Fraude no comércio de peças traz preocupação e prejuízos à aviação global

Notícias

Por Raimundo Junior

Imprensa internacional – BBCThe Telegrahp e The Guardian, além de sites especializados como View from the Wing, noticiou a prisão do Diretor-Geral da AOG Technics Ltd, acusado de chefiar um esquema fraudulento de comércio global de peças e partes falsificadas para motores de aviões.

Não é novidade no mundo da aviação o comércio ilegal de partes e peças de aviões, atividade concentrada especialmente no Sudeste Asiático e África. Em geral, essa atividade acaba tendo como clientes proprietários de pequenas aeronaves, fora do mercado da aviação comercial de passageiros.


A investigação

O escândalo na comercialização fraudulenta de peças e partes para motores que equipam aviões comerciais populares, veio à tona no bojo do processo investigativo instaurado pela Serious Fraud Office (SFO), do Reino Unido. Como resultado, houve a prisão no último dia 6 de dezembro do principal diretor da empresa investigada, AOG Technics Ltd, Jose Alejandro Zamora Yrala.


O modus operandi da fraude

A fraude da AOG consiste basicamente em vender peças para motores de aviões, valendo-se de certificados forjados.

A falsidade tanto pode estar relacionada à origem das peças – não provenientes de fabricantes originais, como apontado no certificado falso, ou à omissão de que as peças não são novas, mas usadas e retificadas. No caso de peças vendidas como de “segunda-mão”, também falsearem o prazo de uso das mesmas, vendendo-as como mais novas do que são de fato.

Isso representou ganhos elevados para a empresa em detrimento de um bem crucial para a aviação: a segurança.


Especialidade da empresa: peças para motores de aviões comerciais mais utilizados na aviação

Ao contrário do comércio clandestino de partes e peças para aviões, que é marginal e periférico, dessa vez envolve uma empresa com sede em Londres, atuando com aparência de legalidade e tendo como clientes grandes companhias aéreas do mercado global, inclusive dos Estados Unidos e Europa.

O maior problema desse caso é que a AOG Technics é especializada na venda de peças para o motor de avião de passageiros mais vendido do mundo”, o CFM56. Esse é o motor que equipa alguns dos aviões comerciais mais populares e utilizados no mundo: Airbus A320 e Boeing 737.


Companhias americanas e europeias na carteira de clientes

Sediada em Londres e atuando com aparência de legalidade, inclusive oferecendo os devidos certificados das peças comercializadas, a empresa atraiu grandes players do mercado global da aviação para a sua carteira de clientes. Do que se noticiou até o momento, já é possível afirmar que, dentre os clientes identificados, estão as gigantes americanas American Airlines e Delta Airlines, além da britânica Ryanair, tido como a maior empresa low-cost do mundo da aviação.

Acontece que o caso é ainda mais complicado e tende a atingir um número muito maior de empresas. Isso porque a AOG Technics também tem por clientes empresas terceirizadas de comércio e manutenção aeronáutica, cuja identificação dos clientes para os quais as peças falsificadas foram utilizadas, demanda uma investigação ainda mais aprofundada.


Riscos para a segurança aérea

Desde o princípio das investigações, autoridades de segurança americanas e europeias vêm trabalhando juntas para gerenciar os riscos e consequências, especialmente em relação à segurança das operações aéreas. Ambas emitiram uma série de alertas e chegaram a determinar o estacionamento e inspeção de aeronaves, cujas investigações apontaram terem tido peças fornecidas pela AOG, usadas em serviços de manutenção.

Embora esse procedimento traga prejuízos e impacte na operação das companhias, especialmente em época de alta demanda, é crucial para garantir que o esquema investigado não causa danos maiores, inclusive com o custo de vidas humanas.


Comentário

Não podemos afirmar se há alguma relação, mas quem acompanha o mundo da aviação tem percebido um aumento no número de incidentes envolvendo falhas em motores de aeronaves, inclusive no Brasil.

As investigações e procedimentos duros que estão sendo adotados, inclusive estacionamento forçado de aeronaves, embora seja um remédio amargo, são imprescindíveis para salvaguardar alguns dos fundamentos vitais para o sucesso da aviação comercial moderna: confiabilidade e segurança!

Clube Smiles
Clube SmilesReceba até 330.000 milhas em 12 meses + benefícios exclusivos para viajar!
Clube Livelo
Clube LiveloAssine o Clube Classic e ganhe 500 pontos extras na hora!
Clube LATAM Pass
Clube LATAM PassReceba 1.000 pontos por mês + até 10% de bônus em parceiros
Hotéis
Hotéis5% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2025!
Seguro Viagem
Seguro ViagemAté 69% de desconto na contratação do seu seguro viagem!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.