Primeira Classe da Jet Airways no B777-300ER – Delhi para Abu Dhabi (Operado pela Etihad)

Um dia antes de embarcar eu notei que meu vôo tinha sido alterado (afinal checo minhas reservas periodicamente) – ao invés de ser operado por um B777-200LR próprio da Etihad, ele iria ser operado por um B777-300ER da Jet Airways. Para quem não sabe a Etihad opera diversos aviões com pintura e interior da Jet mas com tripulação Etihad, ou seja, eles só usam a aeronave, mas o serviço, amenities, cardápios, etc é todo da Etihad – geralmente chamamos estes vôos de JETihad, rs.

Bom, não isto não me incomodou pois eu ja sabia que a cabine da Primeira Classe era bem similar entre as duas e foi bom que acabou que coloquei uma aeronave diferente neste TR ao invés de ficar tudo EY – boas coincidências do destino.

Vôo Etihad Airways EY 223 – 12/11/2016
Delhi (DEL) ✈ Abu Dhabi (AUH)
Assento: 2A – Primeira Classe
Partida: 20:50 / Chegada: 23:35 / Duração: 4h15 
Aeronave: B777-300ER

A cabine da Primeira Classe é divida em 2 fileiras no layout 1-2-1, totalizando 8 assentos. Todos os assentos são “suítes” individuais com portas deslizantes e as poltronas do meio possuem uma divisória retrátil para garantir privacidade caso você esteja viajando com alguém desconhecido ao seu lado. Ao chegar a chefe de cabine veio se apresentar super gentil e solicita por sinal, trocamos algumas idéias sobre aviação pois ela viu que eu estava tirando foto e logo ela foi recepcionar os outros passageiros.

DCIM100GOPROGOPR7147.

A poltrona é bem confortável e mesmo sendo em um ambiente “fechado” garante conforto e espaço para o passageiro. Na lateral da porta você encontra o número da poltrona assim como o aviso de Do Not Disturb. Logo atrás da “porta” tem um compartimento que serve como “closet” para você pendurar seu casaco/camisa ou até mesmo guardar uma bolsa pequena. No meu caso coloquei a maleta do meu laptop e coube perfeitamente. O descanso para os pés também serve de poltrona caso você queria convidar uma pessoa para poder jantar com você durante o vôo. (OBS: Lógico que a pessoa precisa estar viajando também na Primeira Classe).

A suite tem vários compartimentos para porta trecos assim como tomada e portas USB. Na lateral esquerda do encosto de cabeça está a saída de ar condicionado individual (muito importante, rs), luz de leitura individual e o botão de Do Not Disturb.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O entretenimento de bordo (E-box) tem ótimas seleções de filmes, aúdios, séries e TV’s. E a qualidade é muito boa. Este avião não possui wi-fi. O assento oferece um tablet para você controlar praticamente todas as funções do mesmo e no compartimento ao lado está o joystick do IFE. O controle já está um pouco antigo e é necessário apertar com um pouco de força para ele responder.

O ajuste da poltrona, luzes e chamada de comissários são controlados por este controle (tablet) digital. O bacana é que quando você pressiona a posição desejada ele movimenta a poltrona na tela primeiro fazendo uma simulação. Além disto há 4 posições (pouso/decolagem, refeição, relax e sono) pré-definidas que você pode acionar através destes botões que ficam ao lado da mesa. E mais atrás perto do encosto de braço tem um segundo compartimento com a revista de bordo, dutyfree, joystick do entretenimento, entrada de aúdio e USB.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Olha este avião da ONU que eu achei estacionado – nunca tinha visto! Precisavam arrumar um livery mais bacana né? Afinal a logo das organizações é tão bonita.

jet-airways-first-class-033

Logo na entrada você já é recepcionado com bebidas não alcóolicas (porque a Índia não permite quando o avião está em solo), tâmaras e toalha umedecida. Os cardápios também já estavam na poltrona quando cheguei.

Além disto havia um cartão da chefe de cabine se apresentando.

jet-airways-first-class-025

Os amenities oferecidos foram apenas necessaire com produtos de higiene pessoal como cotonetes, creme e gilete para barbear, escova de dentes, etc. Não teve pijamas ou pantufas como no outro voo p/ Índia – acredito pelo fato de ser um trajeto curto. Este tipo de inconsistência no serviço me incomoda na verdade – ou é um padrão ou não, concordam?

Dois cardápios foram distribuídos pela comissária – um para as refeições e o outro com a carta de vinhos, chamada de First Cellar. Nunca falei isto, mas até a qualidade do papel do cardápio é de Primeira. Aproveitei e disse à ela que queria fazer degustação dos vinhos – agora pergunta se ela lembrou? Ela simplesmente desapareceu o resto do voo! Eu só vi ela no desembarque, acreditam? O chef que veio me servir toda hora nem sabia que eu tinha solicitado e eu nem fiz questão de falar, já que o vôo era pequeno e eu já estava com preguiça de beber, rs.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Logo depois a comissária veio abrir a mesa para poder começar o serviço. Vejam que mesmo com a mesinha aberta o espaço é satisfatório para duas pessoas jantarem confortavelmente caso você queira convidar alguém também da primeira classe. Para começar foi servido vinho que eu pedi, castanhas, azeitonas e legumes em conserva.

jet-airways-first-class-039

Se comparado ao meu voo Abu Dhabi – Mumbai este foi superior no quesito apresentação dos pratos [tirando o fato da lagosta ter sido igual]. Gostei muito da sopa de abóbora com coco e do cordeiro com legumes – o prato de queijo estava um capricho só e a sobremesa (sorvete) uma delícia. O serviço foi bem devagar e o chef estava bem relapso – demorava a vir retirar os pratos assim como repor minha bebida.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois da refeição eles apagaram as luzes – no testo desta aeronave há pequenos pontos em LED’s que imitam um céu estrelado – eu acho o máximo pra dormir. Afinal quem diria que um dia teríamos isto em um avião não é mesmo?

jet-airways-first-class-034

Com a “porta fechada” você tem privacidade de sobra para fazer o que quiser. (Lógico, mantendo o bom senso, rs.) Gosto sempre de reforçar isto pois sempre tem algum engraçadinho que pergunta se pode transar dentro do avião – menos né?

DCIM100GOPROGOPR7216.

Não dormi porque não deu tempo, aproveitei pra ficar assistindo clipes de música  pois logo estava na hora de pousar. Hunf!

Bom, infelizmente apesar da educação e gentileza dos comissários achei o serviço da Etihad falho no quesito atenção – eles precisam ficar um pouco mais ligados e não “esquecer” os passageiros.

Em relação ao avião – na primeira classe o conforto é bem similar aos das aeronaves da Etihad então realmente quanto à isto pra mim não fez diferença alguma. Aliás, este avião voou muito tempo aqui para o Brasil e somente agora em Novembro que a EY trouxe de volta o A340 próprio.

Alguém chegou a voar nele? Qual foi sua experiência?

Avaliação

  • Check-in:
  • Embarque:
  • Poltrona:
  • Atendimento:
  • Refeição:
  • Entretenimento de bordo:
  • Amenity Kit:
Média
7,6