fbpx

Nova Classe Executiva da British Airways no A350-1000 – Madri para Londres

Avaliações Cias Aéreas

Por Lorenzo Firmino

Pessoal, finaaalmente! Hoje trago a vocês o review da novíssima Classe Executiva da British Airways. A cabine foi apresentada no início do ano e entrou em operação em julho. Tive a oportunidade de experimentá-la no mês passado durante minha Volta ao Mundo. A grande novidade são os assentos – que agora são todos posicionados pra frente – e contam com portas deslizantes.

Voo BA457 – 03/10/2019
Madri (MAD)
 Londres (LHR)
Assento: 1A – Classe Executiva
Partida: 10:53 / Chegada: 11:55 / Duração: 2h02
Aeronave: A350-1000

pular para… 


Check-in e Embarque

Depois de ter passado 2 dias em Madri (veja minha avaliação do voo para lá), chegava a hora de retornar a Londres para continuar a viagem. O voo BA457 tem o horário previsto para às 10:50 da manhã – logo, cheguei muito cedo no aeroporto. Fiz o check-in por volta de 4h antes da partida e haviam somente dois(!) guichês disponíveis. Tudo bem que eu estava adiantado, mas dois agentes da British Airways para um hub como Barajas? O processo em si foi rápido por dois motivos:

  1. Estava na fila preferencial para passageiros Emerald na oneworld;
  2. Não haviam outras pessoas para fazer check-in naquele momento.

O A350-1000 com seus sharklets curvados!

O embarque aconteceu sem atrasos por ordem de grupo:

  • Pré-embarque: famílias com criança de colo ou passageiros com mobilidade reduzida;
  • Grupo 1: passageiros voando em classe executiva (Club Suite) ou com status Emerald na oneworld (meu grupo);
  • Grupo 2: passageiros com status Sapphire na oneworld;
  • Grupo 3: passageiros voando na classe econômica premium (Euro Traveller Plus) ou com status Ruby na oneworld;
  • Grupo 4: passageiros voando na classe econômica (Euro Traveller).

Cabine e Configuração

A nova cabine da British (chamada de Club Suite) traz o 1º novo assento de executiva da companhia em 13 anos. Tem capacidade para 56 passageiros no layout 1-2-1 (espinha de peixe).

Os assentos na executiva são chamados de “closed suites” (suítes fechadas) – isso graças as portas deslizantes que oferecem muito mais privacidade aos passageiros em relação a cabine anterior.

As portas da nova executiva da BA seguem o padrão que a indústria está estabelecendo (como vemos na Qsuite da Qatar, no The Room da ANA, nas Suites da Delta, etc). Elas não vão do chão ao teto – mas ainda assim, é uma melhoria notória. Agora não é mais necessário trocar olhares com o coleguinha ao lado, de fato, tirando nas fases de embarque e desembarque, é difícil vê-lo durante o voo.


Assento

A primeira impressão que tive do assento foi um “wow!“, os tons escuros de preto e azul marinho cominados com a madeira escovada (próxima ao divisor) ficou muito elegante. Isso sem contar o cheirinho de novo de uma aeronave que até então tinha 3 meses de vida!

O espaço entre os assentos na cabine é de 200cm (mesma medida da poltrona na posição cama/flat-bed). A largura entre os braços é de aproximadamente 69cm.

O assento, chamado de Super Diamond, é fabricado pela Collins Aerospace (é o mesmo da American Airlines e da Aeromexico em alguns B787 – com a diferença de ter portas).

A “suíte” oferece um excelente espaço para armazenamento de objetos (porta-trecos). Tem ainda luz de leitura, cinto de três pontas, controle digital de posição do assento embutido no braço, espelho, revisteiro, tomada de energia e duas portas USB.


Serviço de Bordo

Minutos após atingirmos velocidade de cruzeiro a tripulação começou o serviço de bordo. Tudo é servido de uma vez: entrada, prato principal e sobremesa – o que é justificável considerando o tempo de voo (o trajeto entre Madri e Londres leva pouco mais de 2 horas). Por conta disso, o cardápio também é reduzido em relação aos voos de longo curso. Veja a foto das opções de comidas:

E de bebidas:

Para o almoço eu resolvi “fugir do comum” e optei pelo bacalhau grelhado do Atlântico Norte acompanhado com um creme mousseline de parmesão. Para harmonizar, uma taça de vinho branco francês. Nota 8,5! Muito gostoso, mas… peixe tem cheiro de peixe e em alta altitude parece que tudo se intensifica – portanto, acho que prefiro deixá-lo de fora dos próximos voos, rs.

