fbpx

Análise sobre a cobrança de taxa de combustível pela Air Canada através do TAP Miles&Go

Programas de fidelidade

Por Equipe | Passageiro de Primeira

No post de hoje vamos tentar esclarecer mais sobre a mecânica de cobrança de taxa de combustível pela Air Canada, nas emissões com o programa TAP Miles&Go.


A taxa de combustível da Air Canada no M&G

Como já comentamos na matéria acerca de quais companhias aéreas cobram taxa de combustível no TAP Miles&Go, a Air Canada, cuja classe executiva é um dos melhores produtos disponíveis na rota Brasil – América do Norte – rota considerada um dos melhores sweetspots do TAP Miles&GO – vem cobrando taxa de combustível em passagens saindo do BR, o que acaba, na prática, inviabilizando essa excelente emissão, especialmente com o nada amigável câmbio dos dias atuais.

Não custa lembrar que tem havido uma certa intermitência nessa cobrança de YQ, pois mesmo já estando em vigor há algum tempo, durante bom período de 2019, tal taxa não vinha sendo cobrada nas emissões round-trip (ida e volta), cuja origem era o Brasil.

Agora, contudo, todas as pesquisas partindo do Brasil, infelizmente, estão tendo a taxa de combustível incluída, quando o parceiro TAP Miles&Go é a Air Canada.

Aliás, assim como muitos dos nossos leitores, integrantes da nossa equipe também tiveram a infelicidade de precisar cancelar algumas viagens devido à crise sanitária do COVID.

Dentre essas, uma das que trouxe bastante prejuízo, foi justamente uma RT para Canadá e Estados Unidos, voando na ótima executiva Signature Cabin Class da Air Canada. E a dificuldade foi não porque não se conseguia reprogramar os voos, mas porque as emissões haviam sido feitas no programa TAP Miles&Go sem a indesejável cobrança de Taxa de Combustível (YQ), algo difícil de conseguir, presentemente, nos voos em que o Brasil seja origem ou destino.

Entretanto, fazendo uma análise mais aprofundada, percebe-se que ainda há algumas oportunidades para voar na Air Canada, através do TAP Miles&Go, sem a taxa, ou mesmo pagando valores aceitáveis.

A regra, contudo, é que não envolva o Brasil como origem ou destino, o que é uma pena.

Mas, felizmente, há exceção!


Destinos isentos de taxa de combustível

Contrariando a lógica, não é pra voar internamente no Canada, que se conseguirá emitir bilhetes pelo TAP Miles&Go, sobretudo nos wide-bodies com classe executiva “de verdade”, sem pagar YQ.

Evidente que não se pretende citar todos os destinos operados pela Air Canada, mas os que sejam suficientes para dar um panorama geral de como está funcionando o mecanismo de cobrança dessa taxa de combustível.

Assim, iremos citar como destinos em que não foi apurada a cobrança de taxa de combustível, tanto como origem, quanto como destino, one-way ou round-trip. Os exemplos serão para as cidades de Tóquio, Doha, Dubai, Frankfurt, Londres e Dublin.

Nessas emissões, as únicas cobranças são: a taxa de emissão de bilhete + taxas de embarque, como se vê das pesquisas abaixo:

Tóquio (NRT) – Montreal (YUL)  [One-Way] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$198,99 de taxa de embarque


Vale dizer que a taxa de combustível continua a não ser cobrada, também, na emissão Round-Trip, mantendo-se os mesmos R$ 176,48 da “taxa de emissão de bilhete”, havendo aumento apenas do item “Taxas, sobretaxas e outros encargos”, que se refere às taxas aeroportuárias em si, tributos e outras exações oficiais de competência do país em que o voo é operado.  Vejamos o mesmo roteiro, com passagem de ida e volta:

Tóquio (NRT) – Montreal (YUL) [Round-Trip] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$459,87 de taxa de embarque

O resultado confirma, então, que quando o voo tem origem ou destino no Japão, a taxa de combustível não vem sendo cobrada.

