Tarifas de aeroportos administrados pela Infraero terão reajuste de 5,39%

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

As tarifas dos aeroportos administrados pela Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) terão reajuste de 5,39%. A ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) já autorizou o aumento do teto das tarifas aeroportuárias de embarque, pouso e permanência, seja doméstica ou internacional, conexão, armazenagem e capatazia de carga importada ou exportada.


Reajustes

  • Embarques domésticos (tarifa máxima): de R$31,27 para R$32,95
  • Embarques internacionais (tarifa máxima): de R$112,83 para R$115,82

A justificativa divulgada pela ANAC é que o aumento está relacionado a inflação acumulada entre dezembro de 2017 e dezembro de 2018, calculada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O aumento entrará em vigor em 30 dias a contar de ontem (16), data de divulgação do reajuste. A taxa de embarque é cobrada para suprir serviços prestados pelos aeroportos como manutenção e limpeza da estrutura oferecida.

Vocês podem conferir o documento oficial publicado pela ANAC aqui.

O que acharam dessa mudança?

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliações de voos, salas vips, hotéis, cartões de crédito e promoções.