRU para Paris através do Call Center da AA, por exemplo? Esse resgate fica apenas em 120 mil milhas/pontos? Ou serão computados dois trechos separadamente?

  6. Pedro disse:

    Fábio, agora vc vai pontuar os voos da oneworld na aa também?

  7. Gustavo disse:

    Triste um blog tao bacana se vender e passar informaçoes incorretas para seus leitores. Sera que é necessario isso mesmo, Fabio? Pense, o Sr. é um formador de opinioes. Concordo que no mundo capitalista, quem paga mais tem mais poder, mas creio que voce nao precise disso… Obrigado

  8. Isabela Schlup disse:

    Olá Fábio, como normalmente viajamos executiva não usamos tanto os serviços LoungeKey e Priority pass porém hj devido a nosso intervalo aqui em Santhiago devido a cancelamentos Latam em nosso regresso de Melbourne nos vimos obrigados a utilizar outra sala já a a latam fecha entre 1-3h e nosso voo sala i às5h! A sala do Santander Advantage eh a The Lounge, horrorosa!!!! Muito pequena, sem nada de comida ou gelo (mesmo pedindo )banheiros sujos … um horror! Não estamos felizes c as salas escolhidas pelo master black do advantage santader…por favor avalie esta situação por nós !!! Obrigada !

  9. Cristiane disse:

    Olá Fábio, estou pensando em fazer este cartão e estudando as possibilidades de resgate com as parceiras da American. No entanto, como a British cobra combustível, será que poderia fazer um post de como evitar a tal companhia e emitir pela IBERIA, on line. Nas buscas que fiz, não consegui visualizar esta possibilidade. Além disso, como faço no caso em que encontro o trecho no site da British (no caso é um trecho interno na Ásia) e não acho no site da American. Aí seria só pelo call center? Muito obrigada.

  10. Pedro Paulo disse:

    O que é 12 k por mês (o que é k)

  11. luciano disse:

    Uma coisa a ser levada em conta é que se pegar o black santander que não tem AA, você recebe a mesma pontuação, e pode enviar para os planos nacionais quase sempre com 80% de bônus, o que no fim tira a desvantagem da inflação que aconteceu neles. No fim, um trecho de 25 mil milhas na AA é igual em custo a um trecho de 45 mil milhas no múltiplus, e sempre que tem a vaga no AA, tem para emitir como parceira pela multiplus. Vale a mesma coisa para a Azul e Gol.

  12. gustavo disse:

    Vc continua pontuando no Santander Esfera também ?

  13. FELIPE disse:

    Depois de ler esse post, COM CERTEZA também irei adotar o Santander AAdvantage Black como cartão principal!! Ótimo post. Very USEFUL!!

  14. RafaelTrops disse:

    Mumbai – Abu Dhabi – Londres (Etihad) [Primeira Classe] – Madrid (British) – Lisboa (Iberia) [Executiva] – por 62.500 na First

    Como emitiu essa passagem? Pelo proprio site da American? Estou com dificuldade de fazer pausas, exemplo, alguns dias em uma escala para aproveitar a região também.

    Outro detalhe: alguma informação da isenção? Ao que vi independente do seu gasto não haverá isenção pelo regulamento, sabe se é isso mesmo?

  15. Angela disse:

    Fábio, excelente post! Que cartão você sugere para quem viaja com mais frequência para Europa e Oriente Médio?

  16. Daniela disse:

    O problema dessa publicidade é que ela – apesar da tag “publicidade” no inicio do post e que os comentários aqui são prova de que pouca gente sequer repara- ela finge ser uma opinião isenta e os desapercebidos ficam achando que realmente é isso mesmo. Uma dica bacana de quem fez o post.

    • DaN White disse:

      Né!!! Fábio manda bem no “merchã”! kkkkkkkk
      Mas compartilho da opinião de que os pontos AA possuem valor agregado muito superior aos Livelo.

