Como viajar de avião com cão-guia no Brasil

Notícias Tutoriais

Por Felipe Alimari

As regras para viajar de avião com cão-guia no Brasil são as mesmas para cães de serviço. De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), os cães-guia são considerados animais de assistência e podem viajar na cabine do avião, junto com o passageiro que os necessita.


Requisitos para viajar com um cão guia

Para viajar com um cão-guia no Brasil, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

  • O animal deve estar treinado para realizar tarefas específicas para ajudar o passageiro com deficiência visual;
  • É necessário estar comportado e não representar risco para a segurança dos passageiros ou da aeronave;
  • O cão deve estar identificado com uma placa ou coleira que indique que é um animal de serviço;
  • Carteira de vacinação do animal. É preciso comprovar que o cão tomou a vacina antirrábica e é necessário que tenha a assinatura do veterinário responsável; e
  • Essa vacina é obrigatória para os animais a partir dos três meses, devendo tomá-la pelo menos três dias antes da data da viagem, ou não estar vacinado há mais de um ano. Além disso, é preciso apresentar o certificado de saúde emitido por um veterinário, com validade de 10 dias.

Informações necessárias para viajar com um cão guia

Além de cumprir os requisitos acima, é necessário garantir que, na carteira de identificação do animal, as seguintes informações estejam indicadas:

  • Nome do centro de treinamento ou instrutor;
  • CNPJ do centro de treinamento ou CPF do instrutor autônomo;
  • Foto do usuário e do cão; e
  • Nome do usuário.

Já na plaqueta, é preciso constar:

  • Nome do usuário e do cão-guia;
  • Nome do centro de treinamento ou do instrutor;
  • CNPJ do centro ou CPF do treinador.

Além disso, as companhias aéreas podem exigir que o passageiro apresente documentos adicionais, tais como:

  • Formulário de transporte aéreo DOT, preenchido pelo passageiro e pelo médico que avaliou a necessidade do cão guia; e
  • Atestado médico, emitido pelo médico que avaliou a necessidade do cão guia.

No caso de voos internacionais, as regras podem variar de acordo com o país de destino. Normalmente, é solicitado um certificado zoossanitário Internacional. Esse documento é obtido de forma gratuita no Posto de Vigilância Agropecuária Internacional, nos aeroportos internacionais.


Passo a passo para viajar com um cão-guia no Brasil

Confira a seguir um passo a passo para viajar de avião com cão-guia no Brasil:

  1. Verifique as regras da companhia aérea que você irá utilizar;
  2. Certifique-se de que o seu cão atende aos requisitos necessários;
  3. Preencha os documentos exigidos pela companhia aérea;
  4. Apresente os documentos à companhia aérea no momento do check-in;
  5. Verificar com a companhia aérea se o cão deverá ser transportado em uma caixa de transporte de animais; e
  6. No dia do voo, leve o seu cão para o check-in com antecedência.

Ao embarcarem no avião, algumas companhias aéreas já permitem que o cão viaje no assento ao lado sem custo algum para o passageiro; caso contrário, o cão deverá ser acomodado no colo do passageiro. O tutor deverá permanecer sentado durante todo o voo, exceto para ir ao banheiro.

Ao desembarcar do avião, o cão deverá ser conduzido pelo passageiro até a área de desembarque.


Dicas

Aqui estão algumas dicas para viajar de avião com cão-guia:

  • Leve o seu cão para passear antes do voo para que ele possa se exercitar e aliviar as necessidades fisiológicas;
  • Leve com você comida e água suficientes para o seu cão durante o voo;
  • Certifique-se de que o seu cão esteja confortável na caixa de transporte (dependendo da companhia aérea é obrigatório); e
  • Se o seu cão for propenso a vômitos ou diarreia, leve um saco de lixo para recolher os resíduos.

Com um pouco de planejamento, é possível viajar de avião com cão-guia de forma tranquila e segura.


 Especificidades das companhias aéreas no Brasil

As principais companhias aéreas brasileiras oferecem o serviço de transporte de cães-guia sem nenhum custo adicional. No entanto, é importante verificar as regras específicas de cada companhia antes de viajar. Confira:

A Azul, por exemplo, exige que o cão guia esteja com a vacina antirrábica em dia e que esteja identificado com uma coleira ou placa que indique que é um animal de serviço. A companhia também recomenda que o cão esteja treinado para ficar calmo e silencioso durante o voo.

A GOL também exige que o cão guia esteja com a vacina antirrábica em dia e que esteja identificado com uma coleira ou placa que indique que é um animal de serviço. A companhia também recomenda que o cão esteja treinado para ficar calmo e silencioso durante o voo.

A LATAM exige que o cão guia esteja com a vacina antirrábica em dia e que esteja identificado com uma coleira ou placa que indique que é um animal de serviço. A companhia também recomenda que o cão esteja treinado para ficar calmo e silencioso durante o voo.

Lembre-se de que as regras para viajar de avião com cão-guia podem ser alteradas a qualquer momento. Por isso, é sempre importante verificar as regras específicas da companhia aérea antes de viajar.


Comentário

Viajar de avião com um cão-guia não é apenas um direito amparado por lei, mas também uma ferramenta vital para a independência e inclusão de pessoas com deficiência visual. Mais do que um companheiro, um cão-guia é uma extensão da mobilidade e independência das pessoas com deficiência visual. A confiança emocional que um ele proporciona é inestimável e viajar com ele fortalece a independência emocional, além da autoconfiança das pessoas com deficiência visual.

Em síntese, a possibilidade de viajar de avião com um cão-guia é fundamental para a inclusão e autonomia das pessoas com deficiência visual. Além de cumprir requisitos legais, essa prática desempenha um papel vital na criação de uma sociedade mais inclusiva e compreensiva.

E aí, o que achastes deste post? Comente aqui embaixo e compartilhe em suas redes sociais com a hashtag #PassageiroDePrimeira #PraTodoMundoVer 😊

Felipe Alimari
Instagram: @passageirosobrerodas

Clube Smiles
Clube SmilesReceba até 330.000 milhas em 12 meses + benefícios exclusivos para viajar!
Clube Livelo
Clube LiveloAssine o Clube Classic e ganhe 500 pontos extras na hora!
Clube LATAM Pass
Clube LATAM PassReceba 1.000 pontos por mês + até 10% de bônus em parceiros
Hotéis
Hotéis5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2025!
Seguro Viagem
Seguro ViagemAté 69% de desconto na contratação do seu seguro viagem!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.