fbpx

Como emiti uma passagem de ida e volta pro Canada em classe executiva por 46.000 milhas – Leitor de Primeira

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

No quadro #LeitorDePrimeira de hoje vamos compartilhar a história do George Machado. Ele aproveitou da promoção que bonificava em até 121% as transferências para o programa e emitiu uma passagem em classe executiva para o Canadá.

Confira o relato do George na íntegra!


Olá time do PP, boa tarde!

Aproveitando o relato de uma leitora de vocês sobre emissões com pontos TAP, gostaria de passar aqui, como consegui emitir semana passada uma passagem ida e volta de executiva, com pontos para a semana de natal e ano novo com a ajuda do Expert Flyer, que ao meu ver é a melhor ferramenta para a procura de disponibilidade em cias. Star Alliance.

Transferi esses pontos do Livelo para a TAP naquela promoção que bonificava 121% a um tempo atrás com esse propósito, e desde então ficava na procura. Minha “missão era achar uma passagem indo dia 21, 22 ou 23 saindo do RJ para o Texas, e volta 2 ou 3 de qualquer lugar nos estados unidos, Ou seja, as piores datas possíveis para se marcar um viagem por pontos, ainda mais em executiva, mas quem acredita sempre alcança.

Toda a semana entrava no Expert Flyer na esperança de achar algo com a United, pois alem de ser o voo mais rápido, eu também sou Platinum no programa deles, o que me garantia alguns benefícios, alem daqueles tradicionais já inclusos em uma passagem executiva. Tentei de todas as formas, mas descobri depois que aparentemente o voo da United que vai direto RJ – Houston é uma das rotas que a United mais vende executiva na rede, por conta de ser a “rota do petróleo”, por isso bloqueiam emissões de executiva com milhas até no próprio programa deles. Tentei saindo de SP também, no bueno.

Minha esperança numero 2 era a Azul, faria ida e volta para a Florida com eles, e depois compraria uma Southwest Airlines para me levar ao Texas (por conta de ser a única a incluir o despachado de 2 malas nos EUA). Como já tinha lido o post sobre resgate Azul com milhas TAP, já sabia que emissões na Azul somente em voos puros, não pode misturar com outra cia se a não a TAP, então jogar a United no bolo não ia dar certo. Lá fui eu para o EF e fiquei todo feliz quando achei a bendita da disponibilidade R para os trechos internacionais, e a V para as conexões. Entrei em contato com a TAP e… que banho de agua fria. Segundo a atendente a disponibilidade que a Azul mostra no EF, apesar de aparecer para a TAP, não valida. Pelo que foi explicado, a Azul anda bloqueando as emissões do Miles and Go. Voltei para a primeira casa.

No dia seguinte, acordei com a vibe “Brasileiro não desiste nunca”, 8 da manhã comecei a pesquisar todos as opções Star Alliance, e achei um voo dia 22 que não era uma maravilha mas estava bem OK, seria saindo com a Copa dia 22, e conectando com a Air China, que não tinha ideia que voava Panama – Houston. Todos os voos em Classe I, então tudo certo. Agora era achar a volta, procurei no mínimo umas 20 cidades americanas como origem, e destino Rio; sem sucesso. Ate que procurei NYC – RJ, e me apresentou uma opção Air canada, com o finalzinho Azul no dia 02 de janeiro. Meu olhos brilharam, não só por ser na data que escolhi, mas por ser executiva no 787 da Air Canada que já estou querendo voar a muito tempo. Depois que ja sabia que o Toronto – SP tinha uma vaga. Olhei conexões saindo de outras cidades americanas para Toronto voando Air Canada em executiva, e bingo! Achei uma opção sensacional saindo de Chicago. 8:15 já estava ligando para a TAP.

Quando atendido, já especifiquei as datas que queria voar, mas não mencionei nada de rota, só dei origem/destino e que gostaria de voar executiva. O atendente a principio disse que não havia disponibilidade. Nessa hora mencionei: “da uma olhadinha voando Copa de manhã e conectando com a Air China,” ele pesquisou e logo em seguida tive a resposta positiva. Na volta solicitei o Chicago – SP (a conexão da Azul para o RJ não poderia entrar no bolo), o atendente achou na hora! Total 100.000 pontos, que felicidade!. Dei meus dados de cartão para pagar algo em torno de 140 euros de taxa de embarque, processou, aprovou, e logo ele voltou para me dar o localizador e avisar que poderia demorar até 24 horas para chegar a confirmação. Como sou uma pessoa levemente apreensiva, já joguei o localizador no Checkmytrip e lá estava. Peguei os localizadores das cias emitidas e guardei (MUITO IMPORTANTE: Enquanto a TAP não mandar confirmação com numero do bilhete, aquele de 13 dígitos, não pode fazer nada na reserva, Incluindo marcar assento! DÁ RUIM #REAL). Não deu nem uma hora e a TAP me enviou a confirmação. Sucesso! Depois foi só ligar para cada cia para marcar assento (menos a Copa que consegui fazer pelo site).

Algumas dicas:

  • Assine o Expert Flyer, vai ser o melhor 9 dólares que você vai gastar na vida;
  • Descanse e reserve um tempo antes de ligar para o Call Center da TAP, lá tudo é lento, e a sua paciência pode ser testada ao limite. Seja simpático sempre (Como todos devemos ser);
  • Never ever diga que você viu que a classe “Tal” esta mostrando disponibilidade, por algum motivo que a psicologia deve explicar, os atendentes entram super na defensiva. Sugira a rota/voo sempre como se você também não soubesse que de fato há disponibilidade;
  • Azul é basicamente uma loteria no Miles & Go. Probabilidades de sucesso dignas da Mega Sena;
  • Tenha seu passaporte em mãos, eles solicitam as infos na hora da emissão;
  • Não desista, trabalhe na sua paciência, pode ser que você tenha que ligar algumas vezes, e sim muitos atendentes não tem a menor experiencia no que eles estão fazendo.

Uma parte importante que esqueci de mencionar, é que quando fiz a procura no EF, não me limitei a procurar só a disponibilidade pela a United, mas em todas as cias da Star que voam rotas nas americas (Copa, Air China, Air Canada etc..) até para confirmar que a disponibilidade realmente existia.

Anexo também aqui a tela que mostra a disponibilidade na Azul, que mostra na TAP mas não valida:

Espero que meu relato tenha ajudado, e mais uma vez, MUITO OBRIGADO pelo trabalho fantástico de vocês. Sem essas dicas, nada disso seria possível!


Comentário

Agradecemos o George pelo rico e bem explicado relato! Em uma só emissão ele conhecerá dois serviços de classe executiva diferentes (Copa e da Air Canada), muito bom!

Se você também tem um história de sucesso e quer ter seu relato publicado aqui, siga as instruções deste post – vai ser um prazer pra nós!

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.