  17. Maria do Carmo dos santos disse:

    Fiz um pedido do cartão mastercard blak em 18/01/18 até agora não tive resposta, vejo pelo consulta de andamento do Santander i consta em análise. Também não recebi nenhum imail informando se foi aprovado ou reprovado. Antes recebi um mais cancelei, agora resolvi pedir outro.

  18. Victor disse:

    Já venho usando desde o ano passado, conjugado com o Santander Unlimited.
    Prá mim foi muito bom, só em pontos extras do ano passado (promoção no lançamento do cartão), ganhei o suficiente para um trecho em executiva. Agora tem mais essa promoção em andamento, pois o Santander vai dar bônus também para o Aadvantage como para os outros cartões.
    Só tem um detalhe: no momento a oferta na tarifa Saver está razoável, mas no ano passado andou escassa. Espero que continuem mantendo uma boa oferta de trechos na tarifa Saver.
    Como qualquer outra cia aérea, é uma aposta, pois todas elas estão sujeitas a mudanças, infelizmente.

  19. Joao disse:

    Fábio, então qualquer correntista Bradesco pode abandonar seu Black e adquirir um Black do Santander mantendo sua conta corrente no Bradesco? Parece que alguém vai perder muitos cartões nessa história…

  20. André disse:

    “Você quer o quê? Fazer o pheeno no lounge ou viajar com conforto?” kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  21. Ricardo Lucena disse:

    Pois é Fábio, me arrependo profundamente de não ter pedido esse cartão com anuidade free no lançamento e com vários benefícios que ofereceram, porém na época eu ainda não era cliente santander select e provavelmente não fosse aprovado. Acabou que fiz a solicitação durante a promo da black friday que ofereceu 90% de desconto na anuidade e inclusive além do lounge kay , estou com o cartão do priority pass, não tendo recebido qualquer comunicação sobre o fim da parceria, comecei a pedir adicionais e acumular milhas na promo 6×1 através dele.
    Minha dúvida é a seguinte, esses multitrechos incluem stoopover ou são todos encaixados na mesma reserva ? pois pretendo viajar agora na 1 classe da eithad no trecho Abu Dhabi — Male que custam incríveis 40.000 e de repente poderia estender a viagem. Obrigado pelas dicas e parabéns pelo trabalho Fábio!

  22. ROBSON SANTOS disse:

    Fabio, consegue fazer um poste de como emitir multiplas passagem com um único custo de milhas

    Mumbai – Abu Dhabi – Londres (Etihad) [Primeira Classe] – Madrid (British) – Lisboa (Iberia) [Executiva] – por 62.500 na First

  23. Leny disse:

    Euzinha 🙋🏻‍♀️.

  24. Gilberto Guimarães disse:

    Fabio, sei que você adora voar pela Delta. como você consegue transferir esses pontos para comprar passagens pela Delta?

  25. Flavio Toledo disse:

    off topic: voces perceberam o Red Lobster de GRU não está mais na lista do mastercard airport experience….
    acho que depois da dica postada aqui muita gente usou e eles cancelaram a parceria…

  26. Marcio disse:

    Alguém sabe dizer se as milhas geradas pelos cartões adicionais do AA são enviadas para o titular do cartão adicional ou elas são enviadas para o titular o cartão principal?

  27. Ricardo disse:

    Querido Fábio, tem a vantagem tb do Priority pass, a não ser que mudaram!! Uso o black AA já um tempo e ainda está válido o meu Priority pass o q e show de bola..!!!

  28. Adalberto disse:

    E o Amex by Bradesco, para ajudar ainda mais na decisão de não continuar com eles, retirou sem aviso algum o benefício da anuidade gratuita do Sem Parar..
    O Bradesco deveria ter um minimo de decência, e ao menos honrar e manter os beneficiodo do TPC.

  29. Elianekracik disse:

    Olá Fabio, uso o cartão AAdvantage há muitos anos e vou mostrar mais uma super vantagem que você não mencionou! As passagens emitidas com o programa Advantage pode mudar as datas quantas vezes quiser sem Penalidade desde que não mude os aeroportos da emissão . Acho uma baita vantagem resolver ficar uns dias a mais em Miami sem ter data exata de volta…( usando a mesma milhagem) ou pagasse a diferença em milhas também mas vale a pena livrar se da multa!

