fbpx

American e Delta buscam funcionários para trabalhar em lounges de forma voluntária

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

As companhias aéreas norte-americanas, American Airlines e Delta Air Lines, estão buscando funcionários para trabalhar em seus lounges de forma voluntária. As empresas precisam de mais pessoas trabalhando em salas VIPs para se preparar para a volta das viagens após um longo período de recesso causado pela pandemia da COVID-19.

American Delta


Sobre o pedido de trabalho voluntário

A American Airlines pediu aos funcionários não sindicalizados em sua sede que se voluntariassem a trabalhar nos espaços do Aeroporto Internacional Dallas-Forth Worth, uma vez que espera um aumento no número de viagens durante o verão. Por meio de memorando, a companhia diz o seguinte: “Além do suporte que fornece ao nosso membro da equipe de linha de frente, é também uma oportunidade para nossa equipe de suporte corporativo obter uma apreciação e uma melhor compreensão do trabalho que nossas equipes de aeroporto fazem”.

O recrutamento de funcionários vem depois que a American cortou 30% de seu quadro de funcionários, o que incluiu a demissão de cerca de 1.500 trabalhadores.

Já a Delta enviou a solicitação por meio de canais internos para funcionários que trabalham Atlanta. Eles foram informados sobre o recrutamento para trabalhar nos Sky Clubs do Aeroporto Internacional de Atlanta (Hartsfield-Jackson), principal hub da companhia no mundo, depois que a empresa contratada para os lounges não conseguiu fornecer trabalhadores suficientes para os espaços no aeroporto.

O comunicado da empresa diz para o funcionar vir ao aeroporto por algumas horas e ajudar na limpeza, preparação de comida e reabastecer os buffets. “Basta vir ao aeroporto de Atlanta por algumas horas para ajudar na limpeza, limpar as mesas, preparar comida, reabastecer buffets de comida, etc”, disse a empresa em sua mensagem. Os funcionários que aceitarem o trabalho são instruídos a usar calças pretas casuais e camisas brancas, e também é dito que receberão aventais ao chegar no lounge.


Volta das viagens nos EUA

No sábado passado (06), a Administração de Segurança de Transporte (TSA) registrou cerca de 2 milhões de pessoas passando pela segurança do aeroporto – o maior número de rastreios desde o início da pandemia. De acordo com dados dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), 42,1% de todos os americanos estão totalmente vacinados contra COVID-19, o que facilita e encoraja para a realização de uma viagem, principalmente internacional.


O que você acha desse pedido de trabalho voluntário?

Com informações: Secret Flying.

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

10 anos! O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.