Você conhece o Amazon Prime?

Diversos Publicidade 21

Por Equipe | Passageiro de Primeira

O Amazon Prime é um serviço de assinatura da Amazon que já conta com mais de 100 MILHÕES de membros ao redor do mundo! 

E qual o motivo de tanta gente assim ser assinante?

O Amazon Prime oferece inúmeros benefícios exclusivos para o seus membros. Quando o serviço foi lançado lá em 2005 ele oferecia basicamente entregas grátis em até 2 dias e descontos para entregas de um dia para praticamente todo o território Norte-americano por uma taxa anual de U$ 79. Tudo isso quando a entrega grátis estava longe de ser algo popular nos EUA.

Hoje em dia expandiu (e muito) sua gama de benefícios e inclui benefícios como acessos ao Prime Video (um serviço de streaming de vídeos parecido com o Netflix e que também tem suas produções próprias), ao Prime Music (serviço de streaming de músicas no estilo do Spotify e do Apple Music), armazenamento em nuvem ilimitado para fotos e 5GB para vídeos e documentos, descontos exclusivos para compras no Whole Foods, um e-book grátis por mês, 6 meses grátis de assinatura online do Washington Post, além, é claro, de frete grátis em entregas até dois dias e MUITO mais. 

Você pode conferir a lista completa de benefícios aqui.

Além de tudo isso, a Amazon realiza um evento anual exclusivo para assinantes do Prime que oferece descontos em diversos itens, o Prime Day. O evento já é considerados por muitos tão bom ou melhor que a Black Friday. Neste ano o evento ocorre no dia 16 de Julho e tem duração de 36 horas.

A assinatura anual do serviço custa $119 e a mensal custa $12.99. Além disso é possível fazer um teste grátis por 30 dias!


E VALE A PENA?

Dependendo do tanto que você gasta com fretes de entregas da Amazon, o serviço pode valer só por isso. Considerando os demais benefícios como o e-book grátis ou o Prime Video, fica melhor ainda! Além disso tudo, ainda dá tempo de se cadastrar para não perder as ofertas imperdíveis do Prime Day.

Você pode se inscrever no Amazon Prime através do link do Passageiro de Primeira e usufruir dos 30 dias grátis.

Alguém usa o serviço? O que acham de ser Amazon Prime?

Publicidade
Publicidade

21 respostas para “Você conhece o Amazon Prime?”

  1. Silva disse:

    Pelo fato de uma empresa experimentar formatos e produtos novos é q o Amazon existe, toda empresa faz isso, e até voltar ao formato original se nao der certo. Ale e Fabio, sigam em frente. Sobre o Amazon ja contratei eventualmente e valeu a pena para diminuir o custo dos fretes e na ultima vez peguei 90% dos produtos em lockers, so os itens grandes enviei para o hotel.

  2. Léo disse:

    Creio que os leitores do site deveriam ser esclarecidos sobre, pelo menos, os seguintes itens:
    – essa entrega grátis é apenas nos EUA. Já tem gente perguntando se vale no BR: não vale!
    – o prime video e o music contidos nessa assinatura, muito provavelmente (neste ponto não tenho certeza, minha experencia é um pouco antiga), são aqueles dos EUA, de modo que quando o consumidor brasileiro tentar acessar vai rolar um bloqueio pela geolocalização do endereço de IP. Há uma assinatura do prime video brasileiro que NÃO corresponde a essa oferecida.

    Meu depoimento, como ex-assinante do Prime: se vc reside nos EUA ou vai muito, nem pense duas vezes. assine logo. Se vc vai ocasionalmente, faça o free trial na época da viagem pra garantir o frete grátis (muito embora essa feature torne-se cada vez menos importante diante do serviço Amazon Locker).

    Não entro no mérito, trazido por alguns leitores, sobre a pertinencia ou não desse post. Mas é fundamental que seja minimamente esclarecido por vcs Ale e Fabio, aos leitores, o que realmente estão adquirindo caso cliquem no link e assinem o prime.

    A decisão sobre mudança ou não de linha editorial é 100% de vocês, mas que os posts continuem a transparecer a credibilidade que sempre teve o site. Abs.

  3. Andrew disse:

    Concordo com o pessoal abaixo… Colocar um link de afiliado para um assunto afim ao objetivo do site até vai, mas, Amazon Prime? Fora do contexto. No entanto, ao mesmo tempo, é compreensível: O objetivo de qualquer blog profissional é gerar receita, só esperamos que gerar receita não sobreponha a finalidade de prover conteúdo que satisfaça os usuários que ajudaram o blog a chegar onde chegou. 😉

  4. Carlos disse:

    Particularmente, tenho gostado do novo modelo do site. Apesar de ser um link patrocinado (e qual o problema de todos ganharem?) ainda acho que o site tem mantido isenção e procurado ponderar o que realmente é bom. De qualquer forma, a maioria da nós somos experientes e conseguimos filtrar bem o que interessa ou não. No meu caso, particularmente, tenho acessado mais hoje que no modelo anterior. Bom trabalho da equipe. Parabéns !