  30. Pedro Abreu disse:

    Fabio,
    Gostaria de fazer uma observação sobre um dos comentários do texto original:
    “Veja que o programa cobra 57,5k por trecho (na tarifa Saver) para qualquer lugar dos EUA em classe executiva saindo do Brasil – é o mais barato entre todas e o melhor, você faz tudo ONLINE.”
    Permita-me, respeitosamente, discordar de você (pela 1ª vez). Esclareço minha opinião:
    1) Viagem só de IDA: é possível emitir pelo Lifemiles por 45.000 milhas (voando Avianca) ou 50.000 milhas pela Copa Airlines, por exemplo, ou seja, por menos de 57.500 milhas.
    2) Viagem IDA e VOLTA: a que é mais comum para a maioria dos passageiros, pela TAP Victoria sai por 90.000 milhas na executiva (ida e volta) contra os 115.000 milhas da AA. Pelo Lifemiles 90.000 ou 100.000 milhas (vide item 1).
    3) Promoções de Transferência de Pontos: Considerando as eventuais promoções de transferência dos cartões de crédito para a TAP, que variam entre 20% e 100%, poderíamos emitir, na melhor das promoções (100%), por apenas 45.000 pontos do cartão de crédito, que em muitos casos acumulam de 2,0 a 2,5 milhas por dólar gasto x 2 milhas por dólar do Santander AAdvantage Black.
    4) Parada nos Estados Unidos: a TAP permite uma parada na ida ou na volta, o que a AA não permite mais.
    5) Quanto aos parceiros: na AA do Brasil para os Estados Unidos temos a LATAM e a AA. No TAP VICTORIA e no Lifemiles temos a United, Avianca Internacional, Avianca Brasil e a Copa Airlines (esta última opção representa uma qualidade inferior, na minha modesta visão). Porém, julgo que são empresas equivalentes, embora em todos os casos não sejam empresas de 1ª linha na Executiva ou na 1ª classe (AA & UA).
    6) Emissão: Verdade também que pelo TAP Victoria não é possível emitir ONLINE passagens que não sejam apenas TAP , mas 25.000 para emitir ONLINE é demasiado caro. Por outro lado, pelo Lifemiles é possível emitir ONLINE.

    • Carlos disse:

      Pedro, esse foi um post publicitário. Infelizmente o Fábio perdeu a isenção. Com certeza ele sabe de todos esse pontos que vc postou. Me pergunto se ele faria esse post se não tivesse recebido $ por ele. PP era minha principal fonte, há tempos já migrei pra outros blog de viagens isentos.

      • Victor disse:

        Acho isso uma acusação muito séria e sem base.
        Se a TAP há pouco aumentou (e muito) a tabela para utilização de milhas nos próprios vôos TAP, vc acredita que vai manter essa tabela com as cias StarAlliance?
        E que garantia temos da continuidade dos bônus nas transferências do Livelo?
        Fora isso, ninguém é obrigado a seguir conselhos do Fábio ou qualquer outro blog. Eu mesmo tive oferta do TPC no ano passado e, ao contrário da opinião geral, em que consideravam o melhor cartão, acabei não fazendo, pois desconfiei que acabariam jogando tudo para o Livelo. Infelizmente estava certo.

      • Thomas H. disse:

        Eu não conheço o Fabio pessoalmente, mas acho que ele não precisa de nenhuma “esmolinha” pra promover esse ou aquele cartão…rs
        E como ele disse, essa decisão é baseada no estilo de viagens que ele faz, pros destinos que ele mais frequenta, servido por tais cias aéreas. Eu por exemplo priorizo emissões vantajosas em business e econômica (o Fabio com certeza em first e business), e viajo muito pra Asia. Portanto, minha prioridade é acumular na United que tem (ao meu ver) uma excelente tabela pra emitir naquela região com cias maravilhosas como Asiana, ANA, Thai, EVA e Singapore (sim, eles permitem emitir na business do 777-300 por exemplo, entre a Australia e Singapore).
        Obs: não to sendo pago pra defender ninguém

        • Daniela disse:

          Não é uma acusação e muito menos “sem base”. Na cabeceira do post o Fabio escreveu “publicidade”. Então embora ele tenha escrito o post todo de forma a aparecer que é uma “opinião sincera” de usuario dando uma dica, ele ganhou pra fazer uma propaganda. ai colocou a tag – que como está claro, nem todo mundo repara – pra não ser notificado pelo CONAR.

