fbpx

Brussels Airlines suspende todas as suas operações até 19 de abril

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Brussels Airlines, companhia aérea pertencente ao Grupo Lufthansa, divulgou que vai suspender todas as suas operações até o dia 19 de abril. A medida foi tomada devido ao surto do coronavírus que vem prejudicando a operabilidade de centenas de empresas.

Dieter Vranckx, CEO da Brussels Airlines: “Monitoraremos continuamente a situação e nos comunicaremos adequadamente, planejando o reinício de nossas operações em 20 de abril para dar as boas-vindas a nossos hóspedes a bordo novamente. Como empresa responsável, precisamos tomar a decisão de interromper temporariamente nossas operações. Isso nos permitirá reduzir o impacto financeiro negativo em nossa empresa“.

A disseminação do coronavírus e as proibições de voos, que restringem a conectividade aérea impostas por muitos países ao redor do mundo, já impactaram severa e negativamente na Brussels Airlines nos últimos dias, bem como sua situação financeira. A companhia aérea está em discussão com o governo em relação ao suporte.

Para equilibrar as contas, também foi dito que os funcionários da empresa serão forçados a tirar férias não remuneradas, por conta da baixa demanda e da proibição de alguns voos. Desde o dia 16 de março, 30% dos colaboradores estão sem trabalhar e a companhia anunciou que pretende alcançar os 100% de funcionários não trabalhando.

Os passageiros com voos agendados para os próximos dias e cancelados devido à situação extraordinária atual são remarcados automaticamente. A Brussels Airlines solicita aos passageiros que tenham voos até sexta-feira para verificar o status de sua nova reserva no site da companhia, na aba “My reserves“. Os clientes que forneceram seu número de telefone ou endereço de e-mail durante o processo de reserva, bem como os membros do programa de passageiro frequente Miles & More, serão automaticamente informados sobre as alterações no programa de voo por SMS ou e-mail. A companhia ainda permite que o cliente remarque sua passagem até dia 01º de junho.

Solicita-se aos passageiros cujos voos programados não ocorram nos próximos 7 dias que não entrem em contato com o Centro de Serviço. Dessa forma, eles dão aos agentes do centro de serviço a oportunidade de cuidar primeiro dos clientes que partem imediatamente. Durante o período de suspensão, a Brussels lembra que continuará a manter uma capacidade mínima em espera para voos de repatriação, caso seja necessário.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.