fbpx

American Airlines anuncia novas rotas entre EUA e Nova Zelândia

Notícias

Por Dérek Arakaki

A American Airlines acaba de anunciar que vai lançar voos sem escalas entre o Aeroporto Internacional de Los Angeles (LAX) e Christchurch, na Nova Zelândia (CHC). Com isso, a companhia aérea passa a ser a única a operar voos diretos entre os EUA e a ilha sul da Nova Zelândia. As operações da nova rota se iniciam em outubro de 2020.

A companhia também anunciou uma nova rota direta entre Dallas e Auckland, que irá complementar a operação sazonal que a companhia já realiza entre Los Angeles e Auckland.


Los Angeles x Christchurch

A American voará para a CHC três vezes por semana, de outubro de 2020 a março de 2021, em um Boeing 787-8. A aeronave conta com 20 assentos Flagship Business e 28 assentos Premium Economy, para um voo que terá duração aproximada de 13 horas.

Os voos de Los Angeles para Christchurch também permitirão que os passageiros se conectem em voos da Qantas e Jetstar para outros destinos populares do Pacífico como Wellington e Melbourne.


Dallas x Auckland

Atualmente, a American opera voos sazonais de Los Angeles para Auckland e adicionará um novo serviço direto saindo de Dallas a partir do próximo ano. Os voos serão operados com o 787-9 da American,  que contam com 30 assentos Flagship Business e 21 assentos Economy Premium. Esse será o segundo voo mais longo operado pela American ficando atrás apenas da rota entre Hong Kong e Dallas.

O voo sazonal de LAX para AKL será mantido, sendo retomado no início do próximo ano (7 de outubro) e ocorrerá durante um período de três semanas.


Detalhes dos voos

Confira abaixo os detalhes das novas operações:


Parceria com a Qantas

A American e a Qantas receberam recentemente a aprovação final para formar uma joint business, o que promete maiores benefícios aos seus clientes. As companhias já lançaram novos benefícios em seus programas de fidelidade além de expandirem seus acordos de codeshare. A Qantas também transformará seus seis voos semanais entre Sydney, Austrália (SYD) e DFW em uma rota diária até meados de 2020. Além disso, a Qantas anunciou novos voos do Aeroporto Internacional de São Francisco (SFO) e do Aeroporto Internacional O’Hare de Chicago (ORD) para Brisbane, Austrália (BNE), que serão lançados em fevereiro e abril, respectivamente.


Comentário

Novas rotas geram novas opções aos passageiros e consequentemente aumentam as oportunidades de resgate de passagens. Para nós brasileiros, a maneira mais prática de se chegar a Nova Zelândia, é através de voos da Air New Zealand (via Buenos Aires) ou da própria LATAM (via Santiago).

Por mais que essas novas opções com a American Airlines exijam uma ida até os Estados Unidos, ainda será necessário apenas uma conexão, já que a companhia opera voos diretos tanto para Dallas quanto para Los Angeles saindo de São Paulo.

Especificamente para quem quer viajar para a ilha sul da Nova Zelândia, o voo entre Los Angles e Christchurch é uma bela novidade, pois só é possível voar para lá já estando em algum lugar da Ásia/Oceania.

De qualquer forma, para quem gosta de passar algumas boas horinhas dentro de um avião, as duas novas rotas anunciadas são um prato cheio!

Os voos de Los Angles para Auckland, que se iniciam a partir de outubro de 2020, estarão disponíveis para compra a partir de 9 de novembro. Já os novos voos entre Los Angeles e Christchurch e entre Dallas e Auckland estarão disponíveis para compra a partir de 30 de novembro.

Gostou da novidade? A rota entre Oceania e América do Norte está bastante concorrida, não acha?

☞ Leia também

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliações de voos, salas vips, hotéis, cartões de crédito e promoções.