  31. Erika disse:

    Excelente texto!
    Realmente os programas de milhagem estão cada vez menos atrativos para nós clientes!
    Apenas uma correção: a TAP, no último dia 22, quase triplicou a quantidade de milhas necessárias para os vôos, especialmente na classe executiva.

  32. Paulo disse:

    Fábio concordo com seus comentários e cheguei a mesma conclusão. A única esperança de usar o tpc como cartão principal seria se os pontos Livelo mr tivessem conversão 1 para 1, nesse caso continuaria com o tpc.
    Pena que Para quem não é do Rio e Sp tenha que emitir pelo Callcenter. Se usar ele como principal as metas ano que vem serão maiores para chegar aos multiplicadores de 3x, mas faz parte. A aa constantemente tem promoção de compras de pontos, ainda que em dólar e mais caras que os programas nacionais. Tabela fixa e sem expirar são as grandes vantagens do Santander. Após a primeira renovação da anuidade eles bem poderiam ampliar o lounge key para mais de 4 acessos ou mesmo ilimitados para quem pagasse a anuidade cheia ou não.

  33. Frederico disse:

    Também tinha chegado à mesma conclusão. Ontem, aliás, enviei para a Singapore os meus pontos, pensando na LH. Pena a regra dos 14 dias que a LH impõe.

  34. Khalil disse:

    Concordo com boa parte do post, que as milhas AA são bem mais valiosas que as milhas nacionais e que a possibilidade de emissão online para uma gama de parceiras faz da AA um ótimo programa. Mas por outro lado, para quem viaja muitas vezes por ano, e só algumas em executiva, 4 acessos é muito pouco e podem ir embora em uma simples ida e volta em economica com conexao. Tenho o cartão e gosto dele, mas se o Santander não oferecer uma boa negociação na anuidade, infelizmente ele vai pra tesoura.

  35. Fernando f disse:

    Fala Fábio tudo bom?
    Eu já estou usando o AA Santander a uns 6 meses e aproveitei essa promoção dos 6 pontos por dólar gasto.
    Agora me veio uma dúvida, esses pontos serão liberados dia 23/03, os pontos extras irão entrar diretamente na conta AA correto?
    Outro detalhe para estar atento é que eu não recebi esse ponto extra por dólar gasto no exterior. Mais tarde irei conferir na minha fatura e na minha conta AA e qualquer entrarei em contato com o banco para perguntar o que aconteceu.
    Sem dúvida a AA é um programa excelente, onde vc faz quase tudo online e é super bem atendido, o problema desse cartão é justamente o Santander, que volta e meia me dá dores de cabeça, como por exemplo nos primeiros 6 meses de cartão eles simplesmente criaram 5 contas diferentes minha no AA, cada mês os pontos foram para contas diferentes e só depois de mandar um e-mail enorme pra AA as coisas se resolveram, detalhe, foi a AA que resolveu o erro do Santander.
    Grande abraço

  36. Arturo Vidal disse:

    Pra quem viaja sozinho, sem obrigações, com datas flexíveis, pode ser. Mas pra família, com data certa e ficando no local ao menos 10 dias, saindo/voltando para o Brasil não sei não…

  37. Lucas Senger Jacobus disse:

    Fábio, mas usar os pontos do Esfera no programa da Iberia e depois transferir para emitir com a BA não teria resultado similar? Concordo que o Tudo Azul, Smiles e Multiplus estão muito inflacionados, mas o Amigo tem tido boas promoções de transferência e ainda têm tabela fixa.

