fbpx

Air Canada suspende voos para os EUA pela primeira vez em quase 80 anos

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Air Canada anunciou que suspenderá os voos para os EUA a partir de 26 de abril. A decisão é resultado do acordo entre os governos do Canadá e dos Estados Unidos de estender as restrições de fronteira por mais 30 dias, com vigência a partir de hoje (22). A Air Canada planeja retomar o serviço para os EUA em 22 de maio.

De acordo com o site The Points Guy, com exceção dos dias em que todos os voos foram suspensos após o 11 de setembro, essa deve ser a primeira vez que a Air Canada não voará para os EUA desde 1941, quando sua antecessora, a Trans-Canada Air Lines, inaugurou o serviço para a New York naquele ano.

Desde 16 de março, a Air Canada reduziu sua programação de voo em mais de 90% como resultado do COVID-19. Após o anúncio inicial das restrições de viagem entre os EUA e o Canadá em 21 de março, a companhia manteve voos selecionados para 11 destinos dos EUA em seus três hubs, principalmente para facilitar o repatriamento de canadenses. O último voo comercial programado dos EUA para o Canadá será no dia 26 de abril.

A queda na demanda e demais restrições de viagens continuam impactando as companhias aéreas. Quem diria que não teríamos voos da Air Canada para os EUA, que costuma operar voos para 53 destinos americanos.

A companhia informou que está isentando as taxas de alteração para clientes afetados com reservas durante esse período.

Para mais informações, clique aqui.

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.