TAM inicia processo de certificação operacional do primeiro A350 XWB nas Américas

O primeiro A350 XWB das Américas deverá ser recebido pela TAM Linhas Aéreas em dezembro deste ano. Desde 2012, a companhia está se preparando para a entrada dessa aeronave inovadora em sua frota, inclusive com a formação de uma equipe multidisciplinar dedicada exclusivamente a este projeto. Na semana passada, em um importante passo do processo, a TAM deu início, junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), à certificação operacional do novo avião.

A ANAC irá analisar e validar documentos (como manuais), procedimentos e exercícios práticos relacionados à operação do A350 XWB na TAM. A certificação da agência atestará a capacidade da companhia aérea em operar o A350-900 XWB de maneira segura e constitui um dos marcos mais importantes para a inclusão da aeronave na frota TAM.

TAM-airbus-A350-900-XWB-fsx1

A aeronave vai operar voos comerciais a partir de janeiro de 2016. Sua chegada pioneira nas Américas reforça o compromisso constante da companhia em manter uma das frotas mais jovens e modernas do mundo, com aviões mais eficientes, menor impacto ambiental, e usufruir da melhor tecnologia disponível na aviação, que permite oferecer cada vez mais conforto aos seus passageiros.

Construído com materiais compostos, que são mais leves, eficientes e econômicos, o A350 XWB pertence à última geração de aeronaves de longo alcance. Os passageiros terão uma experiência de viagem mais confortável graças aos assentos com 18 polegadas de largura na Classe Econômica, janelas maiores e iluminação especial da cabine com lâmpadas de LED, que permitem a combinação de 16,7 milhões de cores, usadas para criar o ambiente ideal para cada momento do voo. Com um motor mais potente e eficiente, o A350 XWB proporciona um ambiente mais silencioso ao passageiro e às comunidades no entorno dos aeroportos.