  5. Daniel GYN disse:

    Já usei o serviço diversas vezes em viagens para os EUA. Muito bom para ganhar tempo com as compras programadas, mando entregar tudo no hotel alguns dias antes da minha chegada, e sobrar mais tempo para as compras por impulso.
    Algumas dicas:
    1 – Se você não viaja tanto para os EUA, você pode assinar o serviço apenas por 1 ou 2 meses. ($12,99 month. Cancel anytime.)
    2 – Você está em alguma loja física e gostou de algo, basta fazer a pesquisa no site da Amazon e ver se sai mais barato comprar on-line. Eles tem o frete para entrega de 1 dia ou 2 dias, com valor bem em conta.
    3 – Para ter certeza sobre os prazos de entrega, de preferencia em comprar produtos “sold by Amazon” ou “Fulfillment By Amazon”
    4 – Compre um SIM chip de Internet na Amazon e mande entregar no hotel. Já usei da NET10 e funcionou bem. Lembrando que é bom verificar se aceitam cartão do Brasil ou paypal para colocar os créditos.
    5 – Verifique previamente se o hotel aceita receber encomendas e se cobra alguma taxa. Em Orlando e Miami é bem tranquilo, mas em Nova York alguns hotéis chegam a cobrar $15,00 por pacote.

  6. claudia aragão disse:

    Com essa assinatura alguém sabe me informar se os produtos para entrega no Brasil são mais flexíveis ? Ou seja, entregam produtos que geralmente não é permitido para cá ou a política é a mesma ?

  7. Raphael Pimentel disse:

    Eu entendo que um artigo como esse é relevante para alguns leitores do site, mas nos últimos tempos tenho notado uma relevante alteração no objetivo do blog.
    Para não falar nada sem me fundamentar, contei todos os posts deste ano (de 1º de janeiro até a data atual). Dos 646 artigos postados, apenas 1,08% dos artigos são relatos de voos em primeira classe (7 posts). Tivemos 13 artigos sobre classe executiva, e 2 artigos sobre como voar na classe econômica.

    Estaria o Fábio partindo para novos rumos e o blog virando mais um focado em promoções/oportunidades/análises/posts patrocinados?

    • Rony disse:

      Neste caso seria um link de associados, onde a Amazon comissiona o Passageiro de Primeira pelos novos assinantes que eles trouxerem…

    • Jose fernandes disse:

      Eu concordo com vc.
      Antes as atualizações eram menos frequentes porém todas relevantes.
      Eu estava sempre monitorando. Hoje o site tem atualizações frequentes e sinceramente, nenhuma me interessa.

      Agora eu só acesso quando pipoca algum link no meu e-mail ou quero ver uma avaliação antiga. De toda forma o site é do Fábio e ele faz oq ele bem entender.

      Uma pena. Sinto que perdi um site que eu gostava (o Fábio deixou claro no post em ele tinha viajado em todas business e first do mundo [faltou airkoryo kkk] que estava pensando em um rumo para o site).
      Lamento que o rumo encontrado foi esse. E lamento mesmo, porque este era o site mais relevante sobre o tema em português.

      Mesmo assim, sucesso ao site em seus novos rumos. Sou grato, pois já me ajudou muito com estratégias de emissão e escolha de cabines.

      Porém você e eu não somos vozes isoladas nessa observação.

      • Liliana disse:

        Como todos tem direito à sua opinião, eu não concordo com vocês, acho muito interessante que o site diversifique um pouco. Parabéns ao Fábio e equipe pelo trabalho.
        Desde que conheci o site eu gostei e agora ainda mais.

      • Jose,
        Nós estamos antenados no seu comentário e de outras pessoas. Os números de acesso também nos trazem muitas informações (as vezes negativas e as vezes positivas).
        As avaliações são os favoritos de muitos leitores e logo logo voltam ao site com algumas novas surpresas.
        Obg, um abs,
        Ale

    • Raphael,
      Sua percepção não esta errada! Estamos diversificando mesmo!
      Logo logo o Fabio vai soltar as várias avaliações que ele fez este ano (desde março)!
      O SITE novo, Universidade das Milhas e outros 2 projetinhos tem consumido muito de nosso tempo. Estamos crescendo!
      Os links patrocinados tambem fazem parte do nosso ganha pão. Faz parte.
      Um abs,
      Ale

    • Louis disse:

      Realmente, o foco mudou. Isso trouxe coisas que, ao meu ver, são boas, e coisas que me parece ruins.
      Diversidade sobre viagens: acho bom. Acho ótimo ler avaliaçoes de business e mesmo econômica, de ver promoções, oportunidades, guias de como conseguir achar bilhetes-prêmio interesantes, combos menos óbvios… enfim, tudo que tem a ver com viagem, acho ótimo. Afinal, as primeiras classes do mundo não são tantas e um dia esse assunto iria ficar mais escasso, né?

