fbpx

Azul retoma as operações em Rio Verde na próxima segunda

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Azul informou que, a partir de segunda-feira, 14, a cidade de Rio Verde, em Goiás, será uma das bases que voltará a receber aeronaves da compahia. Com a reabertura da base, a Azul amplia a cobertura pelo modal aéreo no estado de Goiás. Em agosto, a capital, Goiânia, voltou a ter voos para o Rio de Janeiro, além das operações para Palmas (TO) e também Campinas.


Detalhes das operações

De acordo com a Azul, seguindo os protocolos e medidas de higiene estabelecidos pela empresa desde o início da pandemia, os voos serão operados com o ATR 72-600, as partidas de Rio Verde acontecerão três vezes por semana com destino a Viracopos, em Campinas, principal centro de conexões da Azul no país, conectando assim o cliente rio-verdense a toda a malha nacional e internacional da companhia.

De Viracopos, é possível seguir para destinos como Porto Alegre, Curitiba, Rio, Belo Horizonte, Recife, Salvador, Belém, Manaus, até Fort Lauderdale, nos EUA, e Lisboa, em Portugal.

Malha para Rio Verde:

Azul retoma Rio Verde

De Goiânia para o Rio:


O que diz a Azul

“Estamos dando mais um passo para retomar o fluxo de nossas operações no país, reconectando cidades regionais e proporcionando a opção do modal aéreo para aqueles que precisam viajar a negócios ou para visitar parentes e amigos. Na malha de setembro, voltaremos a conectar cinco destinos brasileiros, reforçando nossa vocação regional e o compromisso da Azul em servir o país. Também estamos fazendo um movimento de fortalecer as opções de conexões a partir de nossas principais bases para trazer mais conveniência e conectividade aos nossos Clientes”, explica Vitor Silva, gerente de planejamento de malha da Azul.


Com a retomada da base, deve ofertar 407 voos por dia para 88 destinos no Brasil e no exterior a partir deste mês. Além de Rio Verde, as cidades de Carajás (PA), Imperatriz (MA), Barreiras (BA) e Cascavel (PR) também terão as operações restabelecidas.

Com isso, a malha planejada para setembro alcança 46% da capacidade operada pela empresa antes da pandemia e representa um crescimento de 570% na malha de 70 voos que foi operada em abril, no momento mais crítico da crise.

Algum leitor vai ser beneficiado com as novas operações da companhia? Os novos voos já estão sendo comercializados em todos os canais oficiais da Azul.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.