fbpx

Azul lança tapete virtual para organizar o processo de embarque

Notícias

Por Dérek Arakaki

Algo muito comum em aeroportos espalhados por todo mundo é a falta de organização durante o processo de embarque. Para aprimorar e agilizar este procedimento a Azul está lançando o Tapete Azul, um sistema de embarque baseado na tecnologia de realidade aumentada.


Como funciona

O Tapete Azul é composto por um conjunto de projetores e monitores, que, por meio de realidade aumentada, indicam ao cliente o momento certo de embarcar. No chão, os projetores formam um tapete virtual colorido e móvel, que convida a pessoa a se posicionar na fila de acordo com seu número de assento. Essa experiência depois é refletida dentro da aeronave através de um embarque por ondas, com intervalo entre duas e três fileiras.

Confira abaixo o passo a passo:

  • Identifique no cartão de embarque o número do seu assento;
  • Fique de olho no monitor. Ele indicará o momento de embarcar;
  • Quando for informado, basta se dirigir até o tapete e seguir com o embarque.

De acordo com a Azul, este processamento em ondas de trás para frente da aeronave, não cria gargalos. Com isso, haverá uma diminuição na falta de espaço dos corredores e evitará que os passageiros fiquem se levantando para os que estão próximos da janela tenham que se acomodar. Com isso, o passageiro passa menos tempo em pé nas filas e evita possíveis atrasos nos voos. A inovação, segundo estima a companhia, vem proporcionando uma diminuição de cerca de 25% no tempo em que uma pessoa leva entre embarcar e sentar dentro do avião, redução que pode ser ampliada ao longo do desenvolvimento do produto.


Aeroportos

De acordo com a Azul, o Aeroporto de Curitiba foi o escolhido pela companhia para ser o primeiro no mundo a contar com uma tecnologia e sistema inovadores e exclusivos da Azul que indicam para cada cliente qual o seu momento de embarcar no avião, além de organizar de uma forma rápida e prática a fila de acesso à aeronave.

Além do Afonso Pena, outros 17 aeroportos serão contemplados com o Tapete Azul até o fim do ano. Somadas, essas bases terão 100 portões de embarque com o Tapete Azul, respondendo por cerca de 70% dos embarques de voos domésticos da Azul.


O que diz a Azul

“O processo de embarque de uma aeronave possui regras e a necessidade de identificação dos Clientes para garantir a segurança. Essa tecnologia está nos ajudando a fazer isso com muito mais agilidade e segurança, especialmente neste período em que as pessoas precisam manter a distância uma das outras. Isso acontece porque o sistema chama de forma intercalada nossos Clientes a fazerem o embarque, tornando o processo mais fluido para quem está viajando”, explica Jason Ward, vice-presidente de Pessoas e Clientes.

“A Azul nasceu de um projeto inovador, então está em nosso DNA procurar formas e tecnologias que proporcionem aos nossos Clientes o melhor voo de suas vidas”, afirma Claudia Fernandes, diretora de Marketing e Comunicação.


Vídeo

Confira no vídeo abaixo mais informações sobre o Tapete Azul:


Comentário

Muito interessante a inovação feita pela Azul. Qualquer iniciativa para organizar e agilizar o processo de embarque é muito bem vinda. A Azul informou que com a COVID-19 o espaçamento entre os clientes no Tapete Azul foi reconfigurado, proporcionando um tempo de permanência em pé na fila menor e garantindo o distanciamento social.

O Tapete Azul já está em fase de testes em Goiânia e em Viracopos. A expectativa da companhia é de que o tapete desembarque até o fim do mês no Santos Dumont, no Rio, em Salvador e Belo Horizonte.

O que você achou do Tapete Azul? Algum leitor nosso já teve a experiência?

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.