fbpx

Hackers acessam informações de 9 milhões de clientes da EasyJet

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A companhia de baixo custo britânica EasyJet informou hoje (19) que sofreu um ataque cibernético em que hackers acessaram e-mails e detalhes de viagem de cerca de nove milhões de seus clientes.

Os detalhes do cartão de crédito de 2.208 desses clientes também foram acessados ​​em um ataque supostamente “altamente sofisticado”. A empresa acrescentou que todos os clientes afetados serão contatados até 26 de maio e não há evidências de que as informações pessoais tenham sido usadas indevidamente.

Um porta-voz da EasyJet informou que “não há evidências de que nenhuma informação pessoal de qualquer natureza tenha sido usada indevidamente. No entanto, estamos nos comunicando com os aproximadamente nove milhões de clientes cujos detalhes da viagem foram acessados ​​para aconselhá-los sobre medidas de proteção para minimizar qualquer risco de possível phishing”.

A EasyJet não disse quando o ataque ocorreu. Disseram que estão oferecendo suporte aos clientes e trabalhando com o UK Information Commissioner’s Office (ICO) e o Centro Nacional de Segurança Cibernética.

“As pessoas têm o direito de esperar que as organizações manejem suas informações pessoais de maneira segura e responsável. Quando isso não acontecer, investigaremos e tomaremos ações robustas sempre que necessário”, disse um porta-voz da ICO.

O Centro Nacional de Segurança Cibernética e o Gabinete do Comissário da Informação foram notificados e esse acesso não autorizado foi fechado. Parece que nenhuma senha foi acessada ou obtida no incidente. Os clientes estão sendo aconselhados a ficar alertas, principalmente se receberem comunicações não solicitadas. A EasyJet também aconselha os clientes a serem cautelosos com relação a qualquer comunicação que venha da EasyJet ou EasyJet Holidays.

O CEO da EasyJet, Johan Lundgren, disse “Levamos a segurança cibernética de nossos sistemas muito a sério e temos medidas de segurança robustas para proteger as informações pessoais de nossos clientes. No entanto, essa é uma ameaça em evolução, pois os ciberataques ficam cada vez mais sofisticados. Desde que tomamos conhecimento do incidente, tornou-se claro que, devido ao COVID-19, há uma preocupação crescente sobre o uso de dados pessoais para fraudes on-line. Continuaremos a investir na proteção de nossos clientes, sistemas e dados.” O CEO ainda se desculpou pelo ocorrido “Gostaríamos de pedir desculpas aos clientes que foram afetados por esse incidente.” 

“Para qualquer pessoa em questão que possa ser afetada, é importante alterar sua senha com a EasyJet e outros sites em que você possa usar a mesma – e fique atento às contas bancárias e aos relatórios de crédito. Além disso, desconfie de e-mails, de falso suporte ao cliente e mensagens nas mídias sociais, pois os golpistas podem tentar tirar vantagem disso.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.