    Meu dilema é meu Unique Black X AAdvantage Black. Viajo para os EUA no máximo 2x ao ano. Também, por ser de POA, não tenho o benefício de emitir online saindo daqui.

  38. Rodrigo disse:

    Fala Fabio, beleza? Me diz uma coisa. Você chegou a avaliar os prós / contras do Santander AAdvantage Black x Santander Unique Black? Contrário ao AA, que pontua exclusivamente a conta da American, o Unique pontua a conta Esfera, possibilitando a transferência dos pontos para qualquer programa / cia. Estou usando o Unique, e agora você me deixou na dúvida.

    • Felipe disse:

      Também gostaria de um comparativo para verificar qual a melhor opção, eu estou na dúvida de qual dos 2 cartões eu peço. Segue o que pesquisei até agora:

      AAdvantage MasterCard Black
      – 2 pontos por USD que vão diretamente para a AA que não expiram se a conta form movimentada a cada 18 meses;
      – 4 visitas gratuitas em salas VIPs usando o Mastercard airport experience (demais visitas tarifadas USD 27);
      – Anuidade de R$ 997/titular e R$ 498,50/adicionais, difícil de ser negociada (pelos relatos dos clientes);

      Unique Black
      – 2 pontos por USD com validade de 2 anos transferíveis para Multiplus, Smiles, Amigo, Tudo Azul, Aeroméxico e Iberia;
      – Todas as visitas em salas VIP são tarifadas em USD 27.
      – Anuidade de R$ 762, adicionais não pagam anuidade e com desconto de 50% para faturas acima de R$ 5.000,00

      Minha dúvida é: vale a pena pagar essa anuidade ~4x maior (R$ 1.445,50 do AAdvantage versus R$ 381 do UNIQUE – estou considerando titular + 1 adicional e o desconto de 50% na anuidade do UNIQUE já que minha fatura é superior a R$ 5.000) para ter 8 visitas a salas VIP por ano (4 titular e 4 adicional) e enviar os pontos para o AAdvantage?

  39. Andre disse:

    Pra você que é um “testador” e fica viajando pelo mundo sem duvida deve valer a pena. Mas pra maioria dos mortais, que normalmente fazem viagens com origem no Brasil, será que vale tanto assim?

    Pergunto pq as cias nacionais com suas tabelas flutuantes acabam as vezes sendo vantajosas. Eu transferi ano passado 200.000 pontos pro smiles na promocao do santander com 100% de bonus. Tirei passagens de executiva ida e volta pra 4 pessoas pros eua via delta. Com os mesmos 200.000 ptos isso nao seria possive na AA.

    Nao to dizendo que a AA nao vale a pena, mas acho que prefiro ter um leque de opcoes na hora de transferir meus pontos pra aproveitar o melhor de cada programa…

  40. Rodrigo Amaral disse:

    Mas a American e mt caro a compra de milhas,coisa que tendo Livelo e km de vantagens é bom comprar p transferir p Multiplus com bônus.

  41. Gustavo Carvalho disse:

    Gostei da análise. Mas sempre acho a disponibilidade para Europa muito baixa no AAdvatnge. 57 k é uma maravilha. E Deus me defenderay de viajar de AA, British, Latam. Alguém consegue emitir Qatar facilmente?

  42. Andre K disse:

    Boa Fabio, mais uma vez vc me ajudou a tomar a decisão que a tempos me atormenta.
    Fui durante muitos anos usuário da AA, e realmente as milhas deles valem muito e a tabela é muito interessante, não é fácil comprar pontos como a MULTIPLUS fez que inundou o mercado e agora cobra 200.000 por um trecho em executiva para a Europa!!
    Acabei de cotar para novembro e varias outras datas….creio que ja estão ajustando com a LAMPASS.
    A partir de hoje vou deixar meu BRADESCO ELO NANQUIM e MC UNIQUE BLACK na gaveta e usar o AA MC BLACK.
    ahhhh…vc não esta recebendo nada do SANTANDER pois já tenho lido opiniões iguais a sua.

    abraço

  43. Glauber Freitas disse:

    Fábio,
    Vc acredita que comprar milhas no site da AA, valeria a regra de 5 pontos por dolar?
    Abs

  44. thiago disse:

    Oi Fabio, concordo com os teus pontos, eu só incluiria um aspecto adicional no perfil do viajante que vc nao mencionou: viajar sozinho ou em casal. Para familias, resgatar passagens em executiva 100% com pontos do cartão sem complementar comprando pontos, se torna um desafio maior. Nao acha?

