fbpx

Cathay Pacific cria exceção para uso de máscaras a bordo para passageiros da Primeira Classe e Executiva

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Cathay Pacific está excluindo a obrigatoriedade do uso de máscaras faciais em algumas rotas para clientes de Primeira Classe e Classe Executiva. A empresa permite que o cliente não utilize a máscara enquanto estiver deitado, ou seja, quando o assento estiver 100% reclinado.

Cathay Pacific

A ideia da Cathay Pacific é que os assentos da Primeira Classe e da Classe Executiva oferecem mais espaço, além de já oferecerem um certo distanciamento entre os clientes, graças às repartições presentes em cada assento. Com o benefício dos filtros HEPA, a companhia aérea acredita que pode ter essa política sem colocar os passageiros em risco.

Apesar de ter sido bastante comentada, a decisão da Cathay já está presente em outras empresas, como a Qatar Airways, por exemplo. Assim como a Cathay Pacific, a companhia do golfo pérsico também permite que seus passageiros da Classe Executiva usem máscara apenas se desejar, devido à privacidade de suas cabines Qsuite.


A decisão da Cathay só é vigente em voos de longa distância, pois são neles que os clientes das classes premium geralmente reclinam os assentos para descansar. Além disso, a medida de segurança da companhia continua vigente, ou seja, a máscara continua sendo obrigatória em todos os setores da viagem (chegada ao aeroporto, check-in, entrada no avião, etc), só é permitido tirar a máscara durante as refeições ou na hora de deitar o assento.

Você apoia essa decisão?

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.