fbpx

Azul voará para a África pela 1ª vez

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

A Azul solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) permissão para operar um voo até Luanda, capital da Angola, para repatriar brasileiros. O voo será operado pelo A330-900neo da companhia – sua maior aeronave, com quase 300 lugares.

Como a TAAG e a South African Airways suspenderam voos para o Brasil, e a Ethiopian suspendeu voos para a Angola, restou a Azul ir até a Luanda e operar o voo de repatriação.


Voo de repatriação

O voo de ida sairá de Recife às 22h10 do dia 18 de abril, com chegada prevista na Angola às 9h30 do dia seguinte (19). Já o de volta partirá de Luanda às 11h (horário de Angola), chegando no Brasil às 14h30 (horário de Brasília) do mesmo dia.


A crise de saúde pela qual o mundo está passando está desafiando companhias aéreas a operarem para novos destinos. Um exemplo é a Garuda Indonesia, que voará para o Brasil pela primeira vez, trazendo brasileiros que se encontram no Sudeste Asiático. Além disso, outras companhias também estrearam “novas rotas” – como a Hi Fly, que operou um voo direto de Montevidéu, no Uruguai, a Melbourne, na Austrália.

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.