fbpx

Classe Executiva da Royal Jordanian no B787 – Amman para Doha

Avaliações Cias Aéreas Classe Executiva

Por Fábio Vilela

Cheguei literalmente cedo no aeroporto de Amman pois queria terminar de editar umas fotos antes de embarcar. Para quem voa em classe Premium da Royal Jordanian ou tem status elite na Oneworld, você pode usar o check-in dedicado da empresa. Ele fica na porta 1, ou seja, assim que você desce do carro, já pode ir direto para esta ala especial.

Apesar de ser algo exclusivo, o processo é um pouco estranho – primeiro você chega, passa no raio-x, aí um cara pesa sua mala, imprimi uma etiqueta com o peso dela, e só assim você prossegue pro balcão.

No balcão, outro atendente pega esta etiqueta impressa, faz seu check-in, e imprimi a tag da mala. Depois você precisa voltar lá na porta, entregar a etiqueta da mala e só assim prosseguir para o embarque. Não entendi muito bem a logística, mas penso que é pelo fato de não ter balança e nem despacho de malas no lugar onde estão as mesas.

Feito todos os trâmites, você segue por um corredor privado, até passar em um segundo raio-x e imigração. Feito isto, você já está no saguão do aeroporto e pode seguir pra Sala Vip Crown Lounge (que vocês conferem o review aqui).

Meu voo foi operado por um dos B787 da cia – apesar de gostar bastante desta pintura, me lembra um pouco os aviões particulares do Trump, vocês não acham?

Eu aproveitei que cheguei no portão com antecedência pra poder registrar algumas imagens desta máquina. Amo a fuselagem do B787, e vocês?

Vôo Royal Jordanian RJ 652 – 14/11/2018
Amman (AMM) ✈ Doha (DOH)
Assento: 1K – Classe Executiva
Partida: 09:15 / Chegada: 12:45 / Duração: 2h40 
Aeronave: B787-8

Na porta recebi as boas vindas pela comissária e fui direto pro meu assento – eles não acompanham. A classe executiva da RJ é bem pequena – apenas 4 fileiras no layout 2-2-2.

Eles usam o mesmo assento do B787 da United, e eu particularmente não gosto muito – pois além de achar estreito acho que o descanso/design do descanso dos pés muito ruim.

As fileiras 4H e 4K ficam logo de costas para o banheiro, então eu evitaria sentar por ali.

Em relação ao passageiro do lado você tem pouquíssima (pra não falar nenhum) privacidade, sendo separados apenas por esta pequena divisória.

Agora vem o dilema do footrest – se você sentar em qualquer cadeira que não seja na primeira fileira, encontrará este mísero espaço para colocar seus pés. Penso que ele seja ideal para aqueles rapazes que vão na academia e não malham perna e ficam com corpo em formato de cone, pois ergonomicamente falando – esta espaço não foi projeto para caber um corpo comum.

Agora notem a diferença gritante do descanso dos pés na primeira fileira. Viram só? Imagina em um voo longo para dormir a diferença que isto não faz. Não sei quem projetou estes assentos – mas erram feito neste quesito, concordam?

Falando em assento, o controle das posições ficam no console central. Você pode ajustar sua cadeira de várias maneiras.

A poltrona na posição cama é total flatbed, mas veja que a parte onde ela encontra o footrest, tem uma “falha” e não continua no mesmo tamanho.

 

Acho que aqui vocês conseguem ter uma idéia melhor do que estou falando. Seria erro de engenharia? Eu fico ainda encucado!

A poltrona para dormir também é bem estreita por causa do casulo que a protege, então para os passageiros maiores isto pode ser um problema.

A tomada, USB e entrada de aúdio ficam atrás da sua cabeça, neste pequeno console. Ali você também encontra um porta garrafas.

O controle do entretenimento de bordo fica do lado esquerdo – e era simples e intuitivo para mexer.

Todas as poltronas estavam com travesseiros – devidamente embalados. Acredito que por o voo ser curto, as mantas não foram oferecidas.

O fone de ouvido era noise cancelling e além de boa qualidade veio também com capinhas descartáveis – essencial para higiene né?

O IFE era bem completo, touchscreen e com interface rápida.

Nele você encontra uma variedade de filmes, músicas, jogos, séries, etc.

O serviço ainda em solo começou com suco, água e café árabe. O atendimento foi OK, cordial – mas não vi muita simpatia.

Fiquei impressionado deles oferecem carta de vinho em um trajeto tão curto.

E ainda por cima com ótimos rótulos como  champagne Taittinger. Infelizmente era muito cedo – e eu não estava em clima para beber!

O serviço foi um café da manhã – diversos tipos de pães, queijos, café (que não saiu na foto), suco e água. O sabor estava OK, principalmente destas esfihas abertas de zaater e queijo que vieram quentinhas.

Minha faca veio suja – que chato né? Mas enfim, vida que segue!

Achei as comissárias bem apressadas para fazerem o serviço – mas nada que comprometesse a qualidade do mesmo.

Para um voo curto, o avião, cabine e atendimento foi satisfatório. Agora se fosse para encarar um longhaul nesta poltrona – eu com certeza pensaria duas vezes.

E vocês, já tiveram a oportunidade de experimentar este assento? O que acham ele?

 

RECEBA TODAS NOVIDADES DO PASSAGEIRO DE PRIMEIRA EM SEU E-MAIL

 

Avaliação

  • Check-in:
  • Embarque:
  • Poltrona:
  • Atendimento:
  • Refeição:
  • Entretenimento de bordo:
  • Amenity Kit:
  • Internet:
  • Pontualidade:
  • Limpeza:
Média
7.0

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliações de voos, salas vips, hotéis, cartões de crédito e promoções.