    • Gustavo Rodrigues disse:

      Boa observação, Tiago!
      Pelas contas do Fabio, para viajar 1 casal, deveríamos ter um gasto de quase 40000,00 e não temos como complementar esses pontos com transferencia de pontos.
      Acho que vou continuar com meu Unlimited, mesmo.

  45. Rodrigo disse:

    O que de tao relevante mudou pro black unlimited agora nao ser o melhor????

  46. Mario disse:

    Olá Fabio. Você acha que vale a pena esse cartão para quem tem Europa como destino principal?

  47. Flavia disse:

    Já o adotei como principal, mas ainda não completei 1 ano nessa experiência. Ainda não resgatei pontos e já vi que tenho muuuuuito o que aprender contigo! rsrs

  48. Bruno Pires disse:

    Acho que um ponto não foi abordado… justamente o ponto que me faz utilizar o black santander puro… ocorre que quando vc tem suas milhas jogadas diretamente na cia aérea, voce deixa de aproveitar constantes ofertas de bônus, que variam de 50% a 100% constantemente… óbvio que a tabela de resgate aa eh melhor mas você não tem liberdade de escolher pra onde mandar… por este motivo, discordo de vc, acho q hj o melhor cartão é o black puro do santander.

  49. Ricardo disse:

    Você está recebendo comissão do Santander? Parece que sim. Seria de bom tom avisar sobre isso.

    Se não estiver, então desculpe pelo comentário.

    • Andressa disse:

      Pode ser que esteja ganhando (e não vejo nada de errado com isso), mas tudo o que está escrito é verdade. Atesto.

    • viajante disse:

      Ricardo, tem a tag publicidade no início do post… o aviso está lá

    • Assolini disse:

      Claro que o post é pago.

      Os links para pedir o cartão tem o identificador “utm_source=aa_pp”, daí o Santander vai saber quantas pessoas pediram o cartão baseado no post do PP ^^

      • Margot disse:

        E qual o mal se for um post pago? Afinal de contas o blog do Fábio atualmente têm grande visibilidade na internet e consequentemente demanda tempo, conhecimento e dedicação para produzir conteúdos informativos.
        A questão é que todos precisamos aprender a valorizar, o tempo, o conhecimento e o trabalho das pessoas e pararmos de querer tudo de graça.

        • Assolini disse:

          O mal de um post pago é que o blogueiro perde sua isenção para falar dos assuntos, sem ter “rabo preso” com ninguém.
          Veja bem: se um dia o AA piorar muito, criando um desagio nas milhas, da mesma forma que o TPC está fazendo agora, você acredita, Margot, que ele irá falar mal do patrocinador?
          Muita gente vai pedir o cartão, baseado nesse post, misturado de opinião pessoal, mas que na verdade é uma propaganda.
          Se o site lançar um serviço pago, exclusivo aos assinantes, de consultoria nessa área de milhas, serei o primeiro a assinar, valorizando o trabalho dos que o fazem.

          Anunciantes desvirtuam o conteúdo verdadeiro, impedindo opiniões divergentes.

          • Margot disse:

            Fico feliz que você valorize o trabalho para quem têm o trabalho de produzir todo um tipo de conteúdo.

            Eu acredito que o Fábio não vai lançar uma consultoria tão cedo (o mesmo diz que não têm tempo e etc), mas vamos ver.

  50. Raphael disse:

    Eu pensei nesse cartão, mas me preocupa se somarem os gastos mensais dele para gerar a meta da proxima promocao de 6 pontoa por dolar. Acho mais seguro usar um cartao que nao seja santander nesse periodo.

Deixe uma resposta

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis