fbpx

Boeing bate recorde de entregas de aeronaves e encerra ano com maior carteira de pedidos

Notícias

Por Fábio Vilela

Pelo sexto ano consecutivo, a Boeing liderou o número de entregas de aeronaves comerciais, registrando a entrega de 763 jatos em 2017. O marco foi impulsionado, principalmente, pelo alto desempenho dos programas líderes de mercado 737 e 787.  Em paralelo, a empresa também adicionou 912 novos pedidos firmes em seu backlog, um reflexo da demanda contínua e consistente por aviões de corredor único e por modelos de corredor duplo.

O programa 737 foi responsável por um dos principais marcos da empresa no ano. A produção da aeronave atingiu o número de 47 jatos por mês, o que contribuiu para o registro de 529 entregas, incluindo 74 unidades do estreante 737 MAX. O programa 787 Dreamliner também manteve alta produção e fechou o ano com 136 entregas.

Em termos de pedidos, os 912 registrados foram feitos por 71 clientes, totalizando USD 134,8 bilhões (preço de tabela). O total amplia os pedidos em carteira da Boeing para um recorde de 5.864 aeronave – até o encerramento do ano -, o que representa cerca de sete anos de produção.

Em 2017, a família 787 Dreamliner acumulou quase 100 pedidos, enquanto a família 777 conquistou 60 pedidos, conforme mostrado na tabela abaixo. Relatório detalhado está disponível no site de Pedidos e Entregas da Boeing.

Outros marcos importantes de aeronaves comerciais incluem os primeiros voos do 737 MAX 9 e do 787-10 Dreamliner, e o início da produção do 737 MAX 7 e do novo 777X.


Vocês acham que neste ano a Boeing vai continuar na frente ou a Airbus vai contra atacar?! Qual é a fabricante preferida de vocês?

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.