fbpx

Singapore Airlines se prepara para operar jatos de corredor único

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Singapore Airlines anunciou a primeira rota a ser operada com um Boeing 737-800 NG, transferido da sua companhia irmã SilkAir. Com a novidade, a empresa, que atualmente opera apenas aeronaves maiores (como as de corredor duplo, como o A380 e o Boeing 787), começará a voar com jatos menores.

Singapore Airlines 737

A operação com o 737 se iniciará em março, em voo com destino a Phuket, na Tailândia. “Mais rotas da SilkAir serão transferidas assim que os nove 737-800 forem adicionados à frota da SIA. A introdução dos 737-800 NG trará uma experiência de viagem mais confortável para os clientes em nossas rotas regionais. A integração do SilkAir com a Singapore também nos permite ser ágeis e flexíveis na implantação de aeronaves, além de apoiar nossa estratégia de crescimento de frota e rede”, disse o CEO da companhia, Choon Phong.


O 737-800 da SilkAir

O 737-800 de matrícula 9V-MGK é o primeiro de nove jatos do modelo da Singapore configurado em 162 assentos, sendo eles: 12 na Classe Executiva e 150 na Classe Econômica. O restante de 737s remanescentes na frota da SilkAir serão vendidos. Além de integrar as antigas rotas do SilkAir em sua rede, a Singapore disse ainda que também colocará o B737 em operação para destinos que fazem parte da sua atual malha aérea (com Brunei sendo o primeiro destino da companhia a ser atendido pelo 737).

Veja abaixo uma imagem da classe executiva do 737 da SilkAir (layout 3-3):


O 737 MAX

A SilkAir possui seis aeronaves da família MAX em sua frota, além de um pedido junto à Boeing de mais 31 jatos do modelo. Essas aeronaves, no entanto, não poderão voar por ora. O impedimento dos voos com o MAX segue vigente em Singapura, apesar do jato já ter recebido a permissão de voos na Europa, Brasil e Estados Unidos.


Mais rotas da SilkAir serão transferidas progressivamente, à medida que os nove 737-800 NG forem configurados para se juntar à frota da Singapore. A absorção total da SilkAir na Singapore Airlines está programada para ser concluída até o ano que vem.

No momento, ainda não foi informado se a junção das empresas ocasionará no fim da SilkAir, ou se ambas as companhias continuarão operando com nomes distintos. Além dos 737s, a SilkAir ainda tem em sua frota cinco Airbus A320 e dois A319.

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.