fbpx

Delta conclui oferta pública para compra de ações da LATAM

Notícias

Por Dérek Arakaki

A Delta Air Lines informou que concluiu com sucesso sua oferta de compra, anunciada anteriormente, e adquiriu uma participação acionária de 20% no LATAM Airlines Group S.A por aproximadamente US $ 1,9 bilhão.

Segundo a Delta, esse é um marco importante para reunir as principais companhias aéreas da América do Norte e do Sul e que esse movimento faz parte da estratégia de realizar investimentos em companhias aéreas parceiras em todo o mundo.

“Estamos ansiosos para trabalhar com a LATAM para criar uma parceria de nível mundial que dará aos nossos clientes um acesso imcomparável em todas as Américas”, disse Steve Sear, presidente da Delta. “Investimentos em ações como essa ajudam a criar um alinhamento entre nossas parcerias, à medida que reunimos nossas marcas, o que nos permite oferecer o melhor serviço e com confiabilidade para nossos clientes”.

Em setembro, a Delta e a LATAM anunciaram uma parceria estratégica, incluindo o agora concluído investimento de 20% em ações e também uma joint venture comercial. Segundo as companhias, quando estiver totalmente implementada, essa parceria abrirá oportunidades de crescimento para ambas as aéreas e oferecerá mais opções de viagem para os clientes, com acesso a 435 destinos em todo o mundo.

Mais recentemente, as companhias anunciaram novos acordos de codeshare para voos operados por determinadas afiliadas da LATAM na Colômbia, Equador e Peru a partir do primeiro trimestre de 2020. O acordo oferecerá aos clientes maior conectividade entre até 74 destinos nos Estados Unidos e até 51 destinos na América do Sul.


Comunicado LATAM

A LATAM também soltou um comunicado sobre o assunto:

O Grupo LATAM Airlines informou esta tarde à Comisión para el Mercado Financiero (CMF) que a Delta Air Lines, Inc, adquiriu 121.281.538 ações da companhia, o que representa 20% do total de ações emitidas, subscritas e pagas pela LATAM Airlines, por meio de uma oferta pública de aquisição de ações (OPA) lançada em 27 de novembro.

Ao mesmo tempo, a Costa Verde Aeronáutica S.A., de propriedade da família Cueto, informou ao órgão regulador que vendeu 36.748.228 ações da LATAM Airlines para a Delta no processo da OPA. Desta forma, a CVA reduziu a sua participação acionária (direta e indireta) de 159.137.727 ações, que representam 26,24% do capital acionário da LATAM Airlines, para 122.389.499 ações, que representam 20,18%. A Costa Verde continua sendo o principal acionista individual da LATAM Airlines.

Por referir-se exclusivamente à propriedade e controle da LATAM Airlines, não há efeito financeiro sobre os ativos, passivos ou resultados da LATAM Airlines.

Essa operação faz parte do acordo entre o Grupo LATAM Airlines e a Delta anunciado em 26 de setembro de 2019, que também inclui uma aliança estratégica que envolve os principais grupos de companhias aéreas da América Latina e da América do Norte, sujeitos a aprovações governamentais e regulatórias.

As malhas aéreas altamente complementares das companhias fornecerão aos clientes uma experiência de viagem com mais conectividade para 435 destinos em todo o mundo. Além disso, as transações contempladas no contrato permitirão à LATAM fortalecer a sua estrutura de capital, melhorando o seu fluxo de caixa e com consequente redução da sua dívida futura.


Lembrando que os acordos de cooperação e codeshare estão sujeitos a aprovações governamentais e regulamentares.

Qual sua expectativa para a parceria entre Delta e LATAM?

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.