      Agora a parte ruim: a diversidade que nada tem a ver com viagem. Posts sobre Amazon (já teve alguns, um inclusive trazia notícia equivocada); Nespresso; Luxury Loyalty; Samsung Pay; gorgeta no Uber; serviço de consultoria pra obter green card… isso só pra citar alguns mais recentes. Esses temas não credio que deveriam estar aqui. Não percentem ao universo das viagens, cartões, hotéis e lounges, não os vejo comoa adequados a este blog.

      Em minha humilde opinião, de leitor que se beneficia com os serviços prestados pelo Passageiro de Primeira, acredito que um pouco mais de foco só vai fazer bem ao site – mesmo que isso restrinja os acordos com alguns potenciais anunciantes/patrocinadores

      • Louis,
        Sua opinião é bem vinda!!!
        Cada um destes post que vc mencionou tem um motivo para estar no site… Um pouco de “points hacking” expandido para “life hacking”.
        Para te dar um exemplo prático: Saiu a promoção da AMEX e Amazon Prime. Assim que publiquei, recebi questões sobre “o que é o PRIME e por isso fiz mais um post sobre o assunto,
        Em algum momento vou publicar 5 gaadgtes que utilizo nas viagens com referencia a Amazon também…
        A Nespresso é um desconto para clientes do Bradesco Cartões.
        O Samsung Pay ligado aos cartões do ITAU…
        Uber = notícia e destino. Curiosidade total.
        Recebo 100000 outras que não postamos.
        Claro que algumas são mais ligadas e outras menos ao core do site, mas faz parte do editorial. Precisamos expandir o publico.
        Em breve a newsletter também vai mudar para 1 por dia e assim, vai ser mais fácil simplesmente “nao ler” o que foge do interesse de cada um.
        Quando erramos, os números mostram (menos cliques e eventuais feedbacks como o seu). Vcs fazem a audiência do site e to de olho por aqui sempre! 🙂
        No final, queremos que vcs gostem e voltem sempre.
        Um abs,
        Ale

        • Douglas disse:

          Ale, uma sugestão..

          Uma das grandes vantagens desse site é exatamente o recebimento por e-mail de forma imediata da notícia, às vezes isso é essencial.

          Um exemplo que posso citar é sobre a promoção de 300% do Smiles postada há umas 2 semanas e que saiu do ar em poucas horas, eu consegui aproveitar porque recebi o e-mail na hora.

          Poderia ser enviada uma newsletter no fim do dia com a opção de receber só posts sobre promoções para points hacking de forma imediata, como é hoje.

        • Louis disse:

          E eu entendo os moticos para cada um deles, Ale, mas ainda assim acho a conexão desses posts que mencionei muito tênue com a temática do site. Existem sites de life hacking de rodo por aí, não acredito que é isso que a maioria procura no Passageiro de Primeira.

          Por exemplo: gadgets pra viagem pode ser uma postagem muito interessante, mas explicação do que é o Prime já não acho que condiz.

          Os cartões de crédito possuem diversas e diversas promoções, mas não é por isso que precisamos – aqui – de uma postagem sobre como usar o Mastercard Surpreenda pra pagar meia no cinema, né? Agora se é uma promo relacionada à viagem, chip roaming, lounges, pontos, aluguel de carros, faz sentido.

          Como eu enxergo: está ligado à viagem? Merece estar aqui. É algo muito legal, mas não ligado a viagem? Existem outros lugares mais adequados para aparecerem.

          Não quero parecer ingrato: sou leitor assíduo e já aproveitei muito o conteúdo que vocês postam. Só faço uma tentativa de crítica positiva. Abraço!

  8. Ricardo Legieri disse:

    Alê,

    Eu uso o serviço há muitos anos e acho excelente.
    E tem ainda mais uma vantagem, se você assina o serviço, mas não tem pressa na entrega e resolve não usa-lo, esperando pela entrega grátis padrão, você ganha um crédito (não lembro o valor) para baixar músicas ou e-books.

    Abraços.

Deixe uma resposta

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Tudo sobre Programas de Fidelidade
As melhores avaliações de cabines de Primeira Classe e Classe Executiva do mundo
Luxuosas suítes de hotéis