Sala VIP Emirates Business Class – Aeroporto de Dubai – Concourse B

Chegando em Dubai eu teria a madrugada inteira pela frente de espera até o meu voo de volta para o Rio de Janeiro então aproveitei para conhecer as duas salas vip’s destinadas aos passageiros da classe executiva da Emirates.

A primeira foi no Concourse B – como cheguei no A (terminal exclusivo do A380), tive que pegar o trem interno até deslocar de terminal – mas não tem como errar pois a sinalização é super clara.

Depois de pegar o elevador, você vai notar duas placas – uma pro First Class Lounge e a outra pro Business Class Lounge.

Fui então para o da Business que era o qual eu estava elegível à entrar. Rapidamente o atendente conferiu meu cartão de embarque e elegibilidade e garantiu meu acesso.

O lounge é bem amplo, funciona 24 horas mas já aparenta alguns sinais de “cansado” – na minha opinião.

Os materiais usados tanto na decoração quanto estofados deixam o ambiente pesado.

A sala contorna grande parte do terminal, com um vão no meio. Portanto você pode andar ou pela direita ou pela esquerda.

Além das tomadas disponíveis perto das poltronas o lounge também oferece uma charging station para você carregar seu celular.

A sala também oferece business center com computadores e wifi gratuito – detalhe que neste dia o wifi estava uma lástima de devagar.

Tem um pequeno Kid’s club com video game, fliperama e um carrinho da Hello Kitty – ideal para manter os pequenos ocupados.

O lounge é SUPER grande, então perde um pouco do conceito de VIP já que você é praticamente uma agulha no palheiro.

Esta sala é mais antiga mas eu fiz questão de passar lá só para conhecer o novo espaço exclusivo da Moët & Chandon que fica bem ao fundo.

Para quem aprecia champagne o espaço serve diversos rótulos da marca como Moët Impérial, Moët Rosé Impérial, Moët & Chandon Grand Vintage e Moët Nectar Impérial. Além disto os chef’s dos restaurantes da sala vip preparam canapés que fazem harmonização perfeita com as bebidas disponíveis.

Continuando andando você encontra diversas poltronas ao lado dos vidros – que dão para o vão que eu mencionei para vocês.

  

Lugar para sentar e aguardar o voo é o que não falta.

Além disto a sala conta com diversos buffet’s espalhados ao longo dos corredores. Praticamente todos eles tem as mesmas opções com exceção do salão principal onde a variedade é maior.

  

No buffet que fica ao final do lounge do lado direito (lado oposto ao bar da Moët) pode fumar, então o cheiro fica insuportável.

Em relação as comidas opção era o que não faltava, conforme vocês podem ver nas fotos abaixo.

  

Aqui é uma outra área com um outro buffet – este layout de ter vários buffet’s espalhados é bem bacana assim você não precisa ficar se deslocando entre um e outro quando quiser comer.

  

A sala ainda conta com alguns cantinhos reservados para soneca – com cobertores e tapa olhos. O esquema é por ordem de chegar, achou vazio, deita, rs.

Mais lugares para sentar e comer.

Este aqui era o buffet principal e o que achei bacana é que a aparência das comidas estavam sempre bonitas – nada com “cara de resto”, sabe? Mesmo durante toda a madrugada tudo ficou nos conformes e reposto de acordo.

A sala também oferece um SPA mas todos os tratamentos são pagos, e que eu me lembre bem caro.

A lounge também oferece um espaço chamado de Health Hub – em parceria com a VOSS.

Nesta ilha você encontra só coisas saudáveis como frutas, sanduíches naturais, sucos energizantes, etc.

E mais ao fundo tinha mais um espaço de soneca mas sem paredes, ou seja, com pouquíssima privacidade. Praticamente todas as cadeiras estavam ocupadas.

Eu queria tomar banho para poder relaxar um pouco, mas detestei os chuveiros.

O banheiro é até apresentável mas as cabines de banho não são separadas o que não te dá privacidade alguma.

Veja que você toma banho e as pessoas ficam passando – PÉSSIMO!

Dentro da cabine – que é minúscula – você encontra somente o chuveiro – nada de pia e nem vaso. Os amenities ficam grudados na parede e tem um pequeno banco com as toalhas. Um funcionário entra e sai toda hora que alguém utiliza o espaço para limpar.

Conforme vocês puderam ver o lounge é bem completo, amplo e com ótimas facilidades. Eu teoricamente não gosto deste decór pesado com madeiras e couro, mas nada que influencia no conforto do passageiro enquanto aguarda o vôo, concordam?

Não há como classificar o atendimento do lounge pois praticamente o usuário faz tudo sozinho – self service.

Depois que terminei o banho, mudei de terminal e fui pro Concourse A, onde fui conhecer o novo lounge.

Alguém já passou por lá também? Qual foi sua opinião?

Avaliação

  • Tamanho:
  • Atendimento:
  • Internet:
  • Conforto:
  • Buffet:
  • Chuveiros:
  • Business Center:
  • Entretenimento:
Média
7,2