fbpx

Boeing retoma produção do 737 MAX

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

Após suspender a produção de suas aeronaves de modelo 737 MAX, ainda no ano passado, a Boeing anunciou que está voltando a produzir os aviões em sua fábrica na cidade de Renton, no estado de Washington.

737 max

A fabricante retomou a produção do modelo de forma limitada, à medida que implementa mais iniciativas focadas em melhorar a segurança do local de trabalho e a qualidade do produto. Segundo a Boeing, durante a suspensão temporária da produção, mecânicos e engenheiros colaboraram para aprimorar o modelo de trabalho em cada posição da fábrica. Novos processos de montagem também foram implementados.

“Estamos em uma jornada contínua para desenvolver nosso sistema de produção e torná-lo ainda mais forte”, disse Walt Odisho, vice-presidente e gerente geral do programa 737. “Essas iniciativas são o próximo passo na criação do ambiente ideal de construção para o 737 MAX”.

“As etapas que adotamos na fábrica ajudarão a impulsionar nossa meta de 100% de qualidade para nossos clientes, além de apoiar nosso compromisso contínuo com a segurança no local de trabalho”, disse Scott Stocker, vice-presidente da 737 Manufacturing.

A decisão por parar a produção do MAX veio antes da pandemia, por falta de aprovação das autoridades em permitir que a aeronave voltasse a operar – após dois graves acidentes que não deixaram sobreviventes, entre 2018 e 2019. Apesar de voltar à produção, a empresa ainda não recebeu autorização para operar voos comerciais com o modelo, que se encontra impossibilitado de voar desde março de 2019.

A Boeing ainda disse que a produção do 737 aumentará gradualmente ao decorrer do ano.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.