fbpx

Reino Unido exigirá quarentena obrigatória para visitantes internacionais

Notícias

Por Gabriel Marinho

O governo do Reino Unido anunciou novas medidas na sua fronteira para se proteger contra uma segunda onda de infecções por coronavírus.

À medida que a taxa de transmissão no Reino Unido diminui e o número de viajantes que chegam ao país começa a aumentar nos próximos meses, os casos importados podem representar uma ameaça maior, pois podem se tornar uma proporção maior do número total de infecções no Reino Unido e aumentar a propagação da doença. Por isso, o governo anunciou medidas que serão impostas aos viajantes internacionais.


Quarentena obrigatória

Dentre as novas medidas, o governo passará a exigir quarentena obrigatória de 14 dias para todo e qualquer viajante que chegar no país, incluindo cidadãos britânicos. Para isso, todos os passageiros que chegarem deverão preencher um formulário online para fornecer informações de contato e planos de viagem, para que possam ser contatados se, ou alguém com quem estiver em contato, desenvolver a doença.

Através do formulário de contato, todos os passageiros que chegarem precisarão fornecer detalhes de suas acomodações de auto-isolamento. Se ela não atender aos requisitos necessários – como hotéis,  com amigos ou com familiares – os viajantes deverão se auto-isolar em instalações organizadas pelo governo

Para cumprir o isolamento, as pessoas devem usar transporte pessoal, como um carro, para viajar para suas acomodações, sempre que possível. Assim que chegarem no local onde ficarão de quarentena, os viajantes não devem deixar suas acomodações por 14 dias.

Isso significa que não devem ir ao trabalho, escola ou áreas públicas, nem usar transportes públicos ou táxis. Eles não devem receber visitantes, incluindo amigos e familiares, a menos que estejam oferecendo apoio essencial.

Eles não devem sair para comprar comida ou outros itens essenciais caso possam ter a ajuda de terceiros.

Uma quebra do auto-isolamento será punida com um aviso de multa de £ 1.000. O nível de multa poderá aumentar se o risco de infecção do exterior aumentar.


Pontos de checagem

A Border Force realizará verificações na fronteira e poderá recusar a entrada a qualquer cidadão não britânico que se recuse a cumprir com os regulamentos. O não preenchimento do formulário também é punível com um aviso e multa fixa de £ 100. As autoridades de saúde pública realizarão verificações aleatórias para garantir a conformidade com os requisitos de auto-isolamento. A remoção do país seria considerada como último recurso para os estrangeiros que se recusarem a cumprir essas medidas de saúde pública.

As novas medidas entrarão em vigor no dia 8 de junho.

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.