fbpx

Lufthansa faz pedido de mais cinco A350-900 e cinco Boeing 787-9

Notícias

Por Equipe

A Lufthansa anunciou a compra de mais dez novas aeronaves. A companhia alemã vai adicionar à sua frota de jatos de longa distância o 787-9 da Boeing e mais modelos do A350-900 da Airbus.

Lufthansa 787-9

São cinco aviões de cada fabricante, com o primeiro 787 previsto para ser entregue à companhia no final do ano, e o restante sendo entregue até o primeiro semestre de 2022. Já com a Airbus, o prazo de entrega dos A350-900 é um pouco mais longo, com os jatos previstos a serem entregues apenas entre 2027 e 2028.

O prazo de entrega mais curto da Boeing é devido a um acordo entre a fabricante americana e a Lufthansa, que optou por adquirir aeronaves prontas. Com o Airbus A350-900, o Boeing 777-9 e o Boeing 787-9, a Lufthansa operará as aeronaves de longo curso mais econômicas em termos de consumo de combustível por passageiro.

Segundo Carsten Spohr, Presidente do Conselho Executivo e CEO da Deutsche Lufthansa AG, apesar da pandemia, a Lufthansa permanece focada na ideia de reformular sua frota de aeronaves, com modelos mais modernos e eficientes. Além disso, segundo o diretor, a modernização da frota de jatos de longo alcance da companhia está mais rápida do que antes da pandemia.

“Mesmo nestes tempos desafiadores, continuamos a investir numa frota mais moderna, mais eficiente e com menos emissões. Ao mesmo tempo, a modernização da nossa frota de longa distância está mais rápido do que o planeado antes da pandemia. Queremos aprimorar ainda mais a experiência do cliente, com produtos de ponta e uma frota de última geração – especialmente porque temos uma responsabilidade com o meio ambiente”.

A ideia da Lufthansa é modernizar seus aviões, oferecendo não apenas uma melhor experiência para o passageiro, mas também pensando no meio ambiente. As novas aeronaves são mais econômicas e emitem uma quantidade menor de carbono do que os jatos mais antigos.

Em média, as novas aeronaves consumem cerca de 2,5 litros de querosene por passageiro a cada 100 quilômetros voados. Isso representa cerca de 30% menos do que muitos modelos de aeronaves que a companhia costumava operar anteriormente e terá um impacto igualmente positivo na pegada de carbono do Grupo.

O Boeing 787-9 e o Airbus A350-900 irão essencialmente substituir as aeronaves de longa distância A340. Os planos preveem a redução do número de aeronaves quadrimotoras (como é o caso do A340) na frota de longo curso da Lufthansa para menos de 15% até o meio da década – antes da crise, a participação era de cerca de 50%.

Além disso, a nova aeronave com baixo consumo de combustível reduzirá os custos operacionais em cerca de 15% em comparação com os modelos que substituem. Como parte do programa de renovação de frota, um total de 175 novas aeronaves serão entregues às companhias aéreas da Lufthansa ainda nesta década.

Hotéis
Hotéis
10% de desconto + selos no Rewards em estadias até 31 de março de 2023!
Chip de Viagem
Chip de Viagem
20% de desconto na compra do chip de viagem!
Supermercado
Supermercado
35% de desconto na primeira compra e 10% de cashback nas próximas!
Seguro Viagem
Seguro Viagem
25% de desconto na contratação do seu seguro viagem!
Prêmio Passageiro de Primeira 2022
Prêmio Passageiro de Primeira 2022
Vote agora nos melhores do ano!
Clube 1.000
Clube 1.000
Receba 1.000 milhas por mês + 7.000 milhas bônus na hora!
Ver todos os cupons

Baixe o app do Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de programas de fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, voos e salas VIP, hotéis e lazer, cartão de crédito e promoções.