Agora vai uma pequena crítica, dona British! O voo é curto, mas colocar toalha de mesa não leva mais que poucos segundos e daria uma impressão mais “refinada” (sem contar que o pão em contato direto com a superfície não é nada legal higiênico).


Entretenimento, Wi-Fi e Conectividade

Cada assento na classe executiva oferece um impressionante monitor de 18,5 polegadas, sensível ao toque e de alta resolução. Há também um controle remoto com uma 2ª tela. Mas o destaque fica para o chamado gate to gate: é possível assistir um filme do momento anterior a decolagem até depois do pouso. De “portão a portão”, você não é interrompido durante a exibição de filmes, séries de TV ou transmissões ao vivo. O que deixa a desejar é o fone de ouvido (marca própria da BA), observe que este da foto tem até um “rasgadinho”.

Já falando de conectividade, a British oferece Wi-Fi gratuito para o envio e recebimento de mensagens (texto, somente). Há, entretanto, opções de planos pagos. O custo varia de acordo com a quantidade de dados.

  • 25 MB: GBP 4,99
  • 75 MB: GBP 11,99
  • 150 MB: GBP 17,99

Emissão

Esta passagem foi um bilhete-prêmio (emitida com milhas). Foi o 1º de três segmentos dentro da mesma emissão.

Trecho: MAD-LHR
Itinerário: MAD-LHR-AUH-SIN
Companhia: British Airways
Classe: Executiva
Custo: 90.000 milhas AAdvantage + R$458,38 de taxas de embarque

dica: se este bilhete tivesse começado em Londres, as taxa de embarque ultrapassariam a casa dos quatro dígitos (R$1.171,71). Evite, portanto, começar sua viagem em Heathrow.


Comentário

Que diferença para a cabine antiga, não é? Só o fato de ser a 1ª mudança na cabine da empresa em mais de uma década já é motivo para comemoração!

A British se tornou a única companhia a oferecer uma cabine executiva com portas na Europa. Observe, nas imagens abaixo, o quão exposto fica o passageiro na cabine antiga e a diferença em privacidade para a nova. Além disso, o controverso layout de assentos invertidos (um pra trás, outro pra frente) sai de linha para dar lugar ao layout 1-2-1 com todas as poltronas posicionadas pra frente.

Como já tinha falado na avaliação do voo de ida (Londres para Madri em econômica) a tripulação escolhida para operar o A350-1000 parece ter sido escolhida a dedo! Um atendimento muito superior aos padrões da BA e que se confirmou no voo de retorno a Londres na executiva (agora só falta padronizar o excelente serviço que recebi entre os demais voos da companhia).

Uma coisa é certa: 13 anos depois do último retrofit da Club World, a British volta com tudo, com a Club Suite! A companhia ganha fôlego e espaço para disputar a preferência dos passageiros com as tradicionais cias europeias.

No próximo review: a Primeira Classe da Etihad no A380!


ainda sobre essa viagem…

  1. Classe Premium da Norwegian Air no B787-9 – Rio de Janeiro para Londres
  2. Classe Econômica da British Airways no A350-1000 – Londres para Madri
  3. Nova Classe Executiva da British Airways no A350-1000 – Madri para Londres
  4. (BREVE) Primeira Classe da Etihad no A380-800 – Londres para Abu Dhabi
  5. (BREVE) Primeira Classe da Etihad no B777-300ER – Abu Dhabi para Cingapura
  6. (BREVE) Classe Executiva da Cathay Pacific no A330-300 – Cingapura para Hong Kong
  7. (BREVE) Classe Executiva da JAL no B777-200 – Hong Kong para Tóquio
  8. (BREVE) Classe Executiva da Aeromexico no B787-8 – Tóquio para Cidade do México
  9. (BREVE) Classe Executiva da Aeromexico no B737-800 – Cidade do México para Bogotá
  10. (BREVE) Classe Executiva da Wamos Air no A330-200 – Bogotá para Santiago
  11. (BREVE) Classe Executiva da LATAM no B767-300 – Santiago para São Paulo

Avaliação

  • Check-in:
  • Embarque:
  • Poltrona:
  • Atendimento:
  • Refeição:
  • Entretenimento de bordo:
  • Amenity Kit:
  • Internet:
  • Pontualidade:
  • Limpeza:
Média
8.9

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliações de voos, salas vips, hotéis, cartões de crédito e promoções.