Campo de concentração Auschwitz

Diversos 21

Por Fábio Vilela

Eu sempre tive muita curiosidade de conhecer o campo de concentração de Auschwitz-Birkenau até mesmo para poder entender um pouco desta parte da história “nojenta” que infelizmente somos obrigados a conviver.

Não sei quantos de vocês já tiveram a oportunidade de ir, mas com certeza foi um lugar que eu jamais pretendo voltar. Fiquei tão pra baixo depois da visita que não consegui fazer mais nada no dia, fui direto para o hotel.

Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

A maioria dos pertences dos judeus ainda estão todos lá.

Auschwitz Birkenau

Inclusive o cabelo de todos eles que eram vendidos depois.

 

Auschwitz

Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

Esta cela só cabia uma pessoa e ela tinha de ficar em pé. Funcionava como forma de punição.

Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

Entrada da parte do “forno” onde queimavam as vitimas.

Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

Auschwitz BirkenauAuschwitz Birkenau

Paredão onde os judeus eram fuzilados.

Auschwitz Birkenau

Depois de terminar o tour em Auschwitz, segui para Birkenau que é um segundo campo que fica à 10 minutos de lá.

Auschwitz Birkenau

Entrada da camara de gás está toda destruida.

Auschwitz Birkenau

Aqui da para se ter uma noção da camara de gás subterranea que matava centenas de uma vez só.

Auschwitz BirkenauAuschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

Os galpões onde eles dormiam.

Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau Auschwitz Birkenau

Realmente foi uma visita e tanta, mas foi muito cansativa do ponto de vista emocionalmente e psicologicamente. Sugiro que quem faça este passeio que vá muito preparado para tudo que vai encontrar e ouvir. O lugar parece que está vivo até hoje, e o espirito de morte, tristeza e depressão está tão presente que dá a impressão que tudo ainda está funcionando.

21 respostas para “Campo de concentração Auschwitz”

  1. Fabrício Barboza disse:

    Lado bem vergonhoso e manchado do passado, que faz o visitante sentir 0,0001% do que as pessoas da época sentiam, só do fato de estar presente nestes campos.

  2. Parabéns pelo post. É bom para não esquecermos destas partes porcas da história mundial.

  3. Thiago Fernando disse:

    Boa noite Fábio,

    Primeiramente já lhe peço desculpas por fazer uma pergunta na qual não diz respeito ao post, vamos lá.
    Sabes algum site de confiança para compra de passagens com a busca do multi destinos foram o DECOLAR? pois o decolar está dando com um valor mais alto que no site da companhia e como hoje é domingo não da pra comprar pelo telefone (quero comprar parcelado :D) e estou com receio de amanhã a tarifa mudar. A passagem no caso é pela Delta trecho FLN/JFK JFK/MIA MIA/FLN no site da Delta aparece por U$1.059,20 (com taxas de embarque) e no decolar.com aparece U$1.062,00 (porem sem as taxas de embarque) que no caso aumenta em R$245,00.

    Desde já agradeço, e lhe agradeço muito em postar como se usa o ITA que ajuda incrível nas pesquisas ele da. Só não consigo achar exatamente a mesma tarifa no site da companhia sempre está um pouco a mais.

    Grato

    • Fábio Vilela disse:

      Thiago, e voce conseguiu o preço que voce quer pelo site da Delta?
      Voce ja tentou com a American Airlines? Pois eles te deixam reservar a passagem sempagar por 5 dias e ainda pagar direto no site em 05x sem juros.

      • Thiago Fernando disse:

        Na AA até encontro o mesmo valor, porem as conexões estão horríveis e gostaria de pontuar no Smiles para subir de categoria 😀 hehehe por isso a pergunta de um site para efetuar a compra. Mas de qualquer forma vou garantir essa reserva na AA, tentei fazer esse procedimento, mas o site informa que como a reserva tem voos com companhias parceiras tem que fazer o pagamento na hora da reserva. Tem alguma dica especial para conseguir fazer a reserva por 5 dias sem pagar? Também não achei a opção de parcelar no cartão, só tem a opção a vista.

  4. Myller Fermiano disse:

    Olá Fábio!
    Mais uma vez parabéns pelo seu trabalho. Já estive várias vezes na Alemanha em razão de trabalho e sempre aproveito para passear um pouco. Uma das minhas curiosidades sempre foi buscar locais, museus com algum registro da guerra, mas sempre me senti constrangido em tocar no assunto, pois percebo que é algo do qual o povo alemão tem muita vergonha. No meu ponto de vista, isso foi uma manipulação de massa que uma mente assustadoramente brilhante e maligna fez e que poderia ter ocorrido em qualquer lugar do mundo.
    Não fazia idéia de algum campo de concentração era aberto a visitas.
    Estarei novamente no dia 28/04 indo pra Frankfurt e sempre visito locais próximos a Frankfurt como Heidelberg, mas tentarei incluir essa bizarra visita pois acredito que seja uma experiência importante.
    Um grande abraço e parabéns !!

    • Fábio Vilela disse:

      Myller, obrigado pela mensagem!
      Realmente vale a pena ir pra conhecer se você tiver curiosidade (eu mencionei que não recomendo porque a energia do local é pesada).
      E sem contar que você aproveita para conhecer Krakow que é uma cidadezinha da Polônia super charmosa e bacana de visitar.
      Na Alemanha tem o campo Dachau que também é aberto a visitas.
      Grande abraço.

Deixe uma resposta

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis