fbpx

United Airlines testa tecnologia de biometria integrada no Aeroporto de São Francisco

Notícias

Por Gabriel Marinho

O Aeroporto Internacional de São Francisco (SFO) e a United Airlines se tornaram os primeiros nos Estados Unidos a testar uma experiência de aeroporto que envolve tecnologia biométrica e sem contato, desde o check-in até o embarque, para viajantes domésticos em voos selecionados.


Biometria facial

Usando o programa chamado SITA Smart Path, os passageiros que participam do teste podem vincular sua carteira de motorista à sua biometria facial na hora do check-in. Com isso, é possível se locomover pelo aeroporto, desde o check-in até a entrega da bagagem, segurança e embarque, simplesmente escaneando seu rosto em cada ponto de checagem, sem a necessidade de mostrar algum tipo de documento. Isso reduz o contato físico e fornece um processo mais eficiente para viajantes e funcionários.

Em 2020, mais da metade de todos os voos internacionais em SFO tiveram seu embarque usando biometria. Hoje, o aeroporto e a United estendem essa mesma experiência aos passageiros domésticos em voos selecionados do SFO.


Viagens mais seguras durante a pandemia

Em resposta à COVID-19, o SFO, a United e a SITA estão trabalhando juntas para fornecer soluções de autoatendimento inovadoras e seguras que reduzem o contato do passageiro com superfícies e as suas interações com os funcionários. Tudo isso enquanto melhoram a experiência do cliente e reduzem os tempos de processamento.

O Diretor do Aeroporto Internacional de São Francisco, Ivar C. Satero, disse que acredita “firmemente que as tecnologias sem toque serão uma parte importante da experiência de viagem aérea pós-pandemia e estamos orgulhosos de que a United Airlines tenha escolhido o SFO como local para testar essa solução da SITA. Essa colaboração mostra nosso compromisso coletivo em restaurar as viagens aéreas a um padrão ainda mais alto de segurança e eficiência para nossos hóspedes. Agradecemos à United e à SITA por sua liderança e visão nesse esforço.


Tecnologia de biometria em aeroportos do Brasil

Em 2019, antes mesmo da pandemia, a GOL testou essa tecnologia de reconhecimento facial para o embarque de seus passageiros. Na época, o Dérek teve a chance de testar o lançamento dessa alternativa. A alternativa apresentada pela United em SFO é ainda mais abrangente e permite o reconhecimento facial em diversa etapas da viagem no aeroporto, sem a necessidade de apresentar documentos.

No ano passado, uma ideia similar foi testada no Aeroporto de Florianópolis para permitir o embarque de passageiros através do reconhecimento facial.


O que achou dessa ideia da United?

Baixe o app Passageiro de Primeira

google-play
app-store

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas VIP, hotéis, cartão de crédito e promoções.