fbpx

Conheça o PlusPoints, o novo sistema de upgrades da United

Notícias

Por Lorenzo Firmino

United anunciou uma nova “moeda”, chamada de PlusPoints. Essa moeda será mais flexível, customizável e contará com menos restrições. Será específica para ser utilizada em upgrades de voos nacionais e internacionais e substituirá os atuais GPUs (Global Premier Upgrades) e RPUs (Regional Premier Upgrades). A partir de 04 de dezembro cada GPU será convertido em 40 PlusPoints e o RPU em 20 PlusPoints.

Associados United Premier Platinum, 1K e Global Service ganharão PlusPoints da mesma forma que recebem GPUs/RPUs hoje em dia.

  • 40 PlusPoints ao alcançar o Platinum;
  • 280 PlusPoints ao alcançar o 1K ou Global Service;
  • 40 PlusPoints para cada 25.000 PQMs subsequentes (para 1K e GS).

Pela 1ª vez associados Platinum poderão receber um upgrade de cabine para voos de longa distância. Atualmente estes associados recebem 2x RPUs (que serão convertidos em 40 PlusPoints). Esses pontos poderão ser utilizados para upgrades em voos regionais (como já era feito) ou então para um upgrade em voo de longa distância.


Custos em PlusPoints

  • 20 PlusPoints – Econômica para primeira classe doméstica/executiva regional
  • 20 PlusPoints – Econômica para Premium Plus
  • 30 PlusPoints – Premium Plus para Polaris
  • 40 PlusPoints – Econômica para Polaris (Y, B, M, E, U, H, Q, V, W)
  • 40 PlusPoints – Econômica para executiva da ANA (G, E, Y, B)
  • 40 PlusPoints – Executiva para primeira classe da ANA (J, C, D)
  • 40 PlusPoints – Econômica para executiva da Copa
  • 40 PlusPoints – Econômica para executiva da Lufthansa (G, E, Y, B, M, U, H, Q)
  • 40 PlusPoints – Executiva para primeira classe da Lufthansa (J, C, D)
  • 80 PlusPoints – Econômica para Polaris (S, T, L, K, G)
  • TBD PlusPoints – Econômica para Polaris (pular lista de espera)

Observe que um upgrade em um voo de longa distância em econômica para Premium Plus exigirá o equivalente a um RPU. Será possível também receber upgrade para um voo de voo de longa distância emitido em econômica com desconto (classes tarifárias como S, T, L, K, G – desde que não seja tarifa econômica básica).

Os pontos somente serão deduzidos da conta do MileagePlus quando o upgrade for liberado. Dessa forma, será possível ficar em “standby” para uma cabine superior em diversos voos ao mesmo tempo.


“Skip waitlist”

Com o “skip waitlist” associados estarão aptos a confirmaram upgrades mesmo quando o upgrade padrão (PN para Global Services e PZ para outros membros) não está disponível. O sistema da United mostrará os voos elegíveis a upgrades e a quantidade necessária de PlusPoints quando a janela for de no mínimo 30 dias em relação ao embarque.


Vídeo com as novidades

A United preparou um vídeo bem legal com as mudanças (em inglês):


Comentário

Aparentemente quase todas as atuais políticas da United permanecerão em vigor. As mudanças são, portanto, positivas. Um possível downside, conforme apontou o TPG, é a introdução da exigência do equivalente a um GPU para voos da Copa Airlines. Mas o que pode não ser tão interessante para os americanos (os trechos são curtos, devido a proximidade da Cidade do Panamá aos EUA) pode ser interessante para os brasileiros. Todavia, é válido lembrar que os assentos da Copa não são flat bed e estes PlusPoints poderão ser melhor utilizados em voos da ANA e Lufthansa.

Você que é associado ao MileagePlus, o que achou da introdução do PlusPoints?


Com informações TPG.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.