Você vai manter seu cartão de crédito The Platinum Card da American Express?

Depois de todo o “auê” que foi o fim do Membership Rewards e a transferência dos pontos para a Livelo, um questionamento unânime se tornou presente entre os usuários – ainda vale a pena ter o The Platinum Card?

Bom, eu não paguei a anuidade (que é um parto para conseguir negociar) este ano, portanto até Janeiro do ano que vem vou manter o cartão justamente pelo fato de não ter custo.

Mas se analisarmos todos os benefícios vs. os R$1.200,00 de anuidade, ainda compensa?

Vamos começar falando de acesso aos lounges – o cartão te dá direito às salas VIP’s da Delta (quando estiver voando pela cia em qualquer classe), Airspace Lounge, Escape, Salas Centurion pelo mundo, Bradesco no Brasil e Sala’s VIP no aeroporto de Brasilia.

Os benefícios como seguro viagens, seguro automático de carro/bagagem, opinião médica, etc – praticamente é comum à todos os cartões premium – seja MC Black, Visa Infinite, etc – portanto não é algo diferencial do AMEX>

De resto, o The Platinum Card continua:

  • Sem Priority Pass.
  • Sem status em programas de fidelidades (igual o TPC emitido nos EUA).
  • Sem promoção de acúmulo de bônus.

E agora com o fim do MR, o cartão perdeu – na minha opinião – seu maior diferencial, que eram os parceiros aéreos internacionais na proporção 1:1, ou seja, ele deixou de ser interessante.

Eu ainda tenho mais 11 meses para usá-lo antes da cobrança da próxima anuidade, portanto vamos ver se o Bradesco resolve “mexer o doce” e fazer algo diferenciado para estes clientes, caso contrário, com certeza ele irá para a gaveta.

Uma grande pena, pois sou cliente há anos e ver uma marca perder seu valor de mercado desta forma e ainda por cima restringindo os benefícios aos clientes é lamentável.

Qual a opinião de vocês? O que irão fazer?