Posicionamento da LATAM sobre a instabilidade no novo sistema!

Notícias

Por Alexandre Zylberstajn

Pessoal, é o Ale!

Pessoal, recebemos algumas dúvidas no pós migração da Latam e entramos em contato com eles para saber a solução das 3 maiores situações levantadas no Passageiro de Primeira. Confiram:


1 – A emissão de alguns parceiros não está disponível nem pelo site da Multiplus, nem pelo call center nem pelas lojas Latam Travel. Mais especificamente, refiro-me à British, Ibéria, Qantas e Qatar. É algum problema pontual? Qual a previsão para retorno?

Vejam um exemplo. Buscamos um voo de Londres para Guarulhos no site da AA:

Detalhe do voo (British):

Confirmamos que o voo esta disponível no site da BA:

Já a busca no site da LATAM, que deveria mostrar a disponibilidade no mesmo voo por 100.000 pts, só mostra o voo da própria Latam (por 240.000).

Tentamos emitir o voo da British pelo call center e por uma loja da Latam Travel. Não conseguimos.

O mesmo se repete para vários parceiros da One World!

Segue a resposta da assessoria da LATAM:

O LATAM Fidelidade informa que a indisponibilidade é momentânea e que não está medindo esforços para regularizar os seus sistemas. Clientes podem realizar os resgastes nas companhias parceiras por meio do call center e nas lojas da LATAM dos aeroportos.

É importante ressaltar que a disponibilidade nos voos depende exclusivamente dos parceiros.

O programa informa ainda que as emissões para voar com a Iberia e a British Airways estão instáveis e a empresa está trabalhando para resolver a questão o mais breve possível.

No site, American Airlines e Qantas permanecem à disposição para o resgate.

Como falei, tentamos pelo call center e loja Latam.Eu não fui até o aeroporto tentar – alguém foi e deu certo?

Vale destacar que realmente a Qantas está disponível!

 


2 – O sistema novo não permite mais a troca de aeroportos em emissões por pontos (ex. GIG –> CGH –> GRU –> FRA)? É algum problema pontual? Qual a previsão para retorno?

Resposta LATAM:

“O LATAM Fidelidade está trabalhando para regularizar o sistema no site, mas informa que é possível realizar a emissão via call center e nas lojas da LATAM dos aeroportos.”

Eu tentei pelo call center algumas simulações saindo de Florianópolis e Belo Horizonte para Miami (via Congonhas/Gru). Deu certo. Para vocês também?


3 – A disponibilidade de emissão para Austrália/NZ por 110 mil pontos na executiva não está mais disponível e os valores aumentaram DEMAIS. É algum problema pontual? Qual a previsão para retorno?

Exemplo:

Resposta LATAM:

“Com o novo sistema, a tarifação ficou mais flexível para opções de conexões e, nesses casos, a combinação poderá ficar mais cara, no entanto oferece mais oportunidades de resgate.”

É verdade que antes o sistema mostrava menos datas com disponibilidade para emissão por pontos. Agora tem praticamente todos os dias. Por outro lado, quando tinha executiva, custava apenas 110.000 pontos e agora não encontramos nada por menos de 220 mil! Achei que fosse algo temporário, mas talvez seja a nossa nova realidade.

Por outro lado, vários voos para os EUA agora tem disponibilidade por menos pontos via Bogotá e Lima. Ganhamos e perdemos com a tarifação flexível.

 


O que eu penso:

Não acho que o cenário atual foi proposital ou maquiavélico!

Penso que os possíveis problemas no planejamento da migração do Latam Fidelidade foram subestimados. Eles imaginaram que teriam “x” itens para resolver, mas na verdade tiveram 5 ou 10 vezes mais!

Adicionalmente, a resolução dos problemas deve ter se mostrado mais complexa do que se imaginava. Quase 1 mês e ainda estão ai, sem solução e nem uma data para informar aos clientes.

Para não ser injusto, para o site Melhores Destinos a Latam  passou “Final de Junho” como data para Ibéria e British retornarem ao sistema, mas para nós foram vagos.

Minha sugestão:

A representatividade de resgates na American Airlines deve ser infinitamente maior do que os demais parceiros. Ela voltou super rápido e funcionando bem, mas estamos sem informações sobre o restante. A Latam devia colocar um aviso na página principal indicando que o sistema está passando por instabilidades para resgates por pontos nos parceiros “a”, “b”, “c” e que estão trabalhando para resolver até dia “dd/mm”.

Não custa nada e evitaria horas de atendimento e reclamações no call center, fale conosco ou ouvidoria…


Mensagem Final

Nós, do Passageiro de Primeira, esperamos que a Latam e Multiplus regularizem suas operações no Fidelidade o quanto antes. Muitos clientes foram impactados e sem dúvida, todos saímos perdendo.

Um abraço,

Ale

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis