fbpx

Dubai reabre para turistas estrangeiros em julho

Notícias

Por Equipe | Passageiro de Primeira

Boa notícia! O Governo de Dubai informou que vai reabrir sua fronteiras para a entrada de turistas estrangeiros a partir do dia 07 de julho. Quem quiser viajar para lá terá que apresentar o comprovante que testou negativo para o coronavírus 96h antes do embarque. Como alternativa, é possível fazer o teste na chegada em Dubai.


Comunicado

Confira abaixo alguns trechos do comunicado:

O Comité Supremo de Gestão de Crises e Desastres do Dubai informou que tomou uma decisão para permitir que estrangeiros com vistos de residência emitidos em Dubai retornem ao emirado a partir de amanhã (segunda-feira, 22 de junho). Também permitirá que cidadãos e residentes viajem para qualquer país estrangeiro a partir da terça-feira, 23 de junho, desde que os países de destino concordem em recebê-los. Além disso, eles devem se comprometer a observar as medidas de precaução descritas pelos países que estão visitando.

O Comitê também decidiu começar a receber visitantes e turistas do exterior a partir de 7 de julho de 2020. As novas decisões são apoiadas por protocolos e medidas preventivas destinadas a proteger a saúde e o bem-estar de todos os passageiros que viajam para dentro ou fora dos Aeroportos de Dubai.

  • Retorno de residentes ao Emirado

Os residentes com vistos emitidos em Dubai podem retornar ao país mediante pré-reserva de voos em qualquer companhia aérea, desde que obtenham uma aprovação coordenada entre a Direção Geral de Assuntos de Residência e Estrangeiros (GDRFA Dubai) e a companhia aérea. Os residentes devem preencher um ‘Formulário de Declaração de Saúde’ antes de embarcar para confirmar que não apresentam sintomas de COVID-19. A companhia aérea tem o direito de recusar o embarque se os passageiros apresentarem algum sintoma do coronavírus.

Após a chegada aos aeroportos de Dubai, todos os residentes deverão passar por um teste de PCR para triagem de COVID-19. Os residentes devem registrar seus detalhes no aplicativo COVID-19 DXB, disponível on-line na chegada e antes de sair do terminal.

Os residentes que entram no Dubai não devem sair de casa até receberem o resultado do teste COVID-19. Se apresentarem resultados positivos, terão que se isolar em casa por 14 dias.

Os moradores que compartilham casas ou moram em instalações de alta densidade serão isolados em uma instalação institucional se apresentarem resultados positivos. O empregador do residente deve tomar providências para a instalação de isolamento de acordo com as diretrizes aprovadas pelo Centro de Comando e Controle COVID-19 ou arcar com os custos de uma instalação de isolamento paga fornecida pelo governo.

  • Cidadãos e residentes que viajam para o exterior

Não haverá restrições para destinos no exterior para os quais cidadãos e residentes possam viajar. No entanto, eles devem cumprir as diretrizes e protocolos seguidos nos países para os quais estão viajando. Eles também devem preencher um ‘Formulário de Declaração de Saúde’ antes de embarcar para confirmar que não apresentam nenhum sintoma de COVID-19. A companhia aérea tem o direito de recusar o embarque se apresentar algum sintoma da doença.

No retorno a Dubai, cidadãos e residentes terão que passar por um teste de PCR no aeroporto. Eles devem registrar seus detalhes no aplicativo e comprometer-se a se restringir em casa até que os resultados dos testes estejam disponíveis. Caso os resultados sejam positivos, devem se isolar por 14 dias e seguir todas as diretrizes e medidas descritas pelo Centro de Comando e Controle de COVID-19.

  • Turistas internacionais

Os turistas internacionais que viajam de avião para Dubai devem garantir que cumpram todos os requisitos de entrada nos Emirados Árabes Unidos. O download do aplicativo COVID-19 DXB e o registro de suas informações são extremamente importantes, pois facilitam a coordenação e a comunicação com as autoridades de saúde, se houver sintomas do vírus. Além de preencher o ‘Formulário de Declaração de Saúde’ antes de embarcar, eles devem garantir um seguro de saúde válido para entrar no país. A companhia aérea tem o direito de recusar o embarque no aeroporto de partida, se o passageiro apresentar algum sintoma de COVID-19.

Os turistas devem fazer um teste de PCR com validade máxima de quatro dias (96 horas) antes da data de partida. Eles deverão comprovar que não foram infectados pelo vírus na chegada aos aeroportos de Dubai. Se eles não puderem fornecer prova, serão submetidos a um teste de PCR no aeroporto.

Todas as chegadas serão sujeitas a triagens térmicas. Se houver suspeita de um viajante com sintomas COVID-19, os aeroportos de Dubai têm o direito de fazer um novo teste para garantir que o turista esteja livre do vírus. É obrigatório que os turistas que testam positivo para COVID-19 registrem seus detalhes no aplicativo COVID-19 DXB e se isolem em uma instalação institucional fornecida pelo governo por 14 dias às suas próprias custas.

Todos os casos positivos de COVID-19 devem seguir estritamente as medidas descritas pelo Centro de Comando e Controle de COVID-19.


TAP Miles&Go e Emirates

Lembrando que o programa TAP Miles&Go não está mais cobrando taxa de combustível nos resgates de voos da Emirates. Ou seja, para quem tem planos de viajar para Dubai (ou conectar na cidade árabe para outros destinos), emitir o bilhete através do Miles&Go é uma ótima opção.


Para mais informações, acesse o Media Office do Governo de Dubai.

Newsletter

O maior portal de Programas de Fidelidade do Brasil.
Tudo sobre milhas e pontos, avaliação de voos, salas vip, hotéis, cartão de crédito e promoções.