fbpx

Importante atualização da Hoteis.com sobre o COVID-19

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

Segue abaixo mensagem da Hoteis.com sobre o Coronavírus e a recente notícia da proibição da entrada de cidadãos de países europeus.


Prezado(a) cliente,

Como você pode ter visto nas notícias, o governo norte-americano proibiu a entrada no país de cidadãos dos 26 países que fazem parte do espaço Schengen da União Europeia ou que visitaram esse espaço nas duas semanas anteriores à entrada nos Estados Unidos. Esses países são: Áustria, Bélgica, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Noruega, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Suíça.

A política do governo norte-americano vai entrar em vigor às 23h59 (horário de verão do leste dos EUA) do dia 13 de março de 2020. No entanto, ela não se aplica a pessoas a bordo de voos para os Estados Unidos que partiram antes do horário e da data indicados acima. O governo dos Estados Unidos declarou que essa política vai ser adotada nos próximos 30 dias.

Esta política não inclui nem afeta:

  • Cidadãos norte-americanos, residentes legais permanentes e seus familiares mais próximos.
  • Quaisquer crianças, filhos adotivos ou sob custódia de cidadãos norte-americanos ou residentes legais permanentes, ou que sejam possíveis candidatas a adoção de acordo com as classificações de visto IR-4 ou IH-4.
  • Membros das Forças Armadas dos EUA, seus cônjuges e filhos.
  • Todas as pessoas que viajam a convite do governo dos Estados Unidos para serviços relacionados ao vírus, determinadas pessoas que realizam trabalhos ou prestam serviços relacionados à OTAN ou às Nações Unidas e determinadas pessoas que realizam serviços relacionados ao CDC, Departamento de Segurança Interna, Departamento de Estado e outras questões de aplicação das leis.
  • Determinadas classes de tripulantes que prestam serviços aéreos ou marítimos.
  • Quaisquer residentes do Reino Unido que não estiveram no espaço Schengen nos últimos 14 dias.

Embora não sejam proibidos de entrar nos Estados Unidos, os viajantes que estiveram no espaço Schengen podem ser obrigados a voltar aos EUA por meio de aeroportos específicos, equipados com procedimentos de análise avançados.

Próximos passos

Se você é afetado pelas novas regras e não pode viajar para os Estados Unidos no período de 30 dias, saiba que estamos trabalhando com os nossos parceiros de viagem para resolver essa situação sem precedentes o mais rápido possível.

Se você tem apenas uma reserva de hospedagem com a Hoteis.com, vamos garantir a opção de cancelamento e reembolso. Se você tem uma reserva de voo ou pacote de viagem, estamos trabalhando com as nossas companhias aéreas parceiras para entender como vão funcionar as políticas de cancelamento.

Vamos entrar em contato com você em breve com mais detalhes sobre os próximos passos, incluindo informações sobre como confirmar alterações nos seus planos de viagem e como vai funcionar o processo de cancelamento.

Apesar do coronavírus (COVID-19) ser uma situação com rápidas mudanças do ponto de vista da saúde pública, temos o compromisso de manter nossos clientes da Hoteis.com sempre informados e buscar soluções.

Atenciosamente,

Hoteis.com

 


Alguém foi afetado? já recebeu a ligação da Hoteis.com para cancelamento e reembolso?

Nossa dica é ligar para central de atendimento somente se sua viagem for nos próximos dias, caso contrario, espere um pouco. Em geral as centrais estão sobrecarregadas e atendendo os casos mais urgentes.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.