fbpx

Air New Zealand vai operar voos diretos para Nova York

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Air New Zealand anunciou hoje (22) que vai passar a operar a rota entre Auckland e Newark direto, sem paradas. Segundo a companhia, as operações vão começar em outubro de 2020, com o Boeing 787-9 Dreamliner.

A decisão foi tomada após o CEO da Air New Zealand, Jeff McDowell, revelar certa surpresa da companhia com o desempenho de sua rota, ligando Auckland a Chicago, última anunciada por eles na “Terra do Tio Sam”. A partir do outono americano de 2020, a Air New Zealand vai atender o aeroporto de Newark, Nova Jersey, hub de sua parceira United, três vezes na semana com o Dreamliner, durante todo o ano.

A aeronave possui 275 lugares divididos em três classes – Economy, Premium Economy e Business. Após a inclusão do voo direto ligando as duas cidades, esse será o maior trecho a ser operado pela neo-zelandesa, com quase 15 mil km de distância.

Com a decisão de ir até o lado leste dos Estados Unidos de forma direta, a companhia abriu mão de sua tradicional rota ligando Auckland a Londres, com parada em Los Angeles. A rota ligando os dois países com escala na Califórnia foi uma das mais importantes da história da companhia, sendo operada desde 1982. Segundo McDowell, “não foi uma decisão fácil, mas necessária, pois a dinâmica de mercado afetou bastante as performances, nos últimos anos”.

Até o momento, não é possível comprar passagens para voos diretos ligando Auckland a Newark, mas a própria companhia já disse que é uma questão de tempo: em breve já vai ser possível encontrar os tickets à venda no site da empresa.

Do melhor estilo mineirinho, a Air New Zealand foi “comendo quieta pelas beiradas” e apagou toda fumaça que sua concorrente Qantas deixou, ao operar o voo mais longo do mundo, ligando Nova York a Sydney. Será que a companhia também fez igual o aniversariante do dia, Fábio Vilela, e ficou acompanhando o voo da Qantas pelo Fly Radar antes de tomar a decisão rs?

Brincadeiras a parte, esse voo pode abrir novas oportunidades para viagens dos brasileiros para Oceania! Apesar de longa, a rota pode ser útil usando milhas da TAP Miles&Go, United MileagePlus e quem sabe até do LifeMiles!

E ai, gostaram da novidade?

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.