A situação se repete nos roteiros abaixo pesquisados:

Toronto (YYZ) – Doha (DOH) [One-Way] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$245,59

Toronto (YYZ) – Dubai (DXB) [One-Way] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$241,66 de taxa de embarque

Toronto (YYZ) – Frankfurt (FRA)  [One-Way] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$233,92 de taxa de embarque

Toronto (YYZ) – Londres (LHR) [One-Way] –R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$233,92 de taxa de embarque

Aliás, aqui até vale à pena fugir um pouco do assunto, para relembrarmos algo que, embora já saibamos, sempre nos espanta: as taxas exorbitantes para voar a partir de Londres (Heathow em especial).

Vejamos, aliás, exatamente o mesmo voo, só que no sentido inverso, Londres (LHR) para Toronto (YYZ), em que igualmente não se cobra taxa de combustível, mas as “taxas, sobretaxas e outros encargos” resultam em incríveis R$ 1.619,92, dos quais R$ 1.330,59, apenas do adicional (APD),” Reino Unido – Serviço de passageiro aéreo (GB)”, o que torna bem desestimulante iniciar viagens aéreas a partir de Londres.

Londres (LHR) – Toronto (YYZ) [One-Way] –R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$1.619,92 de taxa de embarque

Notem que só de taxas do Reino Unido são R$ 1.330,59 apenas de ADP

A propósito, para fins comparativos, vejam que um voo similar partindo do Reino Unido para o Canadá, mas com origem em Dublin, na Irlanda, também não recebe cobrança de taxa de combustível, e as “taxas, sobretaxas e outros encargos” somam apenas R$ 69,71, a mais barata, aliás, dos locais pesquidos:

Dublin (DUB) – Toronto (YYZ) [Round-Trip] – R$176,48 de taxa de Emissão de Bilhete + R$69,71 de taxa de embarque

Pode-se observar pelas pesquisas acima, que independente do sentido da rota, ou de se tratar de viagem one-way ou round-trip, os “custos de transporte aéreo” foram os mesmos, de R$176,48, apenas relativos à taxa de emissão de bilhete que é cobrada pelo programa TAP Miles&Go.

O que sofreu variação foi apenas o item “taxas, sobretaxas e outros encargos”, que se refere às taxas aeroportuárias em si, tributos e outras exações oficiais de competência do país em que o voo é operado.

De se notar que os destinos citados denotam que apenas os voos para Europa e Oriente Médio mantém uma lógica de não cobrança por região, já que, como se verá adiante, na Ásia, apenas o Japão, como origem ou destino, não tem cobrança de YQ.

Registre-se, também, que no período pesquisado, as buscas não resultaram em qualquer disponibilidade de emissões award pelo TAP Miles&Go, para voos operados pela Air Canada, tanto em classe executiva quanto em econômica, envolvendo destinos de Oceania e África, o que impediu a análise, nesse momento, de toda a malha da empresa em questão.


Destinos com taxa de combustível módica

Entre cidades do Canadá, assim como entre Canadá e Estados Unidos, incluindo Havaí, há uma cobrança “tabelada” e consistente de taxa de combustível da ordem de R$ 116,52 (€17,42) por trecho, o que, apesar de indesejado, mostra-se aceitável.

Vejamos alguns exemplos:

Toronto (YYZ) – Vancouver (YVR) – One-Way 

Custos do transporte aéreo = R$ 293,10, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 116,62 (€17,42)

Toronto (YYZ) – São Francisco (SFO) – One-Way

Custos do transporte aéreo = R$ 293,10, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 116,62 (€17,42)


Vancouver (YVR) – Honolulu (HNL) One-Way

Custos do transporte aéreo = R$ 293,10, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 116,62 (€17,42)

Contudo, para voos cujo destino é o México, a taxa não se mantém nesse patamar, passando para o valor já desinteressante de €67,42, ou €50,30 mais caro que os outros destinos da América do Norte, como mostra a imagem abaixo:

 Vancouver (YVR) – Cidade do México (MEX) One-Way

Custos do transporte aéreo = R$ 630,01, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 453,53(€67,72)


Destinos com taxa de combustível intermediária-alta

Contrariando o que ocorre com Europa e Oriente Médio, em que o TAP Miles&Go não cobra a taxa de combustível, na Ásia a política de precificação não segue um parâmetro uniforme, pois, como vimos, tal taxa é isenta para o Japão, mas é cobrada em outros destinos, como China e Correia do Sul, em valores diferentes, como se pode conferir abaixo:

 Toronto (YYZ) – Seoul (ICN) [One-Way]

Custos do transporte aéreo = R$ 824,39, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 647,91(€96,74)

Toronto (YYZ) – Pequim (PEK) [One-Way]

Custos do transporte aéreo = R$ 975,56, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 799,08 (€119,31)


Destinos com taxa de combustível alta

Constatamos, não sem tristeza, que o destino Brasil acabou posicionado na pior faixa de cobrança de taxa de combustível, nas emissões da Air Canada pelo TAP Miles&Go, acima de €150, por trecho.

Para não alongar ainda mais os exemplos, serão citados apenas dois exemplos nessa faixa, Brasil e Peru:

 Toronto (YYZ) – São Paulo (GRU) [One-Way]

Custos do transporte aéreo = R$ 1.256,33, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 1.079,85 (€161,22)

Toronto (YYZ) – Lima (LIM) – One-Way

Custos do transporte aéreo = R$ 1.601,88, sendo:

  • Sobretaxa Transportadora (YQ) = R$ 1.425,40 (€201,92)

Como se vê, o alto custo da taxa de combustível cobrada nesses últimos destinos, inclusive para o Brasil, praticamente esgota a vantajosidade de emissão para voar Air Canada, através do programa Miles&Go, para aproveitar um dos melhores sweetspots do programa.

Acaso sirva de consolo, podemos ao menos pensar que deixamos o troféu de pior taxa para os peruanos.

É preciso reconhecer, igualmente, que a consulta do bilhete Canadá-Brasil, no Ita Matrix, mostra a cobrança de idêntica taxa de combustível, que estaria sendo meramente repassada, portanto, pelo TAP Miles&Go.

Mas, nem tudo está perdido. Lembrem que mencionamos, ao começo, que havia uma exceção para voar ao Brasil sem pagar essa indigesta taxa de combustível, e é sobre ela que agora falaremos.


Dois voos longos, Brasil como destino, sem taxa de combustível

Como pontuado ao começo, a cobrança de YQ encarece em demasia, a emissão através do programa TAP Miles&Go, para voar na Air Canada.

Conseguimos, contudo, encontrar uma boa oportunidade, não apenas de voar na executiva da Air Canada sem taxa de combustível, usando milhas TAP Miles&GO, como também montar uma conexão conveniente e breve na rota Tóquio(NRT)-São Paulo(GRU), com tempo de solo de apenas 1:50h em Montreal, o que torna a viagem uma das mais rápidas possíveis entre Ásia e Brasil, com tempo total de 24h, já incluída a parada.

Como demonstra a imagem abaixo, os dois voos, AC0006 e AC0096, têm taxas totais de apenas R$ 387,83 (€54,94), referentes aos R$ 176,48 (€25) cobrados como taxa de emissão pelo TAP Miles&Go, mais R$ 211,35 (€29,94), relativos aos encargos, impostos e taxas aeroportuárias. Vejamos:

Tóquio (NRT) – Montreal (YUL) – São Paulo (GRU) [One-Way]

Custos do transporte aéreo = R$176,48 (apenas taxa de emissão de bilhete)

Vale dizer que foi encontrada ampla disponibilidade de vagas nesses voos, mantido o mesmo valor de taxas de emissão e aeroportuárias. Apenas para ilustrar, informa-se que foram conferidas as disponibilidades em 11, 14, 18, 21, 23 e 25 de abril de 2021.


Emitindo com outros programas

Caso você queira, poderá emitir passagens da Air Canada sem taxa de combustível através do TudoAzul ou Smiles. Ambos programas brasileiros não cobram a YQ, vejamos:

Smiles

TudoAzul


Regularidade da Rota Montreal-São Paulo

Como acompanharam os leitores do PP, a rota Montreal-São Paulo foi inaugurada em dezembro de 2019, em caráter sazonal, com previsão de operação entre dezembro de março, tendo o Fábio avaliado a Classe Executiva da Air Canada no B787-9– Voo inaugural entre São Paulo e Montreal.

No entanto, como bem anunciamos recentemente, ao divulgar que a Air Canada planeja operar os voos diretos entre São Paulo e Montreal durante o ano todo, fica evidente que o plano virou realidade, já que os voos pesquisados mostram disponibilidade até fins de abril, ao passo que a rota, quando sazonal, encerrava as operações em março.


Air Canada Signature Class Cabin no B787-9 Dreamliner

Convém notar que ambos os voos são operados pelo moderno, econômico e confortável Dreamliner 787-9, que conta com um total de 298 assentos, sendo 30 na Executiva Air Canada Signature Class, 21 na Premium Economy  e 247 na Economy.

Aliás, a Classe Executiva da Air Canada no B787-9, foi devidamente avaliada pelo Fábio no voo inaugural da rota GRU-YUL.


Sala VIP Maple Leaf Lounge

Mesmo havendo apenas 1:50h de conexão, poderá restar algum tempo para uma passagem rápida pela Sala VIP Maple Leaf Lounge da Air Canada – Aeroporto de Montreal (YUL), igualmente avaliada pelo Fábio na viagem acima mencionada.


Flexibilidade com a permissão de emissões one-way

Vale lembrar que o sistema só está montando a viagem sem a taxa de combustível, para os voos one-way em que o Brasil é o destino. Na situação inversa, tendo o Brasil como origem, ou mesmo nas RT´s, infelizmente, o YQ está sendo cobrado regularmente.

Contudo, considerando que o TAP Miles&Go agora permite resgates de bilhetes one-way, há uma gama de possibilidades para combinar essa viagem com outras formas de emissão dos bilhetes de ida, quer em outros programas, quer para aproveitar pra mesclar a ida com a Emirates, cujas viagens mistas não são permitidas com parceiros da TAP.

Com a permissão de emitir one-way, é possível superar essa restrição, podendo-se emitir a ida na Emirates, e retornar nos voos que aqui apontamos.

Para bem aproveitar as oportunidades de emissão dos bilhetes independentes, sugere-se ler os ensinamentos do Fábio em sugestões de destinos e valores para emitir bilhetes one-way através do TAP Miles&Go.


Como encontrar disponibilidade

Embora as datas citadas na matéria tenham sido devidamente checadas, a dinâmica das emissões com milhas não permite garantir que as mesmas continuem disponíveis quando da leitura, de modo que é importante recordar a forma de consultar as disponibilidades dos parceiros TAP na Star Alliance.

Mesmo se tratando de um tutorial que já constava na base de dados do PP, desde priscas eras, recentemente o Fábio atualizou o “guia” de Como usar o site da United para buscar passagens com milhas em companhias da Star Alliance, leitura imprescindível para tirar proveito das oportunidades aqui mencionadas.

Se a ideia é aproveitar para combinar com uma ida voando Emirates, algo impensável antes da permissão de emitir one-way no TAP Miles & Go, Fábio ensina como achar disponibilidade através do Expert Flyer, no post sobre como emitir passagens na Emirates usando milhas do TAP Miles&Go.


Cálculo da Taxa de Combustível

Neste guia você pode entender o que é a Taxa de Combustível e descobrir como calculá-la antes de realizar uma emissão por telefone, por exemplo.


Considerações finais

Consideramos útil dar um panorama geral sobre a política de cobrança de taxa de combustível pela Air Canada, porque sabemos o quanto é frustrante elaborar todo um plano de viagem baseado em possíveis disponibilidades de emissões de bilhetes award, mas ao final ver esse sonho se esvair pela cobrança de taxas que podem comprometer o orçamento da viagem.

Assim, embora reconheçamos que encontrar ao menos uma possibilidade de emissão de dois longos voos para o Brasil, pela Air Canada, sem a necessidade de pagar a famigerada taxa de combustível, seja uma ótima notícia, não deixamos de lamentar, de outra banda, que a companhia, em plena crise do Covid-19, tenha voltado a cobrar essa taxa.

Apenas para contextualizar, em diversos períodos do ano passado (2019), a taxa de combustível não estava sendo cobrada nas emissões pelo TAP Miles&Go, partindo do Brasil. E vale lembrar que esta taxa é repassada à cia que opera ao voo e não com quem emite o bilhete – no caso o TAP Miles&GO.

Ficamos na torcida para que a Air Canada siga o exemplo da Emirates, que costumeiramente exigia a taxa, mas que a eliminou durante a pandemia, o que esperamos, aliás, tenha caráter de definitividade.

E vocês, já deixaram de emitir passagens na AC por causa da taxa de combustível?

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.