fbpx

Emitindo uma Volta ao Mundo em executiva usando milhas do TAP Miles&Go – Leitor de Primeira

Leitor de Primeira Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

No quadro #LeitorDePrimeira de hoje vamos compartilhar a história do William. Aproveitando as dicas do site, ele conseguiu emitir uma passagem de Volta ao Mundo com todos os trechos em classe executiva utilizando milhas do programa Miles&Go da TAP. Vale a pena leitura de mais um relato de primeira!


Relato de Primeira

Prezados,

Nesta última semana tive a oportunidade de emitir uma passagem de volta ao mundo em classe executiva utilizando 350.000 milhas da TAP Miles&Go e gostaria de compartilhar este relato com vocês porque acredito ser uma boa opção de uso de milhas e por ser um procedimento um tanto complexo para quem não conhece as regras dessa emissão.

O primeiro passo que eu recomendo é abrir o Google Maps e marcar os locais que deseja conhecer, lembrando que são permitidos até 6 stopovers. Também é essencial saber que o bilhete de volta ao mundo não permite o “backtracking”, ou seja, o voo seguinte não pode ser mais ao leste/oeste do destino anterior, de acordo com o sentido da viagem.

Depois, é importante conhecer a lista de companhias aéreas que fazem parte da Star Alliance e conhecer mais sobre as rotas disponíveis por cada companhia aérea para ver qual companhia atende aquele destino.

Definidos os destinos e a rota, procurei a disponibilidade através do site da United, usando os tutoriais disponíveis aqui no Passageiro de Primeira. Para o meu caso não achei necessária a assinatura do Expert Flyer porque tinha um pouco mais de flexibilidade com datas e destinos.

A rota escolhida foi a seguinte:

  • GRU-YYZ: Air Canada, 777-300ER
  • YYZ-YVR: Air Canada, 777-300ER
  • YVR-ICN: Air Canada, 787-9
  • ICN-TPE: Thai Airways, 777-300
  • TPE-SIN: Singapore Airlines, 787
  • SIN-BKK-DXB: Singapore Airlines, A330-300 + Thai Airways, A350-900
  • DXB-ADD-GRU: Ethiopian Airlines, 777-200LR + 787

Com todas as rotas definidas e depois de ver a disponibilidade no site da United bastou ligar no Call Center da TAP para emitir a passagem. A dica que eu dou é anotar o código da companhia aérea e o número do voo porque assim fica muito mais fácil para o funcionário fazer a emissão.

No primeiro atendimento o funcionário faz a reserva do bilhete e já informa o localizador. Ele avisou que em até 5 dias eu receberia um contato por telefone ou e-mail pedindo pra entrar em contato para pagar as taxas. Essa primeira ligação demorou em torno de 30 minutos após o atendimento ser iniciado.

Logo no dia seguinte eu recebi o e-mail e liguei para informar os dados do cartão de crédito. Poucas horas depois fui cobrado e recebi o bilhete completo no e-mail, já podendo, inclusive, reservar os assentos direto nos sites das companhias aéreas.

Custos:

  • Compra de 175.000 pontos Livelo que foram transferidos em promoção de 100% de bônus: R$7.350,00.
  • Taxas aeroportuárias e encargos: 181,82 € ~ R$825,00
  • Taxa de emissão: 40 € ~ R$182,00
  • Custo total: R$8.357,00

Comprovante da emissão:

Gostaria de agradecer ao site Passageiro de Primeira por permitir a realização dessa viagem!

William


Comentário

Parabéns pela bela emissão William! Pesquisou sobre as regras de emissão do bilhete de RTW da TAP, se informou sobre as companhias pertencentes a Star Alliance e as rotas que ela operam e conseguiu viabilizar uma viagem 100% em classe executiva somente em aeronaves grandes (wide-body)!

Destaque também para as taxas de emissão, um total de aproximadamente R$1.000 para 9 voos, isso incluindo os 40€ da emissão via call center, excelente!

Obrigado por compartilhar seu relato e aproveite a classe executiva de 4 companhias aéreas diferentes e nos conte como foi toda a sua experiência!


☞ confira relatos já publicados:

Se você quer ter sua história aqui, siga as instruções deste post.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliações de voos, salas vips, hotéis, cartões de